conecte-se conosco


Polícia

Polícia Civil prende suspeito com objetos furtados de serralheria em Porto Esperidião

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Um homem acusado de furtar fios elétricos e outros objetos de uma serralheria em Porto Esperidião (326 km a Oeste) foi preso em flagrante pela Polícia Judiciária Civil, nesta terça-feira (07.05), logo após cometer o crime. O suspeito, R.D.S.S., 26, foi flagrado em posse dos objetos furtados e após ser conduzido a delegacia chegou a pedir desculpas para a vítima.

O furto ocorreu por volta das 12 horas, em uma serralheria no bairro Parque das Américas, área nobre de Porto Esperidião. O suspeito aproveitou que o proprietário do estabelecimento saiu para o almoço para praticar o crime, porém moradores da região perceberam a presença do criminoso e acionaram a equipe da Polícia Civil.

Imediatamente, os policiais da Delegacia de Porto Esperidião se deslocaram até o endereço, onde encontraram o suspeito no quintal da casa vizinha. Ao perceber a presença dos policiais, o criminoso tentou fugir, pulando o muro de duas casas, porém acabou detido pelos policiais.

Durante os trabalhos, foi constatado que o suspeito arrombou a porta da serralheria e subtraiu diversos objetos como fiação elétrica, cabo 10 mm, vários rolos de fios que estavam prontos para serem carregados, além de perfume importado, pacotes de balas e rolos de papel higiênico. Questionado, o detido apresentou informações desencontradas, porém em seguida confessou ter furtado os produtos.


Diante das evidências, o suspeito foi conduzido a Delegacia de Porto Esperidião, onde em contato com o proprietário do estabelecimento pediu desculpas pela ação criminosa. O preso foi interrogado e em seguida autuado em flagrante pelo crime de furto. Os objetos apreendidos foram restituídos a vítima.

Leia mais:  Polícia Civil prende homem e mulher suspeitos de homicídio em Sorriso

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook

Polícia

Duas motocicletas roubadas são recuperadas pela PM em Tangará da Serra

Publicado

Policiais Militares do 7º Batalhão de Tangará da Serra recuperaram duas motocicletas com queixa de furto nesta semana.

Na terça-feira (03) a Força Tática, após denúncia, localizou uma motocicleta abandonada na região do córrego das pedras. Conforme registro, o veículo placa KAG-4447, apresentava registro de roubo. Já na quarta-feira (04) a equipe durante patrulhamento no bairro Jardim Santiago, avistou um suspeito que ao se deparar com a polícia, fugiu e abandou a motocicleta sem placa e fugiu correndo. Em checagem confirmaram que a moto era furtada.


Os suspeitos seguem foragidos, e os veículos foram entregues à Central de Flagrantes e as vítimas foram avisadas sobre a recuperação.

 

Comentários Facebook
Leia mais:  Polícia Civil prende autor contumaz de furtos a residência na Capital
Continue lendo

Polícia

Polícia Civil cumpre novo mandado de prisão contra suspeito de crime sexual e ameaça

Publicado

por

Assessoria/PJC-MT

Equipe da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Cuiabá (Dedm) cumpriu no início da noite desta quarta-feira (04.12) um mandado de prisão preventiva contra o jornalista L.H.M.A, 38 anos, pelos crimes de estupro tentado e ameaça em um dos inquéritos que tramita na unidade policial.

O mandado de prisão, cumprido em uma unidade prisional da Capital onde o suspeito já está detido, foi representado pela delegada Nubya Beatriz Gomes dos Reis, que preside cinco inquéritos instaurados na Delegacia da Mulher.

“Os casos investigados são gravíssimos. As investigações não basearam-se apenas nas declarações das vítimas, o que por si só tem grande credibilidade em crimes dessa natureza. Há um vasto conjunto de informações nos autos, principalmente depoimentos de testemunhas que ratificaram grande parte do narrado pelas vítimas,” declara a delegada.

O suspeito é investigado na delegacia especializada da Capital por diversos crimes contra a dignidade sexual, sendo que, que até a presente data, foram registrados dez boletins de ocorrências contra ele.


Ele já estava preso por força de outro mandado de prisão em um dos inquéritos que investiga estupro tentado, importunação sexual, ameaça e gravação não autorizada da intimidade sexual. A primeira prisão ocorreu em virtude de descumprimento de medida protetiva de urgência.

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Leia mais:  Policial Civil de MT recebe reconhecimento do Secretario Nacional por salvar vida de colega de trabalho
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana