conecte-se conosco


Esportes

Técnico da Inglaterra grava reality show americano de sobrevivência na selva

Publicado


Técnico da Inglaterra gravou episódio de reality show americano
Reprodução
Técnico da Inglaterra gravou episódio de reality show americano

O treinador da seleção da Inglaterra, Gareth Southgate, vai participar de um reality show americano. O Running Wild with Bear Grylls (Correndo na Selva com Bear Grylls) é um programa que leva celebridades para experimentar técnicas de sobrevivência na natureza.

Leia também:  Maradona não consegue responder repórter e entrevista viraliza. Assista


Os episódios da quinta temporada do reality show
começaram a ser gravados no mês de outubro e a participação do inglês deve passar na Discovery Channel no ano que vem.

O apresentador do programa, Bear Grylls, comentou sobre a experiência com o treinador de futebol. “Gareth mostrou uma força incrível em sua vida ao se tornar o técnico da Inglaterra, e nossa missão juntos certamente o desafiou em muitos níveis”, disse.

De acordo com Grylls, “a selvageria sempre recompensa o compromisso e a coragem, e Gareth tem essas duas qualidades”, concluiu.

Em entrevista, o treinador
comentou sobre a experiência de sobrevivência. “A missão do Bear não me decepcionou em apresentar alguns grandes desafios físicos e mentais nos últimos dias”. Não foi revelado qual foi o destino da dupla nas gravações.

O reality show de Bear Grylls estreou em 2014 e tem uma lista gigante de estrelas do cinema, música e dos esportes que já participaram da atração. No ramo de esportistas, o tenista Roger Federer e o ex-jogador de basquete Shaquille O’Neal já escalaram montanhas com o apresentador.

Leia mais:  Lucas Paquetá agrada Gattuso em primeira semana no Milan: “Estou surpreso”

Leia também:  Boca Juniors assinou documento que dificulta título pelo tribunal. Entenda

Assista abaixo vídeo com o compilado de melhores momentos dos famosos passando perrengue nas aventuras de Grylls.

Um dos episódios mais famosos do programa foi ao ar em dezembro de 2015 com o então presidente dos Estados Unidos, Barack Obama. Ele caminhou pela geleira de Exit, no Alaska, e conversou sobre conservação e o impacto da mudança climática na região.


Antes de reality show, Gareth Southgate fez sucesso na Copa do Mundo com colete e gravata
Getty Images
Antes de reality show, Gareth Southgate fez sucesso na Copa do Mundo com colete e gravata

Gareth Southgate
nasceu em Watford, na Inglaterra, em 1970. Iniciou sua carreira no futebol em 1988 pelo Crystal Palace e jogava como zagueiro. Só defendeu três times enquanto jogador e encerrou seu ciclo no ano de 2007 no Middlesbrough.

Retirou a licença da Uefa para ser treinador e a primeira equipe que comandou foi o time pelo qual se aposentou dos gramados como atleta. Em 2013 iniciou sua trajetória na seleção sub-21 da Inglaterra e, no ano de 2016, assumiu a equipe principal.

Leia também:  Campeonato Italiano promove ação contra a violência doméstica na Itália

Antes de ser escalado para o reality show
como uma ‘celebridade’, Gareth chamou a atenção do mundo do futebol por usar um colete e gravatas a beira do campo na Copa do Mundo da Rússia. O estilo repercutiu e, com a boa apresentação da Inglaterra no Mundial (4º lugar ), as vendas da peça dispararam no país.

Leia mais:  De volta à seleção brasileira após oito anos, Lucas Bebê fala em recomeço

Comentários Facebook
publicidade

Esportes

Kaká elogia Lucas Paquetá, mas nega qualquer semelhança entre eles

Publicado

por


Lucas Paquetá, cria do Flamengo, chegou ao Milan neste ano
Ansa Brasil
Lucas Paquetá, cria do Flamengo, chegou ao Milan neste ano

O ex-jogador Kaká elogiou nesta quinta-feira (21) o meio-campista Lucas Paquetá, do Milan, mas afirmou que não se acha parecido com o seu compatriota, camisa 39 do clube rossonero.

Leia também: Lucas Paquetá agrada Gattuso em primeira semana no Milan: “Estou surpreso”


Desde que chegou ao Milan, Lucas Paquetá
atuou em sete partidas e marcou um gol, além de ter dado duas assistências. O jogador de 21 anos de idade conquistou o técnico Gennaro Gattuso e virou peça importante no elenco.

“Lucas é um bom jogador, ele fez bem em ir ao Milan
. A situação do clube mudou e ele está ajudando a reconstruir o time. Essa é uma nova era ao Milan e Lucas chegou em grande momento”, disse Kaká
em entrevista ao jornal “Tencent Sports”.

Leia também: Kaká lamenta preparação da seleção brasileira para Copa de 2006: “Bagunça”

Na chegada de Paquetá ao Milan, a imprensa italiana afirmou que o ex-jogador do Flamengo era o “novo Kaká”. No entanto, o Bola de Ouro de 2007 negou as semelhanças.

“Eu não acho que somos parecidos e não acho que é o melhor nos comparar. Lucas pode fazer boas coisas, ele tem grandes qualidades, mas nós vamos com calma, sem pressão. Espero que ele possa ter os mesmo resultados que eu fiz”, concluiu o ex-jogador de Milan, Real Madrid, São Paulo e Orlando City.

Leia mais:  Lucas Paquetá agrada Gattuso em primeira semana no Milan: “Estou surpreso”

Paquetá foi apresentado em janeiro como novo reforço do Milan, que pagou 35 milhões de euros (cerca de R$ 150 milhões) para tirar a revelação do Flamengo. Ao lado do atacante Krzysztof Piatek, ex-Genoa, foram os jogadores mais badalados da última janela de transferência.

Leia também: Após perder Higuaín para Chelsea, Milan contrata sensação polonesa de 23 anos

O próximo compromisso do Milan será nesta sexta-feira (22), no San Siro, contra o Empoli, pela 25ª rodada do Campeonato Italiano. E Lucas Paquetá
deverá estar em campo pelo time rossonero. 

Fonte: IG Esportes
Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

Barcelona apresenta queixa formal a Uefa por confusão de torcedores na Champions

Publicado

por


Torcida do Barcelona teve conflitos depois de jogo da oitavas da Liga dos Campeões da Uefa
Reprodução
Torcida do Barcelona teve conflitos depois de jogo da oitavas da Liga dos Campeões da Uefa

Uma confusão entre torcedores do Barcelona depois do duelo contra o Lyon na última terça-feira, na França, pela Liga dos Campeões da Uefa, obrigou a equipe catalã a abrir investigação e impor sanções aos envolvidos.

Leia também:  Para Neymar, discussão sobre ‘quem é maior na era pós-Pelé’ não faz sentido 


De acordo com informações do jornal Mundo Deportivo
, um grupo de 20 torcedores da Boixos Nois, torcida organizada do Barcelona, compareceu ao estádio Parc Olympique Lyonnais, em Lyon, na primeira partida das oitavas de final da Liga dos Campeões da Uefa
, e discutiu com outros torcedores presentes na arquibancada.

Aos gritos de ‘morte a Laporte’, presidente da equipe, e com a resposta de nacionalistas catalães que gritavam por liberdade aos presos políticos, as duas alas da torcida se enfrentaram após o apito final. A publicação cita que foi necessário uma intervenção policial para que não houvessem feridos.

O grupo de torcedores radicais estava sendo monitorado pela polícia da prefeitura de Lyon e pelos Mossos d’Esquadra, a polícia da Catalunha. O Barcelona
soube da presença dos ultras antes da partida e vetou a venda de ingressos para eles.

Porém, considerando os riscos para a segurança fora do estádio, a polícia local aprovou a venda de ingressos para os Boixos Nois. Após os conflitos, o Barcelona enviou uma queixa formal à Uefa pelo ocorrido.

Leia mais:  Goleiros em apuros: Assista aos dez maiores frangos do futebol em 2018

Leia também:  Família de Emiliano Sala pode ficar sem indenização por erro do Cardiff City

É comum que qualquer ato de indisciplina ocorrido durante os jogos da Liga dos Campeões seja reportado no relatório disciplinar do site da Uefa, mas o jogo entre Lyon e Barcelona não está entre os relacionados com conflitos.

Como forma de encontrar os torcedores baderneiros, o Barcelona divulgou comunicado em que diz que a equipe está trabalhando para a identificação dos torcedores
e quando isso acontecer, a Comissão Disciplinar do clube irá se reunir para ‘empreender ações apropriadas’.

Para pedir ajuda, a equipe abriu um canal de comunicação via e-mail e telefone para que os torcedores presentes no Parc Olympique Lyonnais possam ajudar na identificação.

O comunicado acaba afirmando que a “implementar dessas medidas imediatamente, a fim de continuar lutando para erradicar completamente qualquer comportamento violento, e para garantir que as viagens com a primeira equipe sejam uma experiência familiar, confortável e segura”.

Leia também:  Palmeiras pode ser rebaixado para Série B por causa de ex-cartola Del Nero

O Barcelona realiza grupos de viagens com torcedores da Catalunha para jogos fora da Espanha, assim como o da última terça-feira da Liga dos Campeões da Uefa
. O grupo organizado de torcedores viajou por conta própria até a França.

Fonte: IG Esportes
Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana