conecte-se conosco


Cidades

Prefeitura decreta luto pelo falecimento de três pioneiros de Gaúcha do Norte

Publicado


.

A Prefeitura de Gaúcha do Norte-MT decretou, na manhã de ontem, luto oficial pelo falecimento de três pioneiros do município, Nelson Machado, Eduardo Erédia e Joaquim Brito.

Em vida, os três pioneiros foram grandes homens, enfrentaram muitas batalhas como cidadãos, desenvolveram preciosos trabalhos à comunidade de Gaúcha do Norte e foram exemplos de dedicação à família, ao trabalho e a comunidade.

O Poder Executivo de Gaúcha do Norte externa os profundos sentimentos às famílias e amigos e estende justas homenagens àqueles que com o seu trabalho, seu exemplo e sua dedicação, contribuíram para o bem estar da coletividade.

Segundo o decreto N° 1032/2020, na data de hoje 30/07, ficam suspensas todas atividades do Poder Executivo, exceto Hospital Municipal que atenderá em regime de plantão casos de urgência e emergência.

Nelson Machado

Nelson Machado de 64 anos de idade chegou ao município na década de 80. Desde então, contribuiu com a sociedade, sempre envolvido e cooperando com eventos da cidade. Envolvido na diretoria da Igreja Católica há muitos anos, um dos seus sonhos era ver a nova matriz construída. O CTG e o Cursilho da Igreja Católica eram outras de suas atuações.

Há algum tempo estava em tratamento de um câncer que foi a causa de sua morte. Passou pela primeira quimioterapia e há alguns dias deu entrada na UTI. Nelson faleceu em Sinop-MT.   

O corpo deve chegar à Gaúcha do Norte na tarde de hoje, será velado na Câmara de Vereadores. Todos os amigos que forem prestar sua homenagem é preciso estar de máscara e cumprir todas as exigências frente ao Covid-19.

Eduardo Aparecido Eredia

Seu Eduardo de 71 anos de idade mudou para Nova Aliança em 1988 onde trabalhava com pecuária. Apresentando sintoma gripal e sensação de cansaço passou pela equipe de saúde de Gaúcha dia 17 de julho, dia 19 foi para Rondonópolis. Diagnosticado com Covid-19 ficou internado na UPA do dia 20 a 25. No dia 25 deu entrada na UTI da Santa Casa, na madrugada do dia 29 foi entubado e ontem a noite veio a óbito. Seu Eduardo estava com cerca de 80% do pulmão comprometido.

Joaquim Brito de Santana

Joaquim Brito de Santana de 76 anos de idade, também conhecido como Joaquim dos burros, foi diagnosticado com Covid-19 por meio de teste rápido no dia 19/07. Devido apresentar sintomas graves logo foi hospitalizado em Gaúcha do Norte e em seguida transferido para o hospital regional de Água Boa. Posteriormente foi para a Santa Casa em Cuiabá onde estava na UTI.

Há mais de 30 anos na comunidade de Nova Aliança, Joaquim era pecuarista. Homem bastante conhecido na região, amigo e companheiro. Gostava de receber os amigos em sua propriedade e sempre contribuindo com os eventos da comunidade.

Fonte: AMM

Comentários Facebook

Cidades

Frente de pavimentação trabalha no Jardim Imperial, ao lado da Pró-Infância em Barra do Bugres

Publicado

por


.

A empresa que realiza o projeto de pavimentação de 20 km em Barra o Bugres está com quatro frentes de trabalho em diversos bairros da cidade. Uma região que está sendo beneficiada é próxima à futura escola Pró-Infância, recém-construída no bairro Jardim Imperial.

Os serviços de terraplanagem e dreno já estão sendo executados pela construtora. O Compromisso é que até o final deste ano, todos os 20 km desta primeira etapa, cerca de 18 bairros, serão pavimentados. Por isso a empresa está trabalhando em várias frentes de serviço.

Fonte: AMM

Comentários Facebook
Continue lendo

Cidades

Mesmo com flexibilização do decreto estadual, prefeitura de Tangará mantém medidas restritivas

Publicado

O prefeito Fábio Martins Junqueira (MDB) e membros do Comitê de Combate ao Coronavírus, decidiram pela manutenção do decreto em Tangará da Serra.

Como parte das medidas adotadas anteriormente, em 15 de julho foram autorizadas, as atividades presenciais em igrejas e templos. As academias seguem abertas, com a adoção de uma série de regras previstas em protocolo, e flexibilizou a atuação dos empresários permitindo a venda de bebidas alcoólicas em estabelecimentos comerciais, encerrando parcialmente, a ‘Lei Seca’ no município, no entanto, o consumo no local permanece suspenso para evitar aglomerações, e consequentemente, a disseminação do coronavírus. Além disso, os eventos com aglomerações, visitas a parques públicos, práticas esportivas em campos de futebol e quadras, seguem suspensos.

O uso de máscaras é obrigatório e a orientação para evitar festas e reuniões mesmo em casa, foi mantida. Conforme o Comitê de Crise, em Tangará, a maioria dos casos graves ocorreu em pessoas pertencentes ao grupo de risco, que apresentam comorbidades, e parte destes pacientes, permanecem internados, o que pode representar a ocorrência de novos óbitos, por isso, a recomendação é de manter as medidas restritivas, e de cumprir as orientações do decreto municipal.

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana