conecte-se conosco

  • powered by Advanced iFrame free. Get the Pro version on CodeCanyon.


Polícia

Mulher é detida por apropriação de celular achado

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Uma jovem na posse de um aparelho celular furtado foi presa pela Polícia Judiciária Civil, na manhã desta terça-feira (20.08), no município de Confresa (1.160 km a Nordeste), durante investigação do furto.

M.C.A.N., 24 anos, responderá pelo delito de apropriação de coisa achada. A suspeita foi surpreendida em uma residência no bairro Setor Genoveva, em poder o telefone móvel que foi recuperado.

Em diligências para elucidar o furto do celular da marca Samsung, ocorrido no mês de maio, em uma residência no bairro Jardim Vitória, os policiais civis conseguiram identificar o local onde o aparelho estava, em um imóvel no bairro Setor Genoveva

Em checagem pelo número de IMEI foi constatado se tratar do produto de furto. Na ocasião, uma encontrada na posse do aparelho celular e alegou que havia achado o telefone caído em um canteiro de plantas, nas proximidades de um cartório, bem como acabou se apropriando do objeto sem procedência. 

Diante dos fatos, M.C.A.N. foi conduzida à Delegacia de Confresa para esclarecimentos. Ela foi ouvida  e será indiciada por apropriação de coisa achada, conforme artigo 169 do CP, com pena de detenção de 1 mês a 1 ano ou multa. Já o aparelho celular recuperado será restituído para vítima.


A Polícia Civil destaca a importância do cidadão, que vier a apropriar-se de coisa alheia, tem o prazo de 15 dias para devolução do objeto, sendo assim para não incorrer no crime.

Leia mais:  Deletran instaura mais de 2 mil procedimentos para crimes de trânsito em Cuiabá e Várzea Grande

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Após uma semana internado, morre quarta vítima de acidente na MT-343 em Barra do Bugres

Publicado

Morreu na tarde deste sábado (21) a quarta vítima do acidente que ocorreu no último domingo, na MT-343 em Barra do Bugres.

Roney Alves, 38 anos estava internado em estado grave no hospital em Cuiabá. A esposa e filho, Jessica Tatiana Batista de Lima, 26 anos, e Rhuan Victor Batista dos Sanos, 12 anos, além de um passageiro que não teve o nome divulgado, vieram a óbito no local. A família era moradora de Denise.

De acordo com a Polícia Militar, um dos veículos tentou fazer uma manobra de ultrapassagem e colidiu frontalmente com o carro de passeio, onde viajava a família de Denise, sentido Distrito de Assari a Barra do Bugres.

Conforme Boletim de Ocorrência, o condutor do veículo que causou o acidente, Luan Robson Alencar Oliveira, 26 anos, morador de Nova Olímpia, é suspeito de embriaguez ao volante, e deverá ser indiciado por homicídio culposo, quando não há intenção de matar. As causas do acidente serão apontadas pela Polícia Civil.

O sepultamento de Roney Alves, está previsto para a tarde deste domingo, no Cemitério Municipal de Denise.


 

 

 

 

 

Com informações Atual MT

 

Comentários Facebook
Leia mais:  Assaltantes usam arma de brinquedo e roubam cerca de 13 celulares de loja em Cuiabá (MT)
Continue lendo

Polícia

Acusado de matar menor é preso em Confresa pela PC

Publicado

por

Assessoria | PJC-MT

Com mandado de prisão preventiva, expedido pela comarca de Porto Alegre do Norte/MT, Diogo Pereira da Silva, 22, foi preso pela Policia Civil, em Confresa, na sexta-feira (20.09).Ele é acusado de crime de homicídio  ocorrido no mês de novembro de 2017.

A vítima do crime foi um adolescente (Carlos Cardoso Figueiredo, conhecido por Carlinhos), que teve o corpo encontrado com várias perfurações de faca, e já em avançado estado de decomposição, na pista de motocross, no município de Confresa.

Durante as investigações, a Polícia Civil comprovou a participação do suspeito no crime, que à época possuía um veículo Gol vermelho,  que foi utilizado durante a ação criminosa. Além de Diogo, outros três menores também participaram da morte de “Carlinhos”, sendo que estes já haviam confessado o crime e também delatado Diogo como um dos autores do crime.

O delegado de Confresa André Rigonato representou pela prisão preventiva de Diogo Pereira da Silva. O mandado de prisão foi deferido e ele preso.


O suspeito será encaminhado para a Cadeia Pública de Porto Alegre do Norte.

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Leia mais:  Reunião com o Tribunal de Justiça discute soluções para desafogar pátios de delegacias
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana