conecte-se conosco


Cidade

Unidades de Saúde recebem equipamentos para informatização do sistema

Publicado

A Atenção Básica da Secretaria Municipal de Saúde de Alta Floresta recebeu na última segunda-feira, 22 de julho, pouco mais de R$ 246 mil em equipamentos, que garantirão mais qualidade no atendimento aos pacientes e mais transparência aos trabalhos realizados pelas Unidades de Saúde.

Uma breve cerimônia que reuniu o Prefeito de Alta Floresta, Asiel Bezerra de Araújo, secretário de saúde, Marcelo de Alécio Costa e servidores da saúde, vereadores e secretários de Gestão Elsa Lopes de Assuntos Estratégicos José Carlos Cavagnoli e de Agricultura Waldiney Trujillo, foi realizada na sede do almoxarifado central para a entrega do material adquirido.

“A ideia é informatizar, interligando em rede as unidades para que a gente possa ter maior conhecimento dos pacientes, visando melhor atender o usuário também”, apontou a coordenadora de Atenção Básica Leticia Viotto, destacando que a correta informação repassada pelo município se torna em garantia de repasses, “O Ministério da Saúde vê a gente de acordo com os dados que a gente produz, então essa informatização vai ajudar nesse sentido, de melhor informar estes dados”.

Entre os equipamentos adquiridos estão: mesas, cadeiras, longarinas, ar condicionado, armários, computadores completos, impressoras, cadeiras odontológicas e prateleira de aço. A aquisição se deu com recursos de Emenda parlamentar do deputado Ságuas Moraes no valor de R$ 149 mil, junto com saldo de emenda do Deputado Victório Gali e do próprio Ságuas. Um total de R$ 246.644,61 equipamentos para Atenção Básica.

Leia mais:  Taxistas e moto-taxistas fazem pressão na Câmara contra aplicativo de transporte executivo

A entrega marca mais uma etapa da atual administração, que é comemorada pelo prefeito. “É mais um dia de alegria para Alta Floresta, a secretaria de saúde tinha uma carência nessa área de informática, o serviço era prestado, mas faltavam as informações ao Ministério da Saúde e agora poderão ser prestados e colocar Alta Floresta no cenário nacional da saúde”, pontuou Asiel Bezerra de Araújo.


Fonte: AMM

Comentários Facebook

Cidade

Detran-MT notifica 111 condutores por suspeita de irregularidade na obtenção da CNH

Publicado

por

O Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran-MT) notificou 111 condutores por suspeitas de irregularidades na obtenção da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Os dois editais de notificação foram publicados no Diário Oficial que circula nesta quinta-feira (12.12).

O primeiro edital notifica 22 condutores quanto a instauração de processo administrativo para anulação dos atos administrativos que resultaram na emissão da CNH, por suspeitas de irregularidades, em decorrência de vicio de procedimento.

Esses motoristas têm o prazo de 10 dias, contados da publicação do edital, para apresentar defesa por escrito ao Diretor de Habilitação do Detran-MT, contendo qualificação pessoal, exposição dos fatos, fundamentação legal do pedido, documentos que comprovem a alegação e cópias de documento de identidade que contenha assinatura.

Os documentos devem ser protocolados na sede do Detran-MT, na Av. Hélio Ribeiro, nº. 1000, Centro Político Administrativo, Cuiabá, ou em qualquer Ciretran do interior do Estado.

O outro edital publicado notifica 89 motoristas quanto a decisão administrativa que determinou a invalidação do ato administrativo de outorga da habilitação. Estes motoristas têm o prazo de 15 dias, contados da publicação do edital, para interpor recurso por escrito ao presidente do Detran-MT, conforme artigo 56 da Lei 9.784/99, ou entregar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) na sede da autarquia, em Cuiabá, nas Ciretrans no Estado ou qualquer Detran de outras unidades federativas.

Leia mais:  Gabaritos do Enem estarão disponíveis a partir de quarta-feira

O Detran-MT alerta que, caso os condutores notificados quanto decisão administrativa sejam flagrados conduzindo veículo sem a devida habilitação, poderão ser responsabilizados pelo delito tipificado no artigo 309 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) – dirigir veículo automotor, em via pública, sem a devida Permissão para Dirigir ou Habilitação ou, ainda, se cassado o direito de dirigir, gerando perigo de dano. A pena é de detenção de seis meses a um ano ou multa.

A convocação publicada no Diário Oficial do Estado tem sido uma prática constante da autarquia, após esgotadas as tentativas de ciência do motorista por meio de notificação via Correios, em razão da divergência de endereço registrado no Detran-MT.


Por isso, o diretor de Habilitação do Detran-MT, Alessandro Alencar de Andrade, reforça a necessidade do condutor manter atualizado seu endereço junto ao Detran. “O motorista deve estar com seu endereço sempre atualizado, para que ele possa ser notificado e gozar de todos os seus direitos, uma vez que nem todos tem o hábito de ler o Diário Oficial”.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Cidade

Audiência vai debater aumento de alíquota previdenciária dos servidores de MT

Publicado

por

Foto: ANGELO VARELA / ALMT

A Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), por intermédio do deputado estadual Paulo Araújo (PP), realiza  nesta segunda-feira (16), às 14h, audiência pública para debater a proposta de aumento da alíquota a ser aplicada sobre as contribuições mensais, para o custeio do sistema previdenciário, dos servidores públicos do estado de Mato Grosso.

O Conselho de Previdência de Mato Grosso aprovou no último dia 09 a alteração de 11% para 14% na alíquota de contribuição de servidores públicos do Executivo, do Legislativo, do Judiciário, do Ministério Público, Tribunal de Contas e da Defensoria Pública.

Segundo o propositor da audiência pública, a ideia é “ se aprofundar nos números que serão apresentados pelo governo do estado na Assembleia Legislativa, sobre o projeto de lei que trata do aumento da alíquota previdenciária dos servidores públicos de Mato Grosso. Estamos nos reunindo com o Fórum Sindical desde o anúncio por parte do Conselho da Previdência, a fim de encontramos formas de apresentamos uma contra proposta ao governo do estado. Por isso avalio importante essa audiência para ouvirmos os representantes dos servidores públicos do estado”, disse Paulo Araújo.

SERVIÇO

Assunto: Audiência pública para debater o aumento da alíquota previdenciária dos servidores públicos de Mato Grosso

Data: Segunda-feira (16).

Horário: 14h.


Local: no Auditório Milton Figueiredo, da Assembleia Legislativa do estado de Mato Grosso.

Leia mais:  Tangará da Serra: Descarte em ecopontos não terá cobrança de taxa

Fonte: ALMT
Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana