conecte-se conosco


Ação Social

Páscoa Solidária: família composta por oito filhos precisa de doações de alimentos e móveis no Bairro Alto da Boa Vista

Publicado

A casa da família Silva, está em reforma. O grupo composto por 11 voluntários se reveza a cerca de três meses, para tornar o sonho da casa nova, em realidade.

No imóvel de três quartos, sala, cozinha e banheiro, vivem o casal, Márcia e Décio e oito filhos, com idades entre quatro meses a 16 anos. A rotina dos voluntários é cansativa. Trabalho árduo para fazer o bem e trazer mais dignidade à família, destaca o líder comunitário, Davi Oliveira. “É um trabalho cansativo. Nos dedicamos, mas a recompensa vem a cada sorriso. Nesta casa que estamos reformando, já somamos 146 diárias e o esforço é válido, pela satisfação de ver alegria deles, em ter um local mais confortável e seguro pra morar”, destaca.

O grupo composto por 11 voluntários se reveza a cerca de três meses, para transformar o sonho casa nova, em realidade.

Neste domingo (21) celebramos a Páscoa, para os católicos representa um marco religioso, a partir da passagem de vida e morte de Jesus, e está relacionado ao desenvolvimento humano e à ascensão espiritual. A Páscoa exalta a compaixão entre todos os seres. Momento oportuno para refletirmos sobre a nossa responsabilidade enquanto ‘irmãos’. A família Silva, precisa de todo tipo de ajuda, Márcia teve de abandonar o trabalho para cuidar de um dos filhos que tem problema de saúde, e o sustento, vem da ocupação de jardineiro de Décio. “Eu precisei me afastar do trabalho para cuidar de meus filhos e como o Décio é autônomo, não temos uma renda fixa e toda ajuda é bem vinda para nós”, relata Márcia.

Um dos filhos do casal, engoliu uma moeda e para salvar a criança, usaram todo o dinheiro que tinham para pagar as despesas médicas.

Até a celebração de Páscoa, a família Silva deve estrear a casa nova. A reforma está prevista para terminar no sábado (20). Caso alguém tenha móveis e pense em descartar, sugerimos que faça a doação à família Silva. O que para muitos não serve, pode fazer a diferença neste lar. Eles estão precisando de utensílios domésticos, e sobretudo, de alimentos e brinquedos.

Leia mais:  Suspeito de roubo de carro em Cuiabá é preso na BR-364

No último fim de semana, um dos filhos, engoliu uma moeda e o procedimento para salvar a criança, foi realizado em um hospital particular e todo recurso que tinham, usaram para pagar as despesas médicas. As  doações podem ser entregues no endereço da família, na Rua Pardal nº 5.172 S, Bairro Alto da Boa Vista. Para mais informações, são dois telefones disponíveis: (65)9.99644-6338 e (65)9.9684-8015, falar com Márcia ou Davi.

 

 

Comentários Facebook
publicidade

Ação Social

Lions promove triagem para exames de colo de útero e próstata na próxima segunda-feira

Publicado

Através de parceria com o Hospital do Amor, o Lions Clube Tangará da Serra realizará na próxima segunda-feira (20/05) triagem de pacientes para exames preventivos e de diagnóstico precoce de câncer de colo de útero e de próstata. A triagem ocorrerá no dia 20, das 08hs às 17hs, na sede do clube de serviço, no Jardim Tangará II.

A triagem proporcionará a 50 mulheres e 40 homens os exames no ambulatório montado na carreta do Hospital do Amor (antigo Hospital do Câncer de Barretos-SP), que estará em Tangará da Serra no próximo dia 05 (quarta-feira). A partir dos exames, os pacientes que necessitarem de tratamento serão encaminhados.

Marilza e Vera Luci, do Lions: Parceria do clube de serviço com o Hospital do Amor vem de cinco anos.

Segundo a presidente do Lions Clube Tangará da Serra, Vera Luci Ramos Segatto, para participar da triagem, os pacientes devem apresentar documentos como RG, CPF, cartão do SUS e comprovante de endereço, que poderão ser faturas de água ou energia. “Para os exames de próstata, a triagem observará a faixa etária de homens de 50 a 69 anos. Já os exames de colo de útero (papanicolau) – serão exclusivamente para mulheres com vida sexual ativa”, informa Vera Luci. Este ano, porém, não haverá exames para diagnóstico de câncer de pele.

A coordenadora do Lions para a ação do dia 20, Marilza Barreto Manzano, destaca que esta será a quinta passagem da carreta do Hospital do Amor em Tangará da Serra com intermediação do clube de serviço. “Temos um convênio com o Hospital do Amor há cinco anos e em 2019 vamos passar das 600 pessoas atendidas com exames”, completou.

Sede do Lions Clube de Tangará da Serra será o local da triagem, na próxima segunda-feira.

Comentários Facebook
Leia mais:  Reitoria da Unemat apresenta aplicação de recursos à Comissão de Educação
Continue lendo

Ação Social

Prefeito denuncia que outras cidades ‘despejam’ andarilhos em Tangará da Serra

Publicado

Em desabafo na rede social, na noite desta terça-feira (07), o prefeito Fábio Martins Junqueira, denuncia a chegada de andarilhos, trazidos de outra cidade à Tangará da Serra.

Andarilhos foram registrados na Praça dos Pioneiros.

As manifestações da comunidade contra os andarilhos e dependentes químicos que circulam pela cidade, deve-se ao comportamento de alguns membros dos grupos, que de maneira agressiva  abordam as pessoas na saída de estabelecimentos comerciais e nas praças centrais, muitas vezes, segundo relatos, em tom de ameaça quando lhes negam dinheiro.

A situação tem causado constrangimento e críticas da população cobrando uma ação mais efetiva da Assistência Social, devido a sensação de insegurança.  Nas redes sociais, os tangaraenses cobram por uma solução. Em desabafo, o prefeito publicou no perfil pessoal, uma carta se referindo à chegada de 12 andarilhos no dia 16 de abril. “Uma Van chegou em Tangará da Serra e deixou 12 andarilhos, três ficaram na praça e nove foram deixados no Albergue Municipal. Conforme apurou a Assistente Social, vieram de Lucas do Rio Verde, trazidos com a justificativa de que não poderiam ficar naquela cidade. Situação que já virou rotina, e tem levado os órgãos e instituições,  à exaustão”.

A situação tem gerado desconforto. A Prefeitura se defende e alega ter intensificando os trabalhos de ronda social e acolhimento, ao disponibilizar o Albergue São Judas Tadeu, por ora, com capacidade para 34 abrigados, em caráter transitório, com permissão para permanecerem por 15 dias no local.

Leia mais:  Governo homenageia assistentes sociais por serviços prestados à população

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana