conecte-se conosco

  • banner_Lorenzetti_1250x250

Política MT

Programa “No 12 Sound” estreia nesta sexta-feira

Publicado


Foto: Marcos Lopes

A Rádio Assembleia 89,5 FM estreia nesta sexta-feira (8), às 10 horas da manhã, o programa “No 12 Sound”, com os apresentadores Cléber Dias e Deva Gazela. O foco da programação são as músicas em estilo “lambadão” e “rasqueado”.

Num bate papo descontraído no estúdio, os dois locutores contaram um pouco de como será o programa e o seu conteúdo. A dupla de apresentadores vai unir o cuiabano tradicional, antenado no repertório, ao locutor curioso vindo de outro estado. “Essa dobradinha vai ser legal, unindo o curioso com o tradicionalíssimo cuiabano, contando causos. É o programa para começar o final de semana”, revelou Cléber Dias.

De acordo com Deva Gazela, o “No 12 Sound” é um lugar “onde você pode encontrar todos os tipos de lambadão e rasqueado. A seleção das músicas será definida com um repertório todo especial, com indicações de ouvintes”. 

Para Cléber Dias, diferentemente do que muitos defensores das “maravilhas” da era digital apregoam, o rádio continua a ter papel fundamental para divulgar a música tradicional de cada região. 

“Faz tempo que o pessoal queria uma demanda popular próxima a Cuiabá. O programa surgiu depois de uma conversa com a superintendente da Rádio Assembleia, jornalista Tati Medeiros e o gerente Eduardo Ferreira, sobre o fato de que na região metropolitana do Rio Cuiabá a música mais popular é o lambadão. Por mais que a gente toca muito a música local, o lambadão não é tão presente. Então, resolvemos conceder um programa focado no lambadão mesmo”, esclareceu Dias.

Gazela destacou que o programa deveria começar em 2020, mas devido à pandemia e com a Assembleia Legislativa fechada, a ideia ficou parada.

“Agora, em comemoração ao aniversário de 303 anos de Cuiabá, resolvemos voltar com a ideia. Para participar do programa, as pessoas vão precisar entrar em contato por meio do WhatsApp (65) 99689-8950 ou também pelas redes sociais, como o Instagram @radioassembleia”, falou Gazela.

O programa é um apanhado de experiências e trocas de informações do linguajar cuiabano regado a muito lambadão e rasqueado. “Como a gente queria a questão da proximidade das pessoas, vamos dar um caráter solidário também para esse programa. Enquanto que, em outros programas, divulgamos a agenda cultural [teatro, show de música, cinema], nesse não. Vamos divulgar aquela feijoada para ajudar alguém a comprar uma perna mecânica ou cadeira de rodas. É a solidariedade o que queremos trazer nesse novo programa”, destacou Dias.

Pelas explicações dos dois apresentadores, a definição do nome “No 12 Sound” apareceu numa troca de ideias.

“Lambadão não é para ouvir baixinho. O Deva, como cuiabano tradicional, vai estar sempre ligado no repertório. E eu, como um cara curioso vindo de outro estado, vou sempre perguntar para conhecer melhor a culinária e também o lambadão e o rasqueado”, finaliza Dias.

Fonte: ALMT

Comentários Facebook

Política

Para quem ignora vacina, Governador avisa. “Uma hora pode dar m…”

Publicado

O governador Mauro Mendes (União Brasil) criticou parte da população que não completou o esquema vacinal contra a Covid-19. Para ele, a insistência negacionista pode “dar merda” para as pessoas, levando-as à internação e até mesmo à morte.

Segundo levantamento feito pela Secretária de Estado de Saúde e divulgado na terça-feira (28), dos 101 pacientes que estão internados pela Covid-19, em UTIs (Unidades de Terapia Intensiva) de Mato Grosso, 91% não completaram o esquema de vacinação.

“Essas pessoas fizeram a opção de correr risco. Se você corre o risco, uma hora dá merda. E deu merda para essas pessoas, e pode dar a todas aquelas que continuarem insistindo nessa bobagem de não querer tomar vacina”, disse o governador à imprensa.

CÍNTIA BORGES E VITÓRIA GOMES
Mídia News

Continue lendo

Cidades

Com ferro em brasa: Jovem marca nas costas nº 22 do partido de Bolsonaro

Publicado

Um jovem morador de Mirassol D’Oeste (204 km de Tangará da Serra) marcou com ferro em brasa o número 22 nas costas para “homenagear” o PL, partido do presidente Jair Bolsonaro.

A atitude do jovem dividiu opiniões nas redes sociais e gerou várias críticas e piadas. Internautas de posicionamento político contra a gestão do atual presidente não economizaram em usar a palavra “gado” e outros sinônimos para reagir na foto do jovem.

Uma delas soltou “o gado já tá marcado”; outro usou “esse não some no meio da boiada”. Na lista de compartilhamentos da imagem há pessoas que moram no mesmo assentamento do jovem, o Roseli Nunes. A maioria delas vão contra a atitude do morador.

Segundo a imprensa local, o adolescente se marcou após um desafio entre amigos. Ele estaria em um leilão, ajudando na marcação dos gados, quando foi desafiado.

Mídia News

Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana