conecte-se conosco


Educação

SINTEP em Tangará afirma que não há condições de retomada das aulas presenciais

Publicado

Francisca Alda de Lima, Presidente do SINTEP de Tangará

A Presidente do Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso (SINTEP), sub-sede de Tangará da Serra, professora Francisca Alda Ferreira de Lima, afirmou que não há condições para retomada das aulas presenciais.

A possibilidade que tem sido debatida pela SEDUC e Secretarias Municipais de Educação, segundo a presidente do Sindicato, deve ser descartada. “Estamos com quatro Diretores de escolas em isolamento com suspeita de COVID. Inclusive eu. Sem condições sanitárias e vacina não há que se discutir volta as aulas”, pontua.

De acordo com a sindicalista, o SINTEP está realizando o planejamento estratégico durante essa semana. “Deste planejamento sai as ações do Sindicato para este ano. Vamos aguardar, debater o planejamento e os encaminhamentos”, salienta.

Quanto ao retorno das aulas presenciais, Francisca enfatiza não haver qualquer possibilidade disso acontecer, sugere que os pais de alunos sejam consultados através de uma enquete.

 

GREVE

 

A nível de Estado, professores e demais trabalhadores da rede em Mato Grosso sinalizaram para a realização de uma “greve sanitária” para contrapor a decisão do Governo do Estado de retomar as aulas presenciais já no próximo dia 8 de fevereiro.

Sobre essa possibilidade acontecer em Tangará, Francisca explica que a pauta será encaminhada para uma assembleia do SINTEP no Município. “Deverá ser pauta de uma assembleia que iremos promover assim que encerrar o período de quarentena em que estou, ou alguém assumir a presidência temporariamente”, completa.

Comentários Facebook

Educação

Escola Emanuel Pinheiro passa a se chamar Colégio Tiradentes e PM assume gestão em Tangará

Publicado

Foto: Reprodução

A Escola Estadual Emanuel Pinheiro de Tangará da Serra agora passa a se chamar Colégio Tiradentes. Isso porque o Governo de Mato Grosso implantou a primeira unidade de Escola Militar da cidade em uma de suas mais antigas escolas.

A Polícia Militar de Tangará é que passará dessa forma a fazer a gestão escolar da unidade. A direção ficará a cargo do Capitão PM Márcio Pereira da Silva.

De acordo com a Capitão a Polícia Militar será a responsável pela Gestão e Coordenação disciplinar do agora Colégio Tiradentes de Tangará, enquanto a parte pedagógica da escola continua sob a gestão da SEDUC.

“O trabalho da PM visa garantir que professores e coordenadores tenham respaldo quanto a hierarquia e o respeito por parte dos alunos em sala de aula”, enfatiza o Capitão.

De acordo com o Diretor do Colégio, regras básicas como fardamentos específicos, uniformes, cortes de cabelo, entre outros, são parte da condução efetiva nesse formato da escola.

Os pais e responsáveis por alunos terão uma participação maior em todo esse processo, garante o Capitão PM. “Serão chamados para atuarem mais diretamente na vida escolar do aluno”, pontua.

Matrículas

Segundo o Diretor da unidade, as matrículas foram abertas em 5 de janeiro e serão encerradas na próxima quarta-feira, 13.

“Os pais que tiverem interesse em ingressar seus filhos na Escola Militar Tiradentes, nos procurem no antigo Colégio Emanuel Pinheiro e efetuem a matrícula do 7° ao 2° ano”, completa o Capitão.

Comentários Facebook
Continue lendo

Educação

Seduc prorroga até o dia 13 prazo para solicitações de matrículas pela internet

Publicado

Foto: Reprodução

O prazo para novas matrículas na rede estadual de ensino foi prorrogado pela Secretaria de Educação de Mato Grosso (Seduc-MT) até o dia 13 de janeiro. Para o ano letivo de 2021 são ofertadas mais de 78,3 mil vagas em 323 escolas de 52 municípios.

A decisão de ampliar o prazo foi tomada devido à baixa procura de pais e responsáveis para garantir vagas para as crianças e adolescentes no ano letivo de 2021. Até a manhã desta quinta-feira (7) foram feitas 19,8 mil solicitações para matrículas, o equivalente a 25% do total.

São ofertadas 18,2 mil vagas na Capital, das quais 11,9 mil ainda estão disponíveis. Para o restante do Estado são 60,9 mil vagas, das quais 47,6 mil continuam em aberto. As solicitações de matrículas podem ser feitas pelo site www.seduc.mt.gov.br.

A Seduc-MT reforça que está tomando todos as medidas necessárias para garantir a volta às aulas de forma segura para alunos e servidores, respeitando protocolos de biossegurança para evitar a propagação do novo coronavírus.

Cadastro do usuário e matrícula

Para solicitar a matrícula web é preciso fazer o cadastro do usuário no site www.seduc.mt.gov.br. Com isso, o sistema vai gerar o login e a senha de acesso do usuário, que deverá ser usado para a matrícula.

Ao confirmar a solicitação, o sistema vai emitir uma ficha com as informações cadastradas, que deve ser levada pelos pais ou responsáveis na unidade escolar, junto com a documentação exigida. A data e o horário para isso estarão especificados na ficha.

A matrícula só será efetivada quando for validada pela escola. O horário de atendimento para confirmação da matrícula nas unidades de ensino que atendem nos três turnos será das 7h às 19h e, nas que atendem dois turnos, das 7h às 18h30.

Documentos

Para confirmar a matrícula, o aluno maior de 18 anos ou os pais ou responsáveis devem levar originais e, preferencialmente, cópias dos seguintes documentos:

– RG e CPF do pai, da mãe ou do responsável legal;

– certidão de nascimento ou casamento do aluno;

– RG e CPF do aluno;

– fatura atualizada de energia elétrica da residência dos pais/responsáveis;

– histórico escolar ou atestados de transferência para alunos transferidos;

– tipo do Grupo Sanguíneo e Fator RH do aluno;

– cartão atualizado de vacina do aluno (de acordo com a Lei Estadual nº10.736, de 09 de agosto de 2018);

– atestado médico oftalmológico do aluno, apenas para o Ensino Fundamental (de acordo com a Lei Estadual n°10.739, de 10 de agosto de 2018).

Suporte

Pais ou responsáveis que não têm acesso à internet podem ir até a sede da Seduc, onde há terminais de computadores para realização da matrícula web. Técnicos da secretaria também estão à disposição no local para dar orientação e suporte.

A Seduc fica no Centro Político Administrativo, na mesma rua da antiga sede, local onde anteriormente funcionava a Secretaria de Infraestruturta (Sinfra).

Fonte: Seduc-MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana