conecte-se conosco

  • banner_Lorenzetti_1250x250

Policia Federal

PF e RFB desarticulam esquema de fraudes em importações em Salvador

Publicado

Salvador/BA – A Polícia Federal e a Receita Federal realizam ação conjunta nesta terça-feira (13/11), visando desarticular esquema de fraudes em importações identificado no Aeroporto Internacional Luís Eduardo Magalhães, em Salvador.

Cerca de 30 policiais federais cumprem sete mandados de busca, expedidos pela Justiça Federal baiana, em empresas e nas residências dos investigados. As diligências, que contam também com a participação de 16 servidores da Receita Federal, estão sendo realizadas em Salvador, Bahia, e em Belo Horizonte, Minas Gerais.

As investigações iniciaram em junho de 2017, quando a Receita Federal constatou, no aeroporto de Salvador, que uma carga proveniente de Miami/EUA, cujos documentos de importação declaravam tratar-se de máquinas cortadeiras domésticas, continha, na verdade, celulares, aparelhos oftalmológicos, drones, óculos, equipamentos eletrônicos e vinhos, no valor total de mais de R$ 10 milhões.

Além da falsidade quanto ao conteúdo da carga, verificou-se também que os verdadeiros importadores eram diversos da empresa declarada, a qual, suspeita-se, além daquela operação, teria sido utilizada para acobertar diversas outras importações fraudulentas, cujos valores podem chegar próximo dos R$ 400 milhões.

A partir dessas informações provenientes da Receita Federal, foi instaurado inquérito policial, por meio do qual foi possível identificar os empresários, contadores e despachantes envolvidos no esquema ilícito em Salvador. A suspeita é de que esse mesmo modus operandi tenha sido utilizado pelos investigados também em outros estados.

Além da perda das mercadorias, em procedimento administrativo a cargo da Receita Federal, as condutas sujeitam os investigados à responsabilização criminal, incidindo nos crimes de descaminho por via aérea, falsidade ideológica e participação em organização criminosa, cujas penas, somadas, ultrapassam os 20 anos de reclusão.

A operação foi batizada ESPELHO numa referência à atuação da organização criminosa, que mantinha uma carga licitamente importada e declarada no terminal alfandegado mesmo após o seu desembaraço, a fim de ser apresentada no lugar das importações fraudulentas subsequentes em caso de fiscalização da Receita Federal, sendo aquela carga lícita chamada de espelho.

 

Comunicação Social da Polícia Federal na Bahia

[email protected] | www.pf.gov.br

Contato: (71) 3319-6003 / 99313-2072

Comentários Facebook

Policia Federal

PF combate crime de moeda falsa no interior do Maranhão

Publicado

por


São Luís/MA – A Polícia Federal prendeu em flagrante, nesta quinta-feira (7/4), uma pessoa na cidade de Parnarama/MA, pela prática do crime de moeda falsa (art. 289, § 1º do Código Penal), sendo apreendidas 10 cédulas falsas em posse do indivíduo, todas no valor de R$ 100.

Policiais federais fizeram o acompanhamento da entrega de encomenda enviada através dos Correios, efetuando a prisão em flagrante após o recebimento das notas falsas pelo destinatário no município de Parnarama/MA. Em interrogatório, em sede policial, a pessoa investigada confessou que havia solicitado e pago pelo recebimento das cédulas falsas.

A ação faz parte da fiscalização permanente que a Polícia Federal vem realizando em todos os Estados do Brasil. A relevância de trabalhos desta natureza evita a circulação de cédulas falsas, o que pode gerar diversos entraves não somente para os indivíduos que recebem as cédulas falsas repassadas, mas também para o sistema econômico-financeiro como um todo.

Comunicação Social da Polícia Federal em São Luís/MA

Contato: (98) 3131-5105

Coordenação-Geral de Comunicação Social da Polícia Federal

Contato: (61) 2024-8142

Continue lendo

Policia Federal

Polícia Federal apreende grande quantidade de cigarros contrabandeados e maconha

Publicado

por


Guaíra/PR – Na quarta-feira (6/4), a Polícia Federal apreendeu grande quantidade de maconha, cigarros contrabandeados, veículo e embarcações utilizadas pelo crime organizado.

Em diligências na região de Altônia/PR, policiais federais constataram intensa movimentação nas margens do Rio Pacaraí. Durante a abordagem, grande parte dos criminosos fugiu em meio à mata existente no local, abandonando diversos fardos de maconha, que totalizaram 671 kg da droga, uma arma de fogo, 200 mil maços de cigarro, 1 caminhão e 2 lanchas equipadas com motor 200 HP’s, que eram utilizados no transporte dos materiais ilícitos.

Uma pessoa foi presa na ação, sendo indiciada pelos crimes de tráfico internacional de entorpecentes, porte ilegal de arma de fogo e contrabando.

Comunicação Social da Polícia Federal em Maringá/PR

Telefone: (44) 3220-1436

Coordenação-Geral de Comunicação Social da Polícia Federal

Contato: (61) 2024-8142

Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana