conecte-se conosco


Polícia

Mulher, marido, filho e amigo são executados em chacina na saída de garimpo em Aripuanã (MT)

Publicado

Foram mortos Elzilene Tavares Viana, de 41 anos, conhecida como Babalu, o filho dela, Luiz Felipe Viana Antônio da Silva, de 19 anos, o marido dela, Leôncio José Gomes, de 40 anos — Foto: Arquivo pessoal

Quatro pessoas foram assassinadas em uma chacina na saída do garimpo de Aripuanã, a 976 km de Cuiabá, neste sábado (21). Os corpos foram encontrados nessa segunda-feira (23) depois que pessoas próximas procuraram a Polícia Civil para informar sobre o desaparecimento de uma das vítimas.

Moradores da região foram os primeiros a encontrar os corpos e chamar a polícia.

Segundo a investigação, as cinco vítimas desciam a serra no garimpo às 9h de sábado (21) quando foram abordadas por quatro homens armados que bloquearam a estrada usando uma caminhonete.

As vítimas, então, foram algemadas, levadas para uma estrada, em direção ao município de Juína, e, em seguida, executadas.

Foram mortos Elzilene Tavares Viana, de 41 anos, conhecida como Babalu; o filho dela, Luiz Felipe Viana Antônio da Silva, de 19 anos; o marido dela, Leôncio José Gomes, de 40 anos; e Jonas dos Santos, de 25 anos.

Segundo o boletim de ocorrência, Jonas, o amigo, iria para Juína, a 737 km de Cuiabá, e pegou carona com a família.

Uma quinta pessoa que estava com o grupo sobreviveu. Segundo a polícia, a mulher não foi morta porque disse que estava grávida.

Após o crime, os suspeitos incendiaram um dos veículos e o fogo atingiu um dos corpos — os demais foram encontrados com ferimentos.

As investigações estão em andamento para identificar os suspeitos e esclarecer a motivação do crime. A sobrevivente ainda vai ser ouvida pela polícia.

O caso é investigado pela Polícia Civil. Nenhum suspeito foi preso ou identificado.

Fonte: G1

Comentários Facebook

Polícia

Trabalho integrado identifica motoristas embriagados, poluição sonora e trafico de droga em Sinop

Publicado

por


A operação Quintum Praecptum envolveu várias unidades do 11º BPM de Sinop (a 500 km de Cuiabá) e equipes da Guarda Municipal na noite de sexta-feira e seguiu pela madrugada deste sábado (22 e 23.01) – resultando na condução de nove homens à delegacia por direção sob efeito de álcool, poluição sonora e tráfico de droga.

Dos detidos, cinco estavam dirigindo alcoolizados, dois estavam com o som do carro acima do permitido por lei e, dois traficavam droga. Durante os trabalhos, três estabelecimentos comerciais foram alvos de fiscalização, por meio de abordagem dos frequentadores.

Foram apreendidos seis veículos e 13 porções de cocaína e geradas 13 notificações de trânsito e 18 testes de alcoolemia foram realizados.

Participaram da operação policiais do Grupo de Apoio, Comando de Ação Rápida, Força Tática, Agência Regional de Inteligência, além da Guarda Municipal de Sinop.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Rotam prende suspeitos e recupera dois veículos roubados em Primavera do Leste

Publicado

por


Uma equipe da Rotam prendeu na noite desta sexta-feira (22.01), quatro homens por receptação, no bairro 1º de Março, na capital.

Os policiais realizavam patrulhamento e perceberam um grupo de pessoas em uma casa. Na garagem do imóvel estavam dois carros, sendo um Renault Clio e uma caminhonete Frontier.

Foi iniciado o procedimento de consulta dos veículos e descoberto queixa de roubo ocorrido na cidade de Primavera do Leste.

Dos quatro detidos, dois têm passagens criminais, sendo um, preso quatro vezes por roubo e uma por receptação. O outro, por lesão corporal.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana