conecte-se conosco


Mato Grosso

Nove são presos por tráfico de drogas em várias cidades do Estado

Publicado

Nove pessoas foram presas por tráfico de drogas em Barra do Garças, São Pedro da Cipa, Jaciara, Alta Floresta e Mirassol D’Oeste. As prisões aconteceram durante abordagens realizadas em rondas e atendimentos de ocorrências, entre sábado e segunda-feira (09 e 11).

Em Barra do Garças, os policiais prenderam, na segunda-feira (11.02), dois suspeitos por tráfico e recuperaram materiais roubados no sábado. A ocorrência iniciou com abordagem de F.K.R.A.V. (15) e L.F.L. (21), que estavam em uma boca de fumo, no bairro Santo Antônio. Com eles foram apreendidos 140 pedras e uma porção de substância análoga à pasta base; além de dois celulares e uma bolsa. Na Central de Flagrante, a vítima do roubo que aconteceu no sábado identificou os materiais apreendidos e os suspeitos.

Em São Pedro da Cipa, policiais da 7ª Companhia receberam denúncia de que um veículo roubado, em Jaciara, estava parado em frente a uma residência. No local, os policiais abordaram L.D.S.M. (16) e apreenderam um revólver calibre 22, com nove munições intactas, 27 pedras de substância analóga à pasta base e uma porção de maconha. O menor e o material foram encaminhados à delegacia da cidade.

Em São Pedro da Cipa foram apreendidos um revolver 22, nove munições intactas, 27 pedras de pasta base e uma porção de maconha. Foto PMMT

Em Jaciara, na madrugada de domingo, policiais da 7º Companhia prenderam M.V.S.A na área central da cidade. Os policiais relatam no boletim de ocorrência que o suspeito conduzia uma moto Honda e teria fugido para não ser abordado. Durante perseguição, o suspeito joga uma porção de pasta base de cocaína. Já no período da noite, M.V.S.A abordou um policial e pediu desculpas por não ter parado. Até então, ele não sabia que os policiais tinham encontrado a droga no caminho. Ele foi encaminhado à delegacia.     

Leia mais:  Escola de Governo oferta curso sobre termo de referência para empresas públicas

Em Alta Floresta, policiais do 8º BPM prenderam mãe e filha, em uma boca de fumo, no bairro Cidade Bela, no sábado. Com a dupla foram apreendidas porções de substância analóga à maconha e cocaína e R$ 1.450 em dinheiro. E.R.P (41) e L.D.P. (17) foram encaminhadas à delegacia.

Policiais da 1ª Companhia de Mirassol D´Oeste prenderam S.B.G.S. (18), no sábado, e apreenderam uma porção de substância análoga à maconha. O suspeito possui várias passagens criminais e é conhecido dos policiais. Ainda em Mirassol D’Oeste, na noite de sábado, no bairro Morumbi, policiais prenderam M.L.S.S., que estava com mandado de prisão em aberto. Uma porção de maconha e um cachimbo foram encontrados com o suspeito.


Em Jaciara, o suspeito não sabia que os policiais recuperaram a droga jogada durante perseguição. Foto: PMMT 

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Alunos demonstram potencial em Olímpiada Nacional de Ciências

Publicado

por

A Escola Estadual 12 de Abril, localizada no município de Tabaporã (a 643 quilômetros ao médio-norte de Cuiabá), realizou a 1ª etapa da Olímpiada Nacional de Ciências (ONC) para 36 alunos do ensino médio. Os estudantes responderam a 15 questões objetivas de física, química, biologia e astronomia. A prova ocorreu na sexta-feira (16.08), nas dependências da escola.

A estudante Hilary Maria relata que teve uma experiência positiva nessa primeira fase da ONC e agora está na expectativa de realizar a segunda etapa. “Foi uma experiência incrível porque proporcionou várias oportunidades. Se eu for para a próxima etapa, que é a estadual, ficaria muito feliz”, frisa.

Para a aluna Maria Luiza, passar da segunda para a terceira fase nacional será uma grande conquista, pois os vencedores ganharão, não só medalhas ou bolsa de estudo, mas grande visibilidade. “É uma oportunidade de crescermos no conhecimento em ciências”, ressalta.

Segundo a professora de física Ângela Gargioni, responsável pela organização da ONC na escola, os alunos classificados para a segunda fase deverão ser avaliados com questões subjetivas e experiências dos estudantes.  O resultado dos aprovados para a segunda fase será divulgado no dia 30 de agosto, mas a expectativa é que todos participem.

“Na segunda etapa, os alunos apresentam um trabalho prático, poderão demonstrar o potencial que identificamos dentro da ONC e que tenham perfil na área de ciências. Foi uma surpresa positiva nessa primeira participação dos nossos alunos porque estudamos de forma intensiva. Como professora de física, me sinto lisonjeada pelo empenho de nossos alunos”, comemora.

Leia mais:  Desenvolve-MT reduz custos e se prepara para ampliar receita

ONC

A ONC é uma promoção do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e constitui um programa das Sociedade Brasileira de Física (SBF), Associação Brasileira de Química (ABQ) e Instituto Butantã, responsáveis por sua execução.

O foco da ONC é despertar e estimular o interesse pelo estudo das ciências naturais, física, química, biologia e astronomia. A competição é dividida em três etapas.

O estabelecimento de ensino que participar da 1ª fase terá automaticamente inscritos para a 2ª fase todos os estudantes que atingirem o número mínimo de acertos estipulado pela Comissão da ONC.

As provas da 2ª fase serão aplicadas em um sábado, nas subcoordenações estaduais definidas por cada comissão estadual, na data determinada no calendário da ONC, aprovado e publicado na página de divulgação digital da ONC de cada ano. A premiação dos alunos compreenderá dois níveis: estadual e nacional. A ONC concederá até 5.000 medalhas divididas em três categorias: ouro, prata, bronze.


Além disso, todos os que receberem medalhas e menção honrosa receberão seus certificados impressos. O número de medalhas em cada categoria dependerá do desempenho dos estudantes em cada série/ano.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Pessoa com deficiência e bullying foram temas de palestras para comunidade escolar

Publicado

por

A Escola Estadual Alfredo Treuherz, localizada na região de Nova Fronteira, em Tabaporã (643 quilômetros a Médio-Norte da Capital), foi palco de uma palestra sobre a Inclusão da Pessoa com Deficiência e Bullying. O encontro possibilitou a interação dos participantes que tiraram as dúvidas sobre o assunto. A palestra ocorreu na última sexta-feira (16.08) e teve participação dos alunos da escola e da comunidade escolar.

Segundo a diretora Claudia Reffatti Grassi, o tema foi escolhido pois a escola atende a alunos com algum tipo de deficiência. Com a ajuda da mãe de uma aluna especial, conseguiram levar Tais Augusta de Paula, da Casa Civil de Mato Grosso, e Luiz Carlos Grassi, do Conselho Estadual da Pessoa com Deficiência (Conede) para falar sobre o assunto.

“A palestra foi muito importante, tendo em vista que enfrentamos desafios no dia a dia escolar e precisamos estar capacitados para atender aos alunos da melhor maneira possível. A comunidade escolar, que participou em peso, gostou muito da maneira como foi abordado o tema em questão”, ressalta.


A EE Alfredo Treuherz atende 207 alunos matriculados nos ensinos fundamental e médio.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Leia mais:  Seplag promove palestra de integração entre servidores
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana