conecte-se conosco

  • banner_Lorenzetti_1250x250

Polícia

Polícia Comunitária realiza palestra sobre violência virtual para alunos de escola da Capital

Publicado


Assessoria | Polícia Civil-MT

Em alusão ao “Dia Nacional de Combate ao Bullying e à Violência na Escola” comemorado no dia 7 de abril, a Polícia Civil de Mato Grosso por meio da Coordenadoria de Polícia Comunitária, realizou uma Live de cunho preventivo com a participação de alunos de uma unidade de ensino da Capital.

O  Dia Nacional de Combate ao Bullying e à Violência na Escola foi instituído pela Lei de  nº 13.277, de 29 de abril de 2016, decretada pela Presidência da República. 

O encontro através da internet contou com a participação de 35 estudantes, do 1º ao 9º ano do Ensino Fundamental, da Escola Espaço do Saber de Cuiabá, os quais reunidos debateram e refletiram sobre o tema. O evento também teve a participação dos professores da escola.

Diante da atual realidade vivida em razão da pandemia causada pelo Covid-19, os projetos sociais da Coordenadoria de Polícia Comunitária da instituição tem intensificado as atividades e ações voltadas para a prevenção da violência virtual.

O investigador Nilton Filho, gerente do projeto Rede Digital pela Paz, explica que a estratégia de abordagem da live é oportunizar um diálogo franco com os alunos com uma discussão crítica e reflexiva sobre a questão do bullying e cyberbullying não se tratar apenas de simples brincadeira, mas sim de uma violência perversa cuja prática é equiparável aos crimes contra a honra.

Para a coordenadora pedagógica da escola Espaço do Saber, Heleonira Lima,  a iniciativa da Polícia Civil com a atuação do projeto ajuda a promover uma cultura de paz na escola. “Os conceitos abordados apontam para a construção de um ambiente de respeito por todos, sobretudo por orientar aos participantes a buscar apoio para combater bullying e cyberbullying”, destacou a professora.

De acordo com o coordenador de Polícia Comunitária, Gaspar Reis, a instituição também tem atuado em ações de forma remota, durante o atual período de pandemia, como forma de alcançar diferentes públicos buscando uma prevenção qualificada.

 Participaram da Live os policiais civis Ademar Torres e Nilton Filho na realização da Live. Na ocasião foram entregues 20 kits dos projetos sociais contendo mochila em tecido de algodão e garrafa tipo squeeze, sorteados aos participantes.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook

Polícia

Polícia Civil de Rosário Oeste resgata mulher que era mantida em cárcere por companheiro em Jangada

Publicado

por


Assessoria/Polícia Civil-MT

Uma mulher que era mantida em cárcere privado pelo companheiro foi resgatada pela Polícia Civil de Rosário Oeste (128 km a oeste de Cuiabá), em ação realizada na tarde sexta-feira (09.04), no município de Jangada.

As diligências iniciaram após denúncia de que a mulher de 20 anos de idade era mantida junto a seus dois filhos gêmeos de um ano de idade presos dentro de casa na zona rural de Jangada.

Com base nas informações, a equipe de investigadores da Delegacia de Rosário Oeste foi até o local onde encontraram a vítima trancada dentro da residência, confirmando o teor da denúncia. A jovem foi resgata pelos policiais e encaminhada a Delegacia para as providências cabíveis.

Segundo o delegado responsável pela ocorrência, Gustavo Godoy, as diligências continuam para localizar o suspeito que não se encontrava na residência no momento da ação dos policiais.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Polícia

Três pessoas são presas por tráfico de drogas em empresa no distrito industrial de Rondonópolis

Publicado

por


Assessoria | Polícia Civil-MT

Três pessoas, entre elas um adolescente, envolvidas com a venda de drogas em Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá) foram presas pela Polícia Civil na manhã desta sexta-feira (09.04), durante investigação daDelegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) do município.

Os suspeitos de 19 e 21 anos foram autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico. O menor de 16 anos responderá ato infracional análogo aos mesmos crimes. Um dos maiores e um dos menores já possui passagem criminal.

As diligências iniciaram após uma denúncia anônima feita ao 197 sobre uma oficina de conserto de lonas que estava sendo utilizada como ponto dde tráfico. Com base nas informações, a equipe de investigação passou a monitorar o endereço no Distrito Industrial Renato Vetorasso.

Durante vigilância nas proximidades, os policiais constataram um intenso fluxo de pessoas, característico com comércio de substâncias ilícitas. Na manhã desta sexta-feira 909) os policiais civis abordaram os indivíduos que estavam no local.

Na revista foi encontrada uma porção de maconha no bolso de um dos suspeitos, que também estava com a chave do contêiner utilizado como sede da empresa de lonas. Próximos a eles também foi localizada uma pedra de pasta base, enrolada em um pano.

Ao abriri o contêiner, os policiais verificaram que dentro havia, em meio a farelo de soja, outra porção de pasta base. Ainda no interior do contêiner foram localizadas anotações de valores, celulares, relógio, soprador de ar, extensão de energia, dinheiro, máquinas de cartões de crédito e débito, caixas de giletes, entre outros objetos.

Diante dos fatos, os suspeitos foram encaminhados até a Derf-Rondonópolis, interrogados e presos em flagrante. Após a confecção dos autos, os conduzidos foram colocados à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana