conecte-se conosco


Tangará da Serra

Tangaraense é “flagrado” dando seta no Bairro Vila Alta

Publicado

Na manhã desta quarta-feira (04), um “flagrante” chamou a atenção de todos. Um tangaraense foi visto dando seta ao fazer uma conversão à direita no Bairro Vila Alta em Tangará da Serra.

Certamente alguém já viu condutores trocarem de faixa ou fazerem a conversão sem utilizar a seta no trânsito da cidade, apesar da ironia aplicada ao título da reportagem, se você mesmo, tem esse hábito, fique atento. Não utilizar a sinalização adequadamente gera multas e adiciona pontos na carteira. Esse item, que é praticamente esquecido por muitos motoristas, também é passível de penalidade.

Em Tangará da Serra são comuns os relatos de motoristas que foram surpreendidos por ultrapassagens bruscas e inesperadas, por conta de mudanças de faixa ou direção sem a devida sinalização. Há casos inclusive, de acidentes provocados pela desatenção de condutores que não utilizaram o dispositivo. Conforme prevê o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), o uso da seta é obrigatório,  deixar de usá-la é considerada uma infração grave, com multa de R$ 195,23 e cinco pontos na habilitação.

Apesar de ser uma atitude extremamente simples, é primordial na prevenção de acidentes. A proprietária da Auto-Escola Justo, Sandra Carla Justo, ressalta a importância dos motoristas terem a consciência de sempre usarem a seta, evitando que outros condutores, ciclistas e pedestres sejam surpreendidos por um movimento inesperado. “O uso da seta vai além da obrigação legal do motorista, é um comportamento que ajuda a fazer o trânsito mais seguro. Sempre frisamos aos nossos alunos, que o motorista precisa ver e ser visto no trânsito. E ainda, alertamos para que verifiquem se todo o sistema de iluminação do carro está em total funcionamento e em boas condições”, destaca.

Além do Detran, a fiscalização do uso das luzes indicadoras também pode ser feita pela Polícia Militar (PM), Polícia Rodoviária Federal (PRF) órgãos de trânsito rodoviários; como o Departamento de Estradas de Rodagem (DER). Vale lembrar que quando o motorista atinge 20 pontos na carteira, a CNH (Carteira Nacional de Habilitação) é suspensa por seis meses.

Comentários Facebook

Tangará da Serra

Motorista com sinais de embriaguez colide em carreta na MT-358 em Tangará

Publicado

Um motorista com sinais de embriaguez, colidiu o carro que conduzia, em uma carreta na tarde desta quarta-feira (29) na MT-358 sentido a Tangará da Serra.

Segundo testemunha, o homem perdeu o controle da direção invadiu a pista contrária e colidiu na lateral da carreta. Ele era o único ocupante do veículo e sofreu ferimentos leves. O motorista da carreta não se feriu. Com a batida o carro ficou parcialmente danificado.

Se comprovado que o condutor ingeriu bebida alcoólica além do teor permitido, ele poderá ser autuado pelo crime de trânsito, que prevê pena de seis meses a três anos de prisão, multa e suspensão ou proibição de se obter a a habilitação para dirigir.

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

1º Ano Oncologia Unimed: Na luta contra o câncer, ‘Sino da Alegria’ é símbolo da superação

Publicado

No núcleo de Oncologia e Centro de Infusão da Unimed Vale do Sepotuba, quando o paciente termina seu tratamento, a equipe leva-o até o Sino da Alegria. Uma forma carinhosa de dizer ao paciente que ele venceu.

Para o gestor Sr. Raul Tarcisio, o momento final do tratamento precisa ser celebrado. “Quando o paciente inicia o tratamento uma das primeiras curiosidades é sobre o tempo que isso levará, e então eles começam contar os dias para o término, e quando esse dia chega, eles se emocionam muito. Não poderia passar em branco” Afirma Raul.

Tratamento humanizado foi a proposta da Unimed Vale do Sepotuba desde o início da implantação dos serviços em Tangará da Serra. Estar próximo da família e ser cuidado por uma equipe técnica comprometida com o bem estar do cliente, faz toda a diferença na vida do paciente. Além do câncer, outras patologias autoimunes são tratadas pelo núcleo, que em seu primeiro ano já atendeu mais de 200 pacientes em Tangará da Serra, evitando o desgaste de longas viagens para tratamentos.

Cuidar bem é estar juntos em todos os momentos da vida. Essa é frase usada para celebrar o 1º ano do Núcleo de Oncologia e Centro de Infusão.

 

 

Fonte:Assessoria de Imprensa/Marketing

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana