conecte-se conosco


Polícia

Polícia Civil localiza homem suspeito de estupro e morte de adolescente em Campinápolis

Publicado

Assessoria/PJC-MT

Um homem foragido da Justiça da Comarca de Nova Xavantina (645 km a Leste de Cuiabá), acusado de estupro e homicídio, foi preso nesta quinta-feira (07.11) no Pará, após trabalho integrado envolvendo a inteligência policial das Polícias Civis de Mato Grosso e do estado vizinho.

O procurado, L.I.F.M. de 33 anos, estava com a ordem judicial de prisão temporária em aberto. Ele responde pelo crime de violência sexual e contra a vida, cometido no dia 25 de dezembro de 2014 na cidade de Campinápolis, tendo como vítima uma adolescente de 16 anos.

A menor  L. M. R. S. foi encontrada morta atrás de uma igreja. A vítima usava apenas as roupas íntimas, estava com a orelha machucada, indicando mordida, e apresentava sinais de espancamento na cabeça.

Foi o pai da adolescente quem a encontrou no dia de Natal. Na ocasião, o mesmo informou que sua filha havia saído de casa para ir até a rua usar o sinal de internet wi-fi. No entanto, ela não retornou e os familiares passaram a procurá-la. O caso gerou comoção entre os moradores da região.

Durante diligências para apurar o crime, o autor foi identificado e teve o pedido de prisão deferido pela Justiça. Nas investigações realizadas pela Delegacia de Campinápolis, em conjunto com o Núcleos de Inteligência de Água Boa e de Confresa, foi possível levantar o paradeiro do criminoso nas proximidades da divisa dos estados de Mato Grosso e Pará.

Diante dos fatos, a Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso, solicitou apoio da Polícia Civil do Pará, que conseguiu surpreender L.I.F.M. de 33 anos, na cidade de Santana do Araguaia.

Em cumprimento ao mandado de prisão temporária, o preso foi detido e encaminhado para a Penitenciária Major Zuzi Alves da Silva, em Água Boa, onde ficará à disposição da Justiça da Comarca de Nova Xavantina e da Delegacia de Campinápolis, responsável pelo inquérito policial.

Comentários Facebook

Polícia

PM é acionada e encontra arma de fogo e facões usados para intimidar vítima de violência doméstica

Publicado

por


.

Policiais militares em Terra Nova do Norte (a 675 km de Cuiabá) prenderam na madrugada desta sexta-feira (29.05), um homem por violência doméstica e porte ilegal de arma de fogo.

Conforme o boletim de ocorrência, os policiais foram acionados pelo pai da vítima, dizendo que sua filha estava sendo agredida pelo marido.

Os policiais foram até o local onde a mulher já aguardava a equipe. Ela apresentava hematomas no pescoço e nas pernas. A vítima contou que conseguiu fugir depois que o marido tentou estrangulá-la e ameaçada com um facão.

Os policiais foram até a residência do casal, onde encontraram o denunciado que foi rendido e detido. Dentro da casa, os militares encontraram dois facões e uma espingarda calibre 12, com 10 cartuchos atrás de um móvel.

A vítima foi encaminhada a uma unidade de saúde devido aos ferimentos.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Força Tática encontra droga em casa no bairro Jardim Imperial II

Publicado

por


.

Uma equipe da Força Tática prendeu na noite de quinta-feira (28.05), um homem por tráfico de droga, no bairro Jardim Imperial II, em Cuiabá.

Conforme o boletim de ocorrência, a informação descrevia um homem como responsável pela venda de entorpecente pelo bairro. Em diligência, os policiais identificaram o denunciado que tentou correr para dentro de uma casa, mas foi contido.

Dentro da residência, os militares encontraram uma mochila com cinco tabletes e uma porção menor de maconha. O suspeito é monitorado por tornozeleira eletrônica que estava desligada.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

 

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana