conecte-se conosco


Esportes

Tangaraenses conquistam 11 medalhas na Copa Internacionais de Judô no Paraguay

Publicado

Oito atletas do Projeto Crianças Primeiro, desenvolvido pelo Lions Clube Tangará da Serra, em parceria com a Secretaria de Esportes de Tangará da Serra, participaram entre os dias 6 a 8 de setembro de duas competições internacionais, sendo uma a XIII Copa Internacional Ponta Porã-MS e a Copa Internacional do Paraguay, conquistando, juntos, 11 medalhas para Tangará da Serra.


Na Copa Ponta Porã foram cinco medalhas, sendo uma medalha de Ouro com a atleta Maria Luiza Oss Emer, duas de Prata com as atletas Maria Eduarda Oss Emer e Maísa Bulhões; e ainda duas de Bronze com Vinícius Santos e Erick Rodrigues. “Já na Copa Paraguay, corrigiram as falhas e conseguiram melhorar o quadro de medalhas”, destacou o sensei Ronaldo Nascimento. Foram quatro medalhas de Ouro, com Maria Luiza e Maria Eduarda Oss Emer, Maísa Bulhões e Vinícius Santos; uma medalha de Prata com Rhayane Salvador; e uma de Bronze com Erick Rodrigues.

“Vale ressaltar que esses atletas estão fazendo história, pois é a primeira vez que atletas de judô de Tangará da Serra participam de uma competição de judô denominada internacional. Acredito que tudo quando feito de coração gera bons frutos e essas crianças, esses resultados, são colheita de um plantio de menos de dois anos. Isso nos motiva a continuar a semear”, completa o sansei, ao explicar que o convite para participarem das competições internacionais foi feito diante do bom desempenho obtido pelos atletas em competições anteriores – etapas nacionais e estaduais.

Agora, os judocas focarão os treinamentos visando a quarta e última etapa do Campeonato Estadual.


 

Leia mais:  Adolescentes participam de atividades artísticas em unidade socioeducativa

 

 

Fonte: Assessoria de Imprensa

Comentários Facebook

Esportes

Secretário especial defende Lei de Incentivo ao Esporte

Publicado

por

source

O secretário especial do Esporte, Décio Brasil, defendeu hoje (11) a Lei de Incentivo ao Esporte (LIE), em vigor desde 2007. Décio Brasil destacou que a legislação tem favorecido o combate à violência e criminalidade nos municípios mais vulneráveis do país. De acordo com o secretário, apenas no ano passado, a LIE captou, como dedução fiscal, R$ 254,2 milhões, atendendo diretamente a cerca de 1 milhão de pessoas.

“O esporte é a ferramenta principal que possibilita a inclusão social, possibilita desviar nossas crianças e jovens do mau caminho, que afasta as ilicitudes que estão afetando as nossas sociedades e ajuda a melhorar os índices de combate à violência e criminalidade nos municípios mais vulneráveis do país”, disse o secretário especial na cerimônia de entrega do 7º Prêmio Empresário Amigo do Esporte, realizada nesta quarta-feira na capital paulista.

Desde que entrou em vigor, a LIE captou R$ 2,4 bilhões para projetos esportivos. No último ano com dados fechados, 2018, 400 projetos foram beneficiados por cerca de 4 mil incentivadores – pessoas físicas ou jurídicas que destinaram parte do imposto devido para projetos aprovados pelo programa.

“O esporte é uma possibilidade de aumentar, favorecer a qualidade de vida para pessoas de todas idades. Temos estatísticas que mostram que, para cada dólar investido no esporte, cinco são economizados na saúde”, ressaltou Décio Brasil.


A LIE permite que empresas e pessoas físicas invistam parte do que pagariam de Imposto de Renda (IR) em projetos esportivos aprovados pela Secretaria Especial do Esporte. Empresas podem destinar até 1% desse valor. O teto para pessoas físicas é de 6% do IR.

Edição: Nádia Franco

Fonte: IG Esportes
Comentários Facebook
Leia mais:  Micro e pequenas empresas geram 59% das vagas de trabalho em MT
Continue lendo

Esportes

Surfe: Disputa pelo título mundial fica entre três surfistas

Publicado

por

source

Nesta quarta (11) a disputa pelo título mundial do Circuito Mundial de surfe ficou restrita a três candidatos, os brasileiros Gabriel Medina e Ítalo Ferreira e o norte-americano Kolohe Andino.

Isto aconteceu após a queda do brasileiro Filipe Toledo e do sul-africano Jordy Smith na terceira fase do Billabong Pipe Masters, última etapa do Circuito Mundial de surfe.

Ítalo se classifica

Na primeira bateria do dia, o potiguar Ítalo Ferreira superou Jadson Andre por 8,53 a 7,20. Assim alcançou as oitavas de final, onde enfrenta o também brasileiro Peterson Crisanto.

OAHU, UNITED STATES - DECEMBER 10: Filipe Toledo of Brazil advances directly to Round 3 of the 2019 Billabong Pipe Masters after winning Heat 3 of Round 1 at Pipeline on December 10, 2019 in Oahu, United States. (Photo by Ed Sloanei/WSL via

Filipe Toledo foi eliminado e está fora da disputa do título do Circuito Mundial de Surfe – WSL/Ed Sloane

Eliminação de brasileiro

Filipe Toledo entrou na água na quinta bateria, onde enfrentou o neozelandês Ricardo Christie. O atleta do Brasil foi superado por 11,04 a 9,84.

Medina brilha

O terceiro brasileiro na disputa pelo título, Gabriel Medina, teve uma das melhores performances do dia. Ele derrotou o havaiano Imaikalani deVault por 17,07 a 13.90 e avançou. Ele encontra nas oitavas outro brazuca, Caio Ibelli.

OAHU, UNITED STATES - DECEMBER 10: Two-time WSL Champion Gabriel Medina of Brazil advances directly to Round 3 of the 2019 Billabong Pipe Masters after winning Heat 5 of Round 1 at Pipeline on December 10, 2019 in Oahu, United States. (Photo by

Gabriel Medina teve grande performance nesta quarta em Pipeline – Kelly Cestari

Queda de sul-africano

O segundo candidato ao título a ficar pelo caminho nesta quarta foi o sul-africano Jordy Smith. Ele perdeu na terceira etapa para o brasileiro Jesse Mendes por 9,10 a 7,50.

Leia mais:  Para evitar o Barça, PSG oferece empréstimo de Neymar para Real, United e Juve

Já o norte-americano Kolohe Andino não entrou na água nesta quarta pela terceira fase. Isto aconteceu porque a maré baixou muito na hora da sua bateria.

Tóquio 2020

Com a desclassificação de Filipe Toledo outra disputa foi definida, a da vaga brasileira para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020.


Como Ítalo Ferreira e Gabriel Medina lideram o ranking mundial, e Filipe já não pode ultrapassá-los, as duas vagas do Brasil para Tóquio 2020 ficaram com Ítalo e Medina.

Edição: Fábio Lisboa

Fonte: IG Esportes
Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana