conecte-se conosco


Tecnologia

População brasileira com acesso à internet aumenta e vai para 70%, diz pesquisa

Publicado

source

O número de brasileiro usando internet segue aumentando: passou de 67% para 70% da população, totalizando 126,9 milhões de pessoas com acesso à tecnologia em 2018, conforme revela a pesquisa TIC Domicílios, divulgada nesta quarta-feira (28).

Leia também: Proteja-se: golpe rouba conta WhatsApp e já afetou 8,5 milhões de brasileiros

pessoas usando celular arrow-options
shutterstock
Maioria da população utiliza o celular para ter acesso à internet, aponta pesquisa

O estudo é feito todos os anos pelo Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação (Cetic.br) do Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br), e coleta informações sobre conexão à internet em residências.

Seguindo o padrão do último levantamento, o dispositivo móvel continuou sendo o meio mais recorrido para se conectar à rede: 97% dos entrevistados disseram  acessar a internet pelo celular (em 2017, esse número era de 96%).

Internet entre os menos abastados

Ao fazer um recorte socieconomico, as classes D e E, se destacam no crescimento do uso da tecnologia. Essa é a primeira vez que metade dessa camada da sociedade é vista conectada. De 2015 para 2018, essa camada da sociedade que tinha contato com a internet saiu de 30% para 48% de seu total.

Desse percentual, 85%  fazem uso da tecnologia exclusivamente via celular. “É importante destacar que, apesar de cada vez mais brasileiros da classe DE usarem a Internet, esse acesso tem acontecido quase que exclusivamente por meio do telefone celular e das redes móveis , o que pode limitar o desenvolvimento de habilidades digitais mais complexas e a apropriação efetiva das tecnologias”, comenta Alexandre Barbosa, gerente do Cetic.br.

Leia mais:  Perdeu o celular no Carnaval? Confira o que fazer agora e como se prevenir

Apenas 2% se conecta pelo computador e 13% têm acesso tanto pelo aparelho móvel quanto pelo computador. Também entre os usuários dessa classe socioeconômica, 29% acessam a Internet apenas via Wi-Fi .

Leia também: Está difícil focar no estudo ou no trabalho? Recurso do Android pode ajudar

Zona rural online

Além das camadas menos favorecidas da sociedade estarem mais em contato com a internet, também pela primeira vez, metade da zona rural brasileira está acessando a rede. De 2017 para cá, esse percentual cresceu 5 pontos percentuais, saindo de 44% para 49% em um ano.

Um terço dos brasileiros pediu um motorista por aplicativo

uber arrow-options
Divulgação
32% dos usuários de internet chegou a pedir um motorista de app ou táxi pela internet

O comportamento dos usuários também foi analisado na pesquisa e revelou que um terço (32%) dos brasileiros que são usuários de internet pediu táxis ou motoristas em aplicativos, o que representa 40,8 milhões de pessoas.

Ainda segundo a pesquisa, 28% dos usuários pagaram por serviços de filmes ou séries on-line, 12% fizeram pedidos de refeições em sítios ou aplicativos e 8% pagaram por serviços de música.


Ainda no que se refere ao comércio eletrônico, 60% dos brasileiros conectados pesquisaram os preços de produtos e serviços, 34% fizeram compras ou encomendas on-line e 19% divulgaram ou venderam produtos e serviços. Os principais canais de divulgação e venda são as redes sociais (67%), os sítios de compra e venda (63%), mensagens em aplicativos de conversas (48%) e e-mail (13%).

Leia mais:  Como fazer um app ser aberto no Android ao conectar um fone de ouvido

Fonte: IG Tecnologia
Comentários Facebook
publicidade

Tecnologia

Zenfone Max Pro M2 é lançado no Brasil; confira os detalhes

Publicado

por

source

Olhar Digital

zenfone arrow-options
Divulgação/Asus
Zenfone Max Pro M2 chega ao Brasil com super bateria.


A Asus  anunciou nesta segunda-feira (16) o lançamento no Brasil de seu novo smartphone da categoria intermediária, o Zenfone Max Pro M2 . Dentre os destaques do aparelho estão sua bateria e design. O celular está disponível em duas versões, sendo uma com 64 GB de memória interna custando R$ 1.529,10 e outra com 128 GB custando R$ 1.619,10.

Sua bateria gigante , de 5.000 mAh, é com certeza um dos principais atrativos. Ela suporta 19 horas seguidas de vídeo ou 23 horas de navegação pela internet com conexão via Wi-Fi. Em comparação com outros smartphones lançados no Brasil neste ano, somente o  Moto G7 Power é equivalente em bateria.

Leia também: Zenbook 14 tem desempenho rápido, mas tela fica devendo; confira nosso review

O design do aparelho conta com uma tampa traseira reluzente, disponível em duas cores: titânio ou azul escuro. Uma câmera dupla está posicionada no canto superior esquerdo, com um sensor principal Sony de 12 MP e outro de profundidade de 5 MP, usado para o modo retrato.

O sistema de câmeras é o mais avançado da série Max, com detecção de cenas com uso de inteligência artificial, foco automático e estabilização eletrônica de imagem. Os recursos prometem ajustes automáticos a diferentes tipos de ambientes e fotos e vídeos com menos tremidas e mais foco, e possui detecção avançada de cenas por meio de Inteligência Artificial

Leia mais:  Perdeu o celular no Carnaval? Confira o que fazer agora e como se prevenir

Já a parte frontal tem um design que lembra o do Zenfone 5 , com uma tela do mesmo tamanho (6,26 polegadas) e resolução (Full HD+). Mas a câmera frontal é de 13 MP, um avanço em relação aos 8 MP da encontrada no Zenfone 5.

Leia também: Não são só as três câmeras: inteligência artificial dá a Apple as melhores fotos


O Zenfone Max Pro M2 ainda vem equipado com o processador Snapdragon 660 e tem 4 GB de RAM , o que segundo a empresa resulta em desempenho geral 11% mais rápido (e desempenho gráfico 33% superior) que o modelo anterior.

Ficha técnica: Zenfone Max Pro M2

  • Peso e Dimensões: 157,9 x 75,5 x 8,5mm / 175 gramas
  • Tela: 6,3″ FHD+ (1080 x 2280) 19:9 IPS
  • Proteção Corning® Gorilla® Glass 6 na parte frontal
  • 90% proporção tela-corpo
  • 450 nits de brilho
  • Relação de Contraste de 1500:1
  • Tela sensível ao toque com capacidade multitoque até 10 pontos (suporta toque com luvas)
  • Processador: Qualcomm® Snapdragon™ 660 com 14nm, 64-bit Octa-core com Qualcomm AI Engine
  • Memória & armazenamento: LPDDR4X 4GB RAM – eMCP 64GB / 128GB armazenamento

Câmera Traseira Principal:

  • Sensor de Imagem Sony® IMX486 de 12MP
  • Abertura F1.8
  • 1.9x mais sensibilidade à luz para fotos captadas em ambientes de baixa luminosidade (comparado ao ZenFone Max Pro (M1))
  • 27mm, equivalente à distância focal de 35mm de uma câmara convencional
  • Lentes 6P
  • Foco automático com Deteção de Fase em 0,03 segundos
  • Flash LED
Leia mais:  Como fazer um vídeo bombar nas redes sociais? Especialista dá 6 dicas

Câmera Traseira Secundária:

    • 5MP
    • Modo Retrato / Percepção de Profundidade
    • 84° de campo de visão

Câmera Frontal: 13MP

  • Abertura F2.0
  • 26mm equivalente à distância focal de 35mm de uma câmera
  • Flash Softlight LED
  • Desbloqueio Facial
  • Conectividade: Bluetooth® 5.0 / Micro-USB
  • Segurança: Sensor biométrico com reconhecimento de 5 dedos / Desbloqueio facial para maior comodidade e segurança
  • Cartões SIM: Slot triplo com dual SIM, dual 4G + 4G standby
    • Slot 1: Nano SIM (2G / 3G / 4G)
    • Slot 2: Nano SIM (2G / 3G / 4G)
    • Slot 3: cartão MicroSD (até 2TB)
  • GPS: GPS/ aGPS/ GLONASS/ BDS
  • Sistema Operacional: Android™ Oreo™ versão Stock
  • Bateria: 5000mAh com carregamento rápido
  • Áudio: Alto-falante com 5 ímas com Smart Amp NXP para som mais nítido, profundo e com menos distorção
  • Cores: Silver / Dark Blue

Fonte: IG Tecnologia
Comentários Facebook
Continue lendo

Tecnologia

Zenfone Max Pro M2 é lançado no Brasil; confira os detalhes

Publicado

por

source

Olhar Digital

zenfone arrow-options
Divulgação/Asus
Zenfone Max Pro M2 chega ao Brasil com super bateria.


A Asus  anunciou nesta segunda-feira (16) o lançamento no Brasil de seu novo smartphone da categoria intermediária, o Zenfone Max Pro M2 . Dentre os destaques do aparelho estão sua bateria e design. O celular está disponível em duas versões, sendo uma com 64 GB de memória interna custando R$ 1.529,10 e outra com 128 GB custando R$ 1.619,10.

Sua bateria gigante , de 5.000 mAh, é com certeza um dos principais atrativos. Ela suporta 19 horas seguidas de vídeo ou 23 horas de navegação pela internet com conexão via Wi-Fi. Em comparação com outros smartphones lançados no Brasil neste ano, somente o  Moto G7 Power é equivalente em bateria.

Leia também: Zenbook 14 tem desempenho rápido, mas tela fica devendo; confira nosso review

O design do aparelho conta com uma tampa traseira reluzente, disponível em duas cores: titânio ou azul escuro. Uma câmera dupla está posicionada no canto superior esquerdo, com um sensor principal Sony de 12 MP e outro de profundidade de 5 MP, usado para o modo retrato.

O sistema de câmeras é o mais avançado da série Max, com detecção de cenas com uso de inteligência artificial, foco automático e estabilização eletrônica de imagem. Os recursos prometem ajustes automáticos a diferentes tipos de ambientes e fotos e vídeos com menos tremidas e mais foco, e possui detecção avançada de cenas por meio de Inteligência Artificial

Leia mais:  Android ganha função de conversa automática com serviços emergenciais

Já a parte frontal tem um design que lembra o do Zenfone 5 , com uma tela do mesmo tamanho (6,26 polegadas) e resolução (Full HD+). Mas a câmera frontal é de 13 MP, um avanço em relação aos 8 MP da encontrada no Zenfone 5.

Leia também: Não são só as três câmeras: inteligência artificial dá a Apple as melhores fotos


O Zenfone Max Pro M2 ainda vem equipado com o processador Snapdragon 660 e tem 4 GB de RAM , o que segundo a empresa resulta em desempenho geral 11% mais rápido (e desempenho gráfico 33% superior) que o modelo anterior.

Ficha técnica: Zenfone Max Pro M2

  • Peso e Dimensões: 157,9 x 75,5 x 8,5mm / 175 gramas
  • Tela: 6,3″ FHD+ (1080 x 2280) 19:9 IPS
  • Proteção Corning® Gorilla® Glass 6 na parte frontal
  • 90% proporção tela-corpo
  • 450 nits de brilho
  • Relação de Contraste de 1500:1
  • Tela sensível ao toque com capacidade multitoque até 10 pontos (suporta toque com luvas)
  • Processador: Qualcomm® Snapdragon™ 660 com 14nm, 64-bit Octa-core com Qualcomm AI Engine
  • Memória & armazenamento: LPDDR4X 4GB RAM – eMCP 64GB / 128GB armazenamento

Câmera Traseira Principal:

  • Sensor de Imagem Sony® IMX486 de 12MP
  • Abertura F1.8
  • 1.9x mais sensibilidade à luz para fotos captadas em ambientes de baixa luminosidade (comparado ao ZenFone Max Pro (M1))
  • 27mm, equivalente à distância focal de 35mm de uma câmara convencional
  • Lentes 6P
  • Foco automático com Deteção de Fase em 0,03 segundos
  • Flash LED
Leia mais:  Como enviar uma imagem autodestrutiva no Instagram que se apaga após ser vista

Câmera Traseira Secundária:

    • 5MP
    • Modo Retrato / Percepção de Profundidade
    • 84° de campo de visão

Câmera Frontal: 13MP

  • Abertura F2.0
  • 26mm equivalente à distância focal de 35mm de uma câmera
  • Flash Softlight LED
  • Desbloqueio Facial
  • Conectividade: Bluetooth® 5.0 / Micro-USB
  • Segurança: Sensor biométrico com reconhecimento de 5 dedos / Desbloqueio facial para maior comodidade e segurança
  • Cartões SIM: Slot triplo com dual SIM, dual 4G + 4G standby
    • Slot 1: Nano SIM (2G / 3G / 4G)
    • Slot 2: Nano SIM (2G / 3G / 4G)
    • Slot 3: cartão MicroSD (até 2TB)
  • GPS: GPS/ aGPS/ GLONASS/ BDS
  • Sistema Operacional: Android™ Oreo™ versão Stock
  • Bateria: 5000mAh com carregamento rápido
  • Áudio: Alto-falante com 5 ímas com Smart Amp NXP para som mais nítido, profundo e com menos distorção
  • Cores: Silver / Dark Blue

Fonte: IG Tecnologia
Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana