conecte-se conosco


Estradas

Serra de Deciolândia: Após vistoria, deputado diz que acionará Sinfra-MT por melhorias

Publicado

A má sinalização e conservação deficiente da pista da MT-480 na Serra de Deciolândia está gerando uma mobilização das autoridades locais. Na primeira sessão ordinária do ano na Câmara Municipal de Tangará da Serra, a vereadora Sandra Garcia (PSDB) apresentou indicação ao deputado estadual Faissal Calil (PV) solicitando providências.

A ação da vereadora repercutiu e chamou atenção do representante de Tangará da Serra e região na Assembleia Legislativa. No último sábado, em vistoria realizada no local, o deputado Doutor João (MDB) externou, em entrevista à Rádio Tangará, a sua preocupação com os riscos que o trecho em declive da serra representa.

Em entrevista, Doutor João disse que pedirá urgência nas melhorias na Serra de Deciolândia

O trajeto oferece alto risco pela sua declividade e por estar pouco sinalizado no alto, antes da descida. Ou seja, o motorista que não conhece o local não percebe que terá pela frente uma serra perigosa.

Outros problemas da Serra de Deciolândia são as erosões. “Se der uma chuva forte, estas erosões poderão romper a pista e causar uma tragédia” disse o deputado, na entrevista concedida ao repórter Kleber Leite, da Rádio Tangará.

Processos erosivos também causam preocupação e representam sérios riscos, segundo deputado

João disse que, já nesta segunda-feira (18.02), apresentará na Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra-MT) um relatório com imagens da serra de Deciolândia. “Temos urgência nestas melhorias. Está morrendo gente aqui”, disse o parlamentar, citando casos de acidentes fatais que ocorreram recentemente no trecho.

Segundo João, o relatório será apresentado ao secretário-adjunto da Sinfra, Wener Santos, que conhece a região, foi ex-prefeito de Nova Marilândia e também já residiu em Tangará da Serra. O parlamentar disse, na entrevista, que poderá intermediar uma reunião de vereadores e representantes do Executivo municipal com Wener para tratar deste e outros assuntos relacionados a infraestrutura. “Abro este espaço e faço o agendamento. Coloco-me à disposição”, afirmou.

O deputado disse, também, que irá se pronunciar sobre a Serra de Deciolândia na tribuna na sessão da Assembleia Legislativa de amanhã (terça,19).

Beja, abaixo, fotos do trecho da Serra de Deciolândia. (Fotos: Assessoria)

Comentários Facebook

BemRural

Em protesto, motoristas ameaçam atear fogo em ponte na MT-339 entre Tangará e Nova Olímpia

Publicado

A falta de estrutura e manutenção em uma ponte sobre o Rio Tarumã, na MT-339, na divisa entre Tangará da Serra e Nova Olímpia, preocupa moradores, agricultores e caminhoneiros que passam pelo local diariamente.

Por causa do problema, os motoristas de caminhão temem atravessar a via, pelo risco de acidente, o que prejudica o escoamento de grãos. O tráfego é intenso, muitos veículos passam diariamente pelo trecho, e os condutores aguardam uma solução definitiva para o problema, considerando que algumas tábuas estão podres e buracos se formam em parte da estrutura de madeira.

Outra preocupação apresentada pela categoria é quanto à temporada de chuvas que se aproxima, a ponte já apresenta desgaste da estrutura, e com a possível elevação do nível de água, alertam sobre a possibilidade de ruir. Revoltados, os caminhoneiros declararam à reportagem, que pretendem atear fogo na estrutura, em protesto.

Em nota a assessoria de imprensa da Secretaria Adjunta de Obras Rodoviárias, da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra) afirma que técnicos da Superintendência de Obras II, farão uma vistoria no local, para avaliar o problema e buscar uma solução, mas não apresenta data para início de reparos.

Comentários Facebook
Continue lendo

Estradas

Federalização de rodovias entre Brasnorte-Sorriso e Jangada-Castanheira, ganha força em audiência pública promovida pela AL

Publicado

Durante audiência pública idealizada pela Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALTM), na manhã da última sexta-feira (30) no Distrito de Brianorte, município de Nova Maringá, foi defendida a viabilidade e importância de federalizar a rodovia MT-242, entre Brasnorte e Sorriso.

Assembleia discutiu federalização da BR-242 em Brianorte.

Representando a região de Tangará da Serra, o suplente do deputado federal Dr. Leonado (PODEMOS), Vander Masson (PSDB) e o vereador de Diamantino Edílson Sampaio (PROS), buscaram  apoio em defesa do projeto de Lei 3371/2019, que propõe federalizar 708 km de rodovias estaduais que ligam Jangada a Castanheira.

“Com a federalização poderemos acelerar o desenvolvimento da região médio norte. A proposta pretende federalizar trechos das rodovias 246, 343, 358, 364 e 170 e transformá-las em BR-364. Estamos trabalhando junto com o Dr. Leonardo, e o objetivo é conseguir recursos federais para pavimentar totalmente essa ligação, criando nova rota de escoamento da produção agrícola e um novo corredor de desenvolvimento na região”, destaca Vander Masson.

Os trechos passam por Barra do Bugres, Assari, Nova Olímpia, Tangará da Serra, Campo Novo do Parecis, Brasnorte, Juína e Castanheira, conforme o vereador de Diamantino Edílson Sampaio (PROS), parte desse traçado já estava previsto como entroncamento da BR-364.

“A federalização dos trechos Brasnorte-Sorriso e Jangada-Castanheira, são totalmente viáveis, os projetos 3370/2019 e 3371/2019 já tramitam na Câmara Federal. Basta juntar as duas propostas e incluir no Plano Nacional de Viação, uma alteração simples na Lei Federal, e que pode com a integração proporcionar a esses municípios, estarem conectados ao restante da malha rodoviária federal, proporcionando desenvolvimento, geração de emprego e renda aos moradores”, conclui.

Participaram do encontro os deputados Dilmar Dal Bosco, Xuxu Dal Molin, Janaina Riva, Silvio Fávero, Romoaldo Junior, além de representantes da bancada federal de Mato Grosso e Rondônia, prefeitos de cidades da região, vereadores, empresários, membros da Associação de Moradores de Brianorte e comissão Pró-242, e que visam a conexão entre os municípios de Sorriso, Ipiranga do Norte, Itanhangá, Brianorte e Brasnorte.

Os projetos de Lei, (3370/2019 | 3371/2019) serão analisados, inicialmente, pelas comissões da Câmara dos Deputados antes de serem votados em plenário. Para fortalecer o movimento de federalização entre Jangada e Castanheira, está prevista para o fim do mês de setembro uma audiência pública em Tangará da Serra, requerida por Vander Masson e firmada durante o evento em Brianorte, em parceria com a Assembleia Legislativa de Mato Grosso.

 

 

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana