conecte-se conosco


Nacional

Vítima de agressão em Ilhéus desabafa: “Sempre achava que ele iria mudar”

Publicado


source

Franciele Azevedo , de 26 anos,  agredida por um homem com vários socos em Ilhéus, na Bahia, falou pela primeira vez sobre o ocorrido através de um post nas redes sociais.

agressão
Reprodução/redes sociais

Jovem vítima de violência falou sobre agressões


A jovem contou que vivia um relacionamento abusivo com Carlos Samuel Freitas e que sofreu várias agressões do rapaz, que tem 33 anos e teve a prisão preventida decretada. Agora, ele é considerado foragido.

“Me chamo FRANCIELE AZEVEDO o vídeo que está circulando, onde apareço sendo agredida sou eu. Portanto demorei para me posicionar pelo fato, que sempre achava ele iria mudar onde permaneci por um tempo no relacionamento abusivo, pois o mesmo depois de todas as vezes que me agredia me pedia desculpas e falava que não lembrava o que tinha feito e nem o porque tinha feito e no final a culpa era sempre minha”, disse ela no post.


“Não é fácil para mim vim aqui falar sobre esse assunto onde várias pessoas me julgam, como se eu merecesse e sempre me culpando pelas as agressões, minha única culpa foi pensar que um dia ele mudaria, mas n mudou. Onde sofri pressões psicológicas, sigo hoje cheio de problemas e dores que essas agressões me causaram”, completou.

Comentários Facebook

Nacional

Homens invadem casa e atiram em 4 pessoas; 3 morrem, incluindo mãe e filho

Publicado

por


source
mão segura arma
IG – Último Segundo

Dois atiradores invadem casa, matam três pessoas e deixam um ferido


Na madrugada deste sábado (17), uma casa no bairro de Granja Werneck , em Belo Horizonte , foi invadida por atiradores , que mataram três pessoas e deixaram um ferido. Entre os mortos estão Alan de Souza do Nascimento, de 19 anos, e sua mãe, Eliana Santa de Souza Martins, 42.


Para a Polícia Militar, o sobrevivente de 40 anos que não foi identificado reportou que dois homens forçaram entrada na casa às 3h, quando todos estavam dormindo. Logo começaram a atirar. Alan levou oito tiros na região das costas e na cabeça. Eliane foi atingida seis vezes.

Além dos dois, também estão entre os mortos Cleberson Carlos Ferreira, de 25 anos, que dormia no mesmo quarto que Eliana. Após levar um tiro na nuca, Cleberson conseguiu correr até um terreno vazio em frente à casa.

O sobrevivente conseguiu correr e pedir ajuda para os vizinhos. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi chamado ao local e ele recebeu atendimento. Os outros três baleados não resistiram.

O caso será investigado pela Polícia Civil. A Polícia Militar está fazendo rastreamento para conseguir evidências. Nenhum suspeito foi localizado e não há motivação clara para o crime. Os vizinhos optaram por não prestar depoimento.

Comentários Facebook
Continue lendo

Nacional

Promotor teme que André do Rap esteja na Bolívia

Publicado

por


source

O promotor do Ministério Público, Lincoln Gakiya, que já trabalhou em alguns casos do PCC , teme que André do Rap  tenha fugido para a Bolívia. Em entrevista à CNN, ele disse que o país não costuma colaborar com as autoridades na busca por criminosos.

André do Rap
ig

André do Rap


Na entrevista, o promotor admitiu que a polícia tem poucas informações sobre o paradeiro de André do Rap , mas que ele deve ter saído do Brasil.

“Por enquanto nós não sabemos sequer se o André do Rap saiu do Brasil. Temos só suspeitas. Diligências estão sendo feitas em contato com outros países para ver se a gente localiza. É possível que ele esteja na Bolívia, mas é só suspeita. Temos um problema sério de cooperação com Bolivia. Isso tem feito com que vários criminosos escolham esse país para se esconder”, disse ele, deixando claro que o grande problema é a corrupção policial no país.

“Na Bolívia os traficantes conseguem, com poderio financeiro, cooptar e corromper policiais para obter proteção. Mas estamos trabalhando com análises de vínculos, de parentes, com tudo que é possível”, completou o promotor.


O promotor também explicou porque a fuga de André do Rap preocupa. “Ele era um criminoso comum. Mas em 2010 assumiu no PCC, junto com outros, a função de estruturar o tráfico internacional de cocaína para Europa, a partir do Porto de Santos. Ele fez isso com muita propriedade, com muito sucesso. Tanto que o tráfico internacional hoje é o ‘carro chefe’ e principal fonte de arrecadação do PCC. Com a soltura, é perigoso, porque ele detém toda a expertise no contato com países produtores de cocaína e também com Europa. É muito perigoso. Perde a sociedade, que está em risco, e ganha o crime organizado”, concluiu Lincoln.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana