conecte-se conosco


Polícia

Profissionais de Segurança iniciam Curso Repressão a Crimes Rurais em Sorriso

Publicado

Assessoria l PJC-MT

Trinta e um profissionais de segurança pública, lotados no município de Sorriso (442 km ao Norte) e adjacências, iniciaram nesta segunda-feira (26.11), o segundo “Curso de Combate e Repressão a Crimes Rurais”, realizado pela Academia de Polícia Judiciária Civil (Acadepol), com apoio do Sindicato dos Investigadores de Polícia Civil (Sinpol-MT), do Conselho Comunitário de Segurança Pública (Conseg) e Prefeitura Municipal.


O treinamento com carga horária de 130 horas/aula qualificará servidores de diferentes Instituições como: Polícia Civil, Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal, Politec, Corpo de Bombeiro, Sistema Prisional e Ciopaer. As aulas teóricas e operacionais serão ministradas até domingo, dia 09 de dezembro, quando acontecerá o encerramento.

O curso visa exercitar o atendimento as ocorrências criminais no meio rural onde os alunos terão instruções sobre legislação ambiental, crimes contra a flora e fauna, poluição, uso de agrotóxicos, crimes de pesca, desmatamentos além de informações sobre a questão animal, transporte, orientações sobre o uso de defensivos falsos, ensinando os policiais como identificar os produtos falsos e fazer checagem dos lotes.

Conforme o diretor da Acadepol, Carlos Fernando da Cunha Costa, os policiais matriculados terão instruções com armamento, patrulhamento rural, incursões na mata, simulando emboscada, combate e confronto rural, técnicas de levantamento de local de crimes em ambiente rural, procedimentos de abordagem, procedimentos de verificação, de como chegar, de como entrar, sobre como agir em casos em que uma família esteja sendo roubada, bem como treinamento de embarque e desembarque de aeronaves. 

Leia mais:  Criança indígena morre após suposto espancamento provocado por socador de pilão

“O curso, realizado pela segunda vez no interior do Estado (a primeira vez na Regional de Nova Mutum), terá duração de duas semanas, sendo a primeira de aulas teóricas e a segunda com aulas práticas/operacionais”, disse o diretor da Acadepol.

Para o delegado de Sorriso, André Eduardo Ribeiro, o curso de operações rurais é de suma importância, tendo em vista a região ser predominantemente produção rural. O município é considerado a capital nacional do agronegócio, com muitas fazendas e produção elevada, razão pela qual esse tipo de capacitação é fundamental.

“É a primeira vez que a Acadepol realiza esse curso em Sorriso. O Sindicato Rural e os produtores da região estão animados com a qualificação, fundamental para aprimorar o conhecimento dos nossos policiais, os quais combatem no dia a dia, crimes de furtos em fazendas, roubos de defensivos, entre diversos outros delitos. Os policiais civis da Delegacia de Sorriso estão satisfeitos e motivados para participarem do curso”, destacou o delegado.

A capacitação conta com instrutores da Gerência de Operações Especiais (GOE), da Academia de Polícia (Acadepol), da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), da Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema), do Instituto de Defesa de Agropecuária (Indea) e do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer).

 

Comentários Facebook
publicidade

Polícia

Mulher envolvida em tentativa de latrocínio contra idosos é presa em Barra do Garças

Publicado

por

Assessoria | PJC-MT

Em ação imediata realizada na quinta-feira (20.02), o Grupo Armado de Resposta Rápida (Garra) da Polícia Judiciária Civil de Barra do Garças (509 km a Leste) prendeu em flagrante uma mulher acusada de participar de uma tentativa de latrocínio contra um casal de idosos. A suspeita, Vânia Lemes de Alcântara, 25, foi detido poucos minutos após praticar o crime


A tentativa de roubo seguido de morte ocorreu na tarde de quinta-feira (20), no estabelecimento comercial das vítimas, uma oficina de eletrodomésticos, no bairro Vila Aurora. Logo após o crime, a equipe do Garra da Delegacia Regional de Barra do Garças recebeu informações de que uma mulher e uma travesti eram as autoras da tentativa de latrocínio.

Segundo as informações colhidas, as suspeitas utilizaram facas encontradas dentro do estabelecimento comercial para praticar o roubo. Uma das vítimas ficou com a mão ferida, ao tentar se proteger sua vida de um golpe de faca. Em seguida, a travesti teria utilizado um pedaço de vidro para cortar o pescoço da vítima.

Com base nas características pessoais das suspeitas, passadas por testemunhas, a equipe de policiais do Garra conseguiu localizar a suspeita Vânia, que foi reconhecida pelas vítimas como uma das envolvidas no roubo. Diante da situação, a suspeita foi conduzida a 1ª Delegacia de Barra do Garças, onde foi autuada em flagrante por tentativa de latrocínio.

Leia mais:  Repressão ao crime organizado, fazendário e ambiental será ampliado pela PJC

As diligências estão em andamento para localizar a travesti envolvida no crime.

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Polícia Civil prende suspeito de integrar organização criminosa envolvida em arrombamentos de caixas eletrônicos

Publicado

por

Assessoria | PJC-MT

Em operação realizada nesta quarta-feira (20.02) em Várzea Grande, a Delegacia Especializada de Entorpecentes (DRE) com apoio da Gerência de Operações Especiais (GOE) prendeu em flagrante, Alexandre Carvalho de Souza, 32, o “Bigode”, suspeito de integrar uma organização criminosa envolvida em furtos de caixas eletrônicos.


Alexandre possui várias passagens por roubos e uma condenação por homicídio e foi autuado em flagrante por posse ilegal de munições. Além da autuação, as investigações contra o suspeito continuam para apurar o envolvimento dele com o crime organizado.

A prisão do suspeito ocorreu durante cumprimento de mandado de busca e apreensão domiciliar, no bairro Alameda em Várzea Grande, decretado com base em investigações da DRE.

Durante as buscas na residência do investigado foi apreendida uma munição calibre 38, que estava escondida em cima do armário da cozinha além de vários instrumentos e equipamentos utilizados para arrombamento de caixas eletrônicos.

Segundo o delegado Vitor Hugo Bruzulato Teixeira as investigações contra o suspeito continuam junto a Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO) por se tratar de membro de organização criminosa.

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Leia mais:  Abordagem policial termina em prisão de suspeito de roubar veículo, em Sapezal
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana