conecte-se conosco

  • banner_Lorenzetti_1250x250

Solidariedade

Policiais Militares se unem e vão a Cuiabá para doar sangue ao soldado Batista

Publicado

Policiais Militares embarcaram na manhã desta quarta-feira (08) em um micro-ônibus da PM, com destino ao Centro de Hematologia e Hemoterapia (Hemosan), para doar sangue em Cuiabá.

A intenção do grupo, é colaborar com a campanha de coleta de sangue para o soldado Dirceu Batista Gomes de 26 anos, diagnosticado nesta semana, com Leucemia Linfoide Aguda (LLA), tipo B. O tipo sanguíneo de Batista é o AB+, que pode receber doação de todos os grupos: A+, B+, O+, AB+, A-, B-, O- e AB.  Devido ao tratamento, o militar está recebendo transfusão de plaquetas e plasma de 12 em 12 horas.

De acordo com a esposa, Batista deverá iniciar até sexta-feira (10) o tratamento de quimioterapia. A campanha de doação de sangue superou as expectativas e atingiu a meta determinada pela equipe médica, encerrando temporariamente a coleta.

 

Critérios para a doação

Documentação: Para doar sangue é preciso que você esteja munido de um documento oficial com foto, como a carteira de identidade ou de motorista.

Idade: Os doadores precisam ter entre 16 e 69 anos. Há uma ressalva para quem tem 16 e 17 anos: o menor de idade tem que estar acompanhado de pai ou mãe ou responsável legal, ou então pode retirar na unidade de doação um modelo de declaração, levar para mãe ou pai ou responsável legal assinar e então reconhecer firma desta assinatura.

Caso o menor de idade seja emancipado pode vir doar sozinho trazendo o documento de emancipação. Se for casado  traz a certidão de casamento que já é suficiente para a liberação. Também é importante lembrar que a primeira doação somente pode ser feita até 60 anos. Acima desta idade, apenas para quem já é doador de sangue.

Peso: Embora a nova lei permita a doação de pessoas abaixo de 50 Kg, a Rede Hemosul-MS reserva-se o direito de aceitar apenas doadores com 55 kg ou mais, para a melhor utilização do sangue coletado e segurança do doador.

Intervalo de doação: homens podem doar até quatro vezes ao ano com um intervalo mínimo de dois meses. Mulheres podem doar até três vezes ao ano com um intervalo mínimo de três meses.

Doenças que impedem a doação: doenças hematológicas, cardíacas, renais, pulmonares, hepáticas, autoimunes, diabetes, hipertireoidismo, hanseníase, tuberculose, câncer, sangramentos anormais, convulsões, ou portadores de doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue como Doença de Chagas, Hepatite, AIDS, Sífilis. Se estiver com gripe ou alergia deve esperar sete dias após sarar para doar sangue.

 

Comentários Facebook

Polícia

Equipe Patrulha Maria da Penha doa cestas básicas à família carente em Tangará da Serra

Publicado

Uma equipe da Patrulha Maria da Penha do 19º BPM de Tangará da Serra (a 239 km de Cuiabá) realizou nesta terça-feira (03.11) a entrega de duas cestas básicas a uma família carente.

Os agentes foram acionados sobre uma ocorrência de violência doméstica, porém, a situação não foi confirmada. O que tinha acontecido foi um desentendimento entre o casal que passa por uma crise financeira.

Ambos estão desempregados e são pais de seis filhos, entre crianças e adolescentes. Durante a discussão, a esposa teria cogitado ir embora, mas a situação foi contornada e não houve nenhum tipo de violência.

Ao perceber que a família passava por uma situação delicada de falta de alimentos, a equipe da Patrulha Maria da Penha viabilizou as cestas básicas e se colocou a disposição.

Fonte: Assessoria PM-MT

Continue lendo

Economia

Sicredi promove ‘Estante Solidária’ em Tangará da Serra

Publicado

Com o objetivo de promover a solidariedade para a população carente, é que a agência do Sicredi Tangará Centro, criou a estante solidária na cidade.

O projeto se baseia simplesmente na doação de alimentos a quem precisa e de forma voluntária. A ideia surgiu da necessidade de promover o bem e de trabalhar com a cultura cooperativista da população. Qualquer pessoa pode deixar o alimento na estante, e quem sentir a necessidade da ajuda, pode passar e pegar.

“A aceitação desse projeto está sendo incrível. Um caminhoneiro me contou que durante uma noite pegou um pacote de açúcar para fazer um café, no outro dia quando o mercado estava aberto, ele fez uma compra e deixou na estante outros itens. Ele disse que da mesma forma que foi ajudado naquela noite, ele também pode ajudar outras pessoas”, relata a comerciante Elaine de França.

Os colaboradores do Sicredi fizeram as primeiras doações de alimentos para a estante, que está localizada em frente a um mercado de bairro. Assim, quem quiser ajudar, pode valorizar a economia local comprando no mercado e doando o alimento para quem precisa.

“Em momentos de dificuldades como estamos vivendo a solidariedade torna-se ainda mais importante, e visando ajudar as pessoas carentes a Sicredi Sudoeste, através da estante solidária, tomou a iniciativa de estimular a promoção do bem àqueles que mais necessitam, e ainda valorizando a economia local”, afirma o presidente da Cooperativa, Antonio Geraldo Wrobel.

A estante solidária, está localizada na avenida Tangará, 1274, na calçada do Mercado Líder em Tangará da Serra – MT.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação e Marketing

Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana