conecte-se conosco


Economia

Resultado da Mega-Sena deste sábado (17) é revelado; valor é de R$ 3,2 milhões

Publicado


source

Brasil Econômico

cartelas da mega-sena
Agência Brasil

Teve sorte? Confira as dezenas da Mega-Sena deste sábado (17)


Neste sábado (17), a Caixa Econômica Federal sorteou o concurso 2.309 da Mega-Sena . Uma aposta venceu o sorteio na última quarta-feira (14), fazendo o prêmio voltar ao valor inicial, dessa vez de R$ 3.288.991,90. As dezenas sorteadas foram: 09 – 11 – 29 – 30 – 33 – 60


O sorteio aconteceu no Espaço Caixa Loterias, no Terminal Rodoviário do Tietê, em São Paulo. Também foram reveladas as dezenas dos concursos 5.393 da Quina, 2.059 da Lotofácil e 2.145 da Dupla Sena

Como funciona a Mega-Sena

O concurso é realizado pela Caixa Econômica Federal e o vencedor pode receber milhões de reais se acertar as seis dezenas. Os sorteios ocorrem pelo menos duas vezes por semana – geralmente, às quartas-feiras e aos sábados. O apostador também pode ganhar prêmios com valor mais baixo caso acerte quatro ou cinco números, conhecidas como Quadra e Quina, respectivamente.

Na hora de jogar, o apostador pode escolher os números ou tentar a sorte com a Surpresinha. Esse modelo consiste na escolha automática, realizada pelo sistema, das dezenas jogadas.

Outra opção é manter a mesma aposta por dois, quatro ou até oito sorteios consecutivos, conhecida como a Teimosinha.

Como apostar online na Mega-Sena

Para aqueles que apostarem pela internet, não é possível optar pela aposta mínima, de R$ 4,50. No site da Caixa, o valor mínimo para apostar na Mega-Sena é de R$ 30, seja com uma única aposta ou mais de uma.

Para fazer uma aposta maior, com 7 números, dando uma maior chance de ganhar, o preço sobe para R$ 31,50. Outra opção para atingir o preço mínimo é fazer sete apostas simples, que juntas têm o mesmo valor, R$ 31,50. Além disso, os bolões , disponíveis online, são outra opção viável.

Comentários Facebook

Economia

Air France aposenta definitivamente seus Airbus A340

Publicado

por


source

Contato Radar

undefined
Raphael Magalhães

Air France aposenta definitivamente seus Airbus A340

No último dia 12, a Air France realizou o seu último voo regular com o Airbus A340-300. A operação entre Paris (CDG) e Istambul (IST) foi a escolhida para marcar o fim de uma era na companhia aérea francesa.

A Air France foi a companhia lançadora do modelo em 1993, e durante sua história operou 30 unidades do Airbus A340. As três aeronaves restantes na frota, de matrícula F-GLZK, F-GLZN e F-GLZP, estavam estocadas desde Abril com os cancelamentos de voos realizados devido à pandemia.

Dessa forma, e devido à baixa eficiência do modelo frente à aeronaves mais novas, a Air France optou por encerrar as operações do quadrijato francês. Ademais, em grande parte, a aposentadoria da aeronave foi acelerada pela pandemia, que fez com que as companhias aéreas ao redor do mundo se readequassem à nova realidade.

Entretanto, o Airbus A340 não foi o único a ter a aposentadoria antecipada pela pandemia. Da mesma forma, o gigante Airbus A380 também teve suas operações encerradas antes do previsto, devido aos altos gastos e o “tamanho exagerado” para a maioria dos mercados.

O post Air France aposenta definitivamente seus Airbus A340 apareceu primeiro em Contato Radar – Notícias de aviação .

Comentários Facebook
Continue lendo

Economia

Boeing não obtém encomendas e pedidos de B737 MAX são cancelados

Publicado

por


source

Contato Radar

undefined
Guilherme Dotto

Boeing não obtém encomendas e pedidos de B737 MAX são cancelados

Enquanto batalha para obter a aprovação regulamentar para voar com o 737 MAX novamente nos Estados Unidos, a fabricante norte americana tem a pandemia prejudicando a demanda por jatos da Boeing e do rival europeu Airbus.

Em relatórios, A Boeing anunciou que em setembro perdeu dois pedidos de jatos 737 MAX da empresa de leasing BOC Aviation e outro jato de um cliente não identificado.

Até o mês de setembro de 2020, o número de pedidos MAX cancelados ou removidos da carteira oficial da Boeing foi de 1.006 aeronaves. O número de clientes que optaram por trocar o equipamento foi de 436 aeronaves, 448 quando os equipamentos também são da Boeing.

Já em setembro, a Boeing entregou 10 widebodies, número abaixo dos registrados em setembro de 2019.

Até o atual momento, a Boeing entregou 98 aeronaves, como ja anunciado pelo Contato Radar, número relativamente abaixo do que o ano anterior.

A Boeing enfrenta atualmente o maior estoque de novas aeronaves já construídas em seus 104 anos de história, com o número de cancelamentos aumentando toda semana.

O post Boeing não obtém encomendas e pedidos de B737 MAX são cancelados apareceu primeiro em Contato Radar – Notícias de aviação .

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana