conecte-se conosco

  • banner_Lorenzetti_1250x250

Polícia

Polícia Civil recupera mais de seis mil litros de defensivos roubados de fazenda em Sapezal

Publicado

Mais de seis mil litros de defensivos agrícolas roubados há cerca de um mês de uma fazenda de Sapezal foram recuperados pela Polícia Civil, na tarde de terça-feira (06.04), durante investigações da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), realizadas no município de Diamantino.

As diligências também resultaram na apreensão de nove armas de fogo e diversas munições, além de três pessoas presas em flagrante pelos crimes de receptação, posse irregular de arma de fogo de uso permitido e associação criminosa.

O roubo dos defensivos agrícolas avaliados em mais de R$ 1,5 milhão ocorreu no dia 08 de março, na fazenda Siriema, em Sapezal. Na ocasião, 12 homens encapuzados e armados renderam os funcionários e os trancaram em um cômodo da propriedade. Os criminosos desligaram a energia da fazenda e o tempo todo agiam com extrema violência, fazendo ameaças às vítimas, enquanto subtraíam os defensivos utilizados no cultivo de algodão.

Assim que foi acionada do fato, uma equipe da GCCO esteve no local e iniciou o trabalho de investigação para identificar a associação criminosa envolvida no roubo. Com as investigações realizadas, os policiais da gerência já tinham informações de que os suspeitos estavam na região de Diamantino e na terça-feira conseguiram identificar a propriedade na zona rural do município em que estariam alojados.

Com base nas evidências, os investigadores foram até o local e em um galpão da propriedade conseguiram localizar 90% do material roubado da fazenda de Sapezal. Em buscas em casas da propriedade foram encontradas nove armas de fogo e diversas munições de diferentes calibres.

Três pessoas que estavam no local foram presas, a dona da fazenda (que tentou dificultar a ação dos policiais), o aplicador dos defensivos, e o gerente da propriedade responderão por receptação, posse irregular de arma de fogo e associação criminosa. O dono da fazenda não estava no local no momento da ação e também será indiciado pelos mesmos crimes.

A vítima foi acionada para reconhecimento dos produtos apreendidos e acredita que, pelo menos, 90% dos defensivos subtraídos no roubo foram recuperados. Segundo o delegado da GCCO, Vitor Hugo Bruzulato Teixeira, a ação foi diferenciada, uma vez que o defensivo foi apreendido nas mãos do agricultor que receptou e estava utilizando o veneno em sua propriedade. Agora as investigações continuam para prender os outros integrantes da associação criminosa envolvidos no roubo dos defensivos.

“Foi um crime grave, roubo em concurso de pessoas, emprego de arma de fogo, restrição de liberdade das vítimas, extremamente violento, que chocou a região e que teria causado grande prejuízo à vítima se os produtos não tivessem sido recuperados”, disse o delegado.

Polícia Civil-MT

Comentários Facebook

Polícia

Polícia Civil de Rosário Oeste resgata mulher que era mantida em cárcere por companheiro em Jangada

Publicado

por


Assessoria/Polícia Civil-MT

Uma mulher que era mantida em cárcere privado pelo companheiro foi resgatada pela Polícia Civil de Rosário Oeste (128 km a oeste de Cuiabá), em ação realizada na tarde sexta-feira (09.04), no município de Jangada.

As diligências iniciaram após denúncia de que a mulher de 20 anos de idade era mantida junto a seus dois filhos gêmeos de um ano de idade presos dentro de casa na zona rural de Jangada.

Com base nas informações, a equipe de investigadores da Delegacia de Rosário Oeste foi até o local onde encontraram a vítima trancada dentro da residência, confirmando o teor da denúncia. A jovem foi resgata pelos policiais e encaminhada a Delegacia para as providências cabíveis.

Segundo o delegado responsável pela ocorrência, Gustavo Godoy, as diligências continuam para localizar o suspeito que não se encontrava na residência no momento da ação dos policiais.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Polícia

Três pessoas são presas por tráfico de drogas em empresa no distrito industrial de Rondonópolis

Publicado

por


Assessoria | Polícia Civil-MT

Três pessoas, entre elas um adolescente, envolvidas com a venda de drogas em Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá) foram presas pela Polícia Civil na manhã desta sexta-feira (09.04), durante investigação daDelegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) do município.

Os suspeitos de 19 e 21 anos foram autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico. O menor de 16 anos responderá ato infracional análogo aos mesmos crimes. Um dos maiores e um dos menores já possui passagem criminal.

As diligências iniciaram após uma denúncia anônima feita ao 197 sobre uma oficina de conserto de lonas que estava sendo utilizada como ponto dde tráfico. Com base nas informações, a equipe de investigação passou a monitorar o endereço no Distrito Industrial Renato Vetorasso.

Durante vigilância nas proximidades, os policiais constataram um intenso fluxo de pessoas, característico com comércio de substâncias ilícitas. Na manhã desta sexta-feira 909) os policiais civis abordaram os indivíduos que estavam no local.

Na revista foi encontrada uma porção de maconha no bolso de um dos suspeitos, que também estava com a chave do contêiner utilizado como sede da empresa de lonas. Próximos a eles também foi localizada uma pedra de pasta base, enrolada em um pano.

Ao abriri o contêiner, os policiais verificaram que dentro havia, em meio a farelo de soja, outra porção de pasta base. Ainda no interior do contêiner foram localizadas anotações de valores, celulares, relógio, soprador de ar, extensão de energia, dinheiro, máquinas de cartões de crédito e débito, caixas de giletes, entre outros objetos.

Diante dos fatos, os suspeitos foram encaminhados até a Derf-Rondonópolis, interrogados e presos em flagrante. Após a confecção dos autos, os conduzidos foram colocados à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana