conecte-se conosco


Polícia

Polícia Civil identifica envolvidos e recupera veículo furtado de locadora

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Mais um automóvel de propriedade de uma empresa de locação de veículos foi recuperado pela Polícia Judiciária Civil, por meio da Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos de Veículos Automotores (Derrfva), na quarta-feira (06.11), em Cuiabá.

As investigações resultaram na prisão em flagrante de um suspeito por receptação. Outros três envolvidos serão indiciados em inquérito policial, que apura crimes de apropriação indébita, comunicação falsa de crime e associação criminosa.

As diligências iniciaram após a empresa locadora de veículo procurar a DERRFVA para relatar o furto de um veículo Hyundai modelo HB20 locado por uma cliente na segunda-feira (04.11). Segundo a empresa, na terça-feira (05.11), o marido da locatária do veículo registrou o boletim de ocorrência, narrando que automóvel havia sido furtado.

Na comunicação, o responsável pela empresa relatou que os veículos da locadora possuem rastreadores, porém o equipamento instalado no HB20 estava sem sinal. Diante dos fatos os policiais civis passaram a investigar, conseguindo localizar o veículo supostamente furtado, em uma residência no bairro CPA III.

No endereço, a moradora atendeu os investigadores da DERRFVA, sendo confirmado se tratar do automóvel subtraído. Questionado sobre o veículo em sua garagem, inicialmente a suspeita disse que um sobrinho teria deixado durante a madrugada, e ainda não tinha retornado para buscar.

Durante os trabalhos, os policiais descobriram que o veículo da locadora foi entregue, em um ponto de venda de drogas como pagamento de uma dívida, e que carro estava escondido no endereço no bairro CPA III a mando de uma facção criminosa. 

Leia mais:  Delegacias da Regional de Cuiabá desencadeiam 1.960 ações operacionais

Com base nas informações, os investigadores realizaram diligências pelo bairro e encontram o suspeito (portador de tornozeleira eletrônica) responsável por receber e guardar o veículo. Ele confessou que estava em poder do veículo e que fugiu logo que os policiais chegaram a casa.

Diante dos fatos, os quatro envolvidos foram conduzidos a DERRFVA ´para prestarem esclarecimentos. Após serem ouvidos pelo delegado Diego Alex Martimiano da Silva. o suspeito responsável pela guarda do carro foi autuado em flagrante por receptação, foi apresentado para audiência de custódia ficando à disposição da Justiça.


Os demais envolvidos responderam em inquérito policial pelos crimes de apropriação indébita, comunicação falsa de crime e associação criminosa. As investigações continuam com objetivo de identificar e prender outros possíveis envolvidos no crime.

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook

Polícia

Proprietário de imóvel é agredido por “inquilinos” após pedir desocupação em Tangará da Serra

Publicado

O proprietário de uma quitinete localizada na Rua 07, no Centro, foi agredido na noite desta quarta-feira (20) por um grupo de pessoas após pedir  que desocupassem o imóvel em Tangará da Serra.

Segundo informações da rádio Gazeta FM, a Polícia Militar foi acionada por volta das 23h30 para atender ocorrência de briga generalizada. No local, se depararam com um homem caído, e com profundo corte na cabeça. A vítima contou a equipe que foi verificar uma baderna na residência e quando chegou, viu um grupo usando drogas. Ao pedir que saíssem do local foi agredido por um dos suspeitos.

Na quitinete a PM localizou e apreendeu diversos produtos de procedência duvidosa, sendo quatro mini autofalantes, dois cabos USB novos, duas caixas de som JBL Charge, dois rádios portáteis, duas relações Cofap, onze rolamentos, um fone de ouvido novo, nove facas com bainha, uma bainha, duas mochilas pretas, uma caixa com vários anzóis, uma bolsa vermelha com roupas, um notebook Philco, quatro linhas de pesca, um aparelho de som Pioneer, uma potência de som pirâmide, dois celulares, duas botas Texana, uma bicicleta preta com amortecedor e uma bicicleta azul de garupa.


Os suspeitos Lucimara de Araújo, 37 anos, Beatriz da Silva Araújo, 19 anos presas e os menores  J.V.A.S., 17 anos, M.H.A.S. de 14 anos, F.A.C., 13 anos, e G.B.A., 12 anos de idade apreendidos, todos foram autuados pelos crimes de receptação e tentativa de homicídio.

Leia mais:  Delegado regional de Confresa é homenageado com Moção de Aplausos

 

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Autor de estupro de vulnerável em Sinop é preso pela Polícia Civil em Marcelândia

Publicado

por

Assessoria | PJC-MT

O autor de um crime de estupro de vulnerável teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Judiciária Civil, na segunda-feira (18.11), em ação integrada da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher, Criança, Adolescente e Idoso (DEDMCAI) de Sinop (499 km ao Norte de Cuiabá) com apoio da Delegacia de Marcelândia (710 km ao Norte de Cuiabá).

O suspeito, F.M.Z., de 39 anos, teve o mandado de prisão expedido pela 2ª vara criminal de Sinop com base em investigações realizadas pela DEDMCAI que constataram o crime de estupro de vulnerável. Desde de que teve a ordem de prisão decretada, o acusado estava foragido.

Com informações de que o suspeito estava viajando em uma van em direção a cidade de Marcelândia, os policiais da DEDMCAI acionaram a equipe da Delegacia do município, comunicando sobre a ordem de prisão em aberto contra o investigado.

Os investigadores então pegaram a Rodovia e nas proximidades do Distrito de Atlântica conseguiram identificar e realizar a abordagem da van, em que o suspeito viajava. O procurado foi localizado no interior do veículo, onde foi dado cumprimento ao mandado de prisão.


Após ter a ordem judicial cumprida, o suspeito foi conduzido a Delegacia de Marcelândia para as providências de praxe.

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Leia mais:  Polícia Civil descobre escritório do tráfico e prende membros de facção em Rondonópolis
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana