conecte-se conosco


Tecnologia

Whatsapp foi aplicativo mais baixado no Brasil e no mundo em 2019

Publicado

source

Agência Brasil

pessoa segurando celular arrow-options
Reprodução

WhatsApp é o aplicativo mais usado do mundo

O aplicativo, ou app, Whatsapp foi o que apresentou o maior número de usuários no mundo e no Brasil . A informação é do relatório “Estado do Mundo Móvel 2020”, da consultoria App Annie, levantamento mais renomado sobre o mercado de aplicativos. O documento mostrou também que os brasileiros estão em terceiro no ranking de quem mais passa tempo utilizando esses programas.

No ranking mundial de mais usuários mensais, o Whatsapp ficou no topo. A lista evidencia a manutenção do domínio do Facebook, empresa que controla o app de mesmo nome, o FB Messenger, o Instagram e o próprio Whatsapp . Tomando números absolutos, o ranking é completado por apps chineses, em um mercado turbinado pela grande população do país.

Leia também: Golpe da clonagem do WhatsApp continua circulando; saiba como se proteger

Já no ranking de receitas obtidas em apps pagos, o grupo mostra a força dos apps de entretenimento e dos serviços de relacionamento. Neste último grupo está o Tinder, que encabeça a lista. Em seguida vêm aplicações de vídeo, como Netflix, Youtube e a chinesa Tencent Video.

Já no ranking de downloads, as posições invertem-se entre os apps do Facebook. Na comparação com o número de usuários mensais, entra o app de mobilidade da 99Taxis e o editor de vídeos para o Whatsapp Kwai.

Leia também: WhatsApp não vai mais funcionar em alguns celulares; veja se o seu está na lista

Na lista de gastos com apps, o Tinder também figura em primeiro, para além da presença de outro programa de relacionamentos, o Happn. Os serviços de streaming também aparecem com força, com a diferença da presença do maior conglomerado de mídia do país, com o GloboPlay, e do Hbo Go e o produto voltado ao público infantil PlayKids.

Fonte: IG Tecnologia
Comentários Facebook

Tecnologia

Google derruba recurso para evitar queda de sites de combate à pandemia

Publicado

por

source

Olhar Digital

Google Chrome arrow-options
Unsplash

Google desabilita função de privacidade do Chrome


O Google decidiu desfazer uma mudança implementada recentemente no Chrome por causa do novo coronavírus (Sars-CoV-2). A empresa optou por reverter um update que mudaria a forma como o navegador lida com cookies e que poderia fazer com que sites parassem de funcionar adequadamente.

A versão 80 do Chrome , liberada em fevereiro, trouxe uma alteração fundamental na forma como interpreta os cookies SameSite , visando melhorar a privacidade dos usuários dificultando alguns tipos de rastreamento por sites de terceiros, como explica o 9to5Google . No entanto, essa transição tem um efeito colateral: quebrar alguns sites que não tenham sido atualizados recentemente para se adaptar.

Leia também: Quer encontrar a cura para a Covid-19? Seu computador pode ajudar

A empresa entendeu que este momento, durante a pandemia da Covid-19 , não era o momento ideal para fazer com que nenhum site parasse de funcionar, sob o risco de tornar inacessíveis serviços essenciais , como o e-commerce ou páginas informativas de governos , como explica a empresa no blog oficial.

O Google diz que não desistiu de implementar a mudança, mas que temporariamente a função foi desabilitada a partir de sexta-feira (3). A expectativa da empresa é que seja possível reativá-la a partir do terceiro trimestre.

Fonte: IG Tecnologia
Comentários Facebook
Continue lendo

Tecnologia

Lançamento se aproxima: iPhone 9 tem pré-venda em site chinês

Publicado

por

source
iPhone arrow-options
Reprodução/@WhatTheBit

Imagem vazada do iPhone 9

A chegada do novo iPhone 9 ou iPhone SE pode estar mais perto do que se imagina. No último domingo (5), o smartphone apareceu no site da varejista chinesa JD.com, pronto para ser reservado pelos clientes. 

A página não traz nenhum detalhe do aparelho, tanto no que diz respeito às especificações quanto sobre o preço. Apesar disso, a presença do iPhone 9 (nome que aparece no site) no e-commerce já indica que seu lançamento pode estar próximo. 

Leia também: Vídeo vaza o design do novo iPhone 9; assista

Os olhares dos amantes de tecnologia já tinham se voltado para o novo iPhone alguns dias antes, porém, quando a própria Apple deixou vazar informações sobre ele em seu site oficial. No e-commerce norte-americano, uma película para o iPhone SE (como ele foi chamado pela empresa) foi colocada à venda. 

A publicação traz alguns detalhes do novo celular , já que diz que a película também é compatível para os iPhones 7 e 8. Isso significa que a tela do novo “baratinho” da Apple deve ter 4,7 polegadas, assim como os outros dois modelos. 

Leia também: iPhone subaquático? Apple registra patente com recursos curiosos

Outro detalhe de design que chama a atenção no anúncio da Apple é a presença do Touch ID , já esperado para o novo modelo. 

iPhone 9 ou iPhone SE

O iPhone 9 ou SE é um modelo mais barato do celular da Apple . Apesar do nome ainda não estar confirmado, o smartphone deve chegar em breve. A expectativa era de que ele fosse lançado ainda em março. Com a pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2), porém, os planos da Apple foram adiados. 

Rumores indicam que o iPhone 9 ou SE será lançado com processador Apple A13, 3 GB de memória RAM e 64 GB de armazenamento interno. A câmera traseira deve ser única e ter 12 MP.

Fonte: IG Tecnologia
Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana