conecte-se conosco


Mulher

Mulher de quase 60 anos diz que namorar homens mais novos a faz sentir com 30

Publicado

Aos quase 60 anos, Gaynor Evans sente como se tivesse 30. Quando questionada sobre qual o segredo para ter essa juventude toda, a inglesa responde, sem cerimônia, que está em seus relacionamentos amorosos, já que ela só se envolve com homens mais novos, com mais da metade de sua idade.


undefined
Reprodução/Facebook @gingerbirdevans

Gaynor Evans conta que após se divorciar, passou a se relacionar com homens mais novos e chegou a ficar com um rapaz de 23 anos


Leia também: Pedido de casamento é feito em livro com ilustrações de momentos do casal

Gaynor é escritora e empresária, mora em Enfield, no norte de Londres, tem 57 anos, quatro filhos e um neto. A “papa anjo”, como ela mesma se define, já se relacionou com centenas de homens mais novos
, todos com menos de 30 anos.

Em entrevista ao tabloide britânico Daily Mail
, ela conta que começou a sair com rapazes mais jovens desde que teve um caso com um garoto de 23 anos, assim que se divorciou de seu segundo marido, em 2010, e, até agora, já foram mais de 200 encontros.

Ela também afirma que agora não tem mais nenhum relacionamento sério, e que não tem intenção de que sua vida amorosa diminua o ritmo. Sem medo de ser julgada, Gaynor disse que não se importa com o “olhar torto” de outras mulheres e garante que tem o apoio de sua família, apesar de alguns de seus crushes serem mais novos do que seus próprios filhos.

‘Eu sou uma mulher mais velha que saiu do convencional. Eu sou uma das mulheres que se relaciona com rapazes mais novos mais produtivas que existe. Não estou me gabando, mas sei que não é para todos e não me arrependo do que faço”, afirma.

Ela diz que não se sente mal por ficar com jovens. “Eu não peço desculpas por isso, porque é uma escolha de estilo de vida e uma escolha com a qual estou muito feliz. Embora eu tenha quase 60 anos, me sinto com 30.”

Apesar da idade avançada, Gaynor conta que seu desejo sexual nunca diminuiu e que atualmente está mantendo um relacionamento com três homens ao mesmo tempo. “Eu não vou perder tempo me preocupando se as pessoas me julgam por fazer um ótimo sexo com um garoto de 25 anos”, fala.

Leia também: “Não vejo nada de errado”, diz mulher que sempre faz sexo no primeiro encontro

‘Homens mais novos são melhores na cama’


undefined
Reprodução/Facebook @gingerbirdevans

Para a escritora, os homens mais novos são mais carinhosos e não esperam cuidados maternais nas relações

Gaynor explica que ela prefere homens mais jovens porque são melhores na cama. “Os homens mais velhos precisam de cuidados, mas os homens mais novos apenas aproveitam a vida e não têm aquela bagagem. Os homens mais velhos também tendem a se relacionar com mulheres mais jovens”, analisa.

Para ela, os mais jovens não querem cuidados maternais, “apesar do que as pessoas pensam”. “Eles fazem você se sentir em contato com o mundo”, garante.

A escritora conta que vivia muito ocupada com o trabalho e acabou se afastando do antigo marido. Foi então que, depois de ter sido casada por duas vezes, se viu solteira
ao final dos 40 anos.

“Eu estava desiludida! Foi um choque, e eu decidi que tinha que mudar a maneira como eu pensava sobre as coisas. Estava apavorada com o fato de ser uma mulher mais velha e solteira. Então lutei para voltar a me sentir confiante e me reinventei.”

Foi então que a inglesa deu a volta por cima. De uma mulher insegura e solitária, passou a se sentir empoderada. “Notei que comecei a me aproximar de caras mais jovens enquanto estava com minhas filhas. Inicialmente eu pensei que eles estavam apenas sendo educados, mas depois percebi que eles estavam interessados em mim”.


Mulher branca, loira, sorrindo
Reprodução/Facebook @gingerbirdevans

Desde que começou a se relacionar com homens mais novos, Gaynor diz que se sente uma mulher mais livre e confiante

Ela conta que tudo foi uma grande surpresa. “Eu não podia acreditar que eles estavam flertando comigo”, afirma a inglesa, que chegou a se relacionar com um rapaz de 23 anos. “Estar íntimo com ele foi uma experiência muito engrandecedora, ele era muito carinhoso. Isso me estimulou bastante.”

Gaynor, que conhece homens usando um aplicativo próprio para mulheres mais velhas que se interessam por garotos mais jovens, insiste que, apesar da diferença de idade de 25 anos com a maioria de seus amantes, estar entre os lençóis é melhor parte para ela.

“Eu nunca tive uma experiência ruim na cama com um homem mais jovem. A química é muito forte porque, como mulher mais velha, me sinto confiante agora. Nunca fui criticada”, diz, se gabando.

Embora pareça superficial, a escritora reforça que não é apenas sobre o sexo o motivo pelo qual ela prefere se relacionar com os novinhos. “É muito além disso. É sobre a conversa e o relacionamento
todo. Sentimentos se envolvem.”

Apesar de considerar os sentimentos de seus amantes, ela fala que não tem apenas um namorado e que isso é ótimo. Ela é adepta da “não-exclusividade” entre os parceiros, porque acredita que não pode esperar isso dos homens, então se aproveita para se envolver com mais de uma pessoa também.

“Conheço pessoas 100% fiéis, mas acho que a inclinação natural de um homem é espalhar sua semente”, diz rindo.

Gaynor escreve para um blog sobre suas investidas amorosas e conta que encontra críticos a todo momento, nos comentários de suas publicações, mas insiste que está feliz por viver sua vida de uma forma única.

“As pessoas são muito pequenas, geralmente são as mulheres que são mais hostis, são invejosas. Todo ano eu me questiono e penso: ‘Estou pronta para mudar’. Mas eu prefiro ter essa liberdade e viver minha vida como eu quero.”

Leia também: Virgem aos 32 anos, mulher conta como espera que seja sua primeira vez

Ela ainda diz que se pudesse estar em um relacionamento sério, não sabe se aceitaria por conta da liberdade que sente hoje. “É algo que eu não acho que eu iria abrir mão tão facilmente. O pensamento de ficar mais velha me assusta, ninguém quer envelhecer, é apenas um fato da vida. Mas minha vida é muito mais alegre e excitante do que já foi, antes de eu me relacionar com homens mais novos
”.

Comentários Facebook

Mulher

Gêmeas mais idênticas do mundo contam os planos de engravidarem do mesmo homem

Publicado

por


source

Anna e Lucy DeCinque, 39 anos, se autodenominam as “gêmeas mais idênticas do mundo”. As irmãs não poupam esforços (nem dinheiro) para ficaram cada vez mais parecidas. Usam as mesmas roupas e fizeram diversas cirurgias plásticas.

gêmeas
Reprodução/Instagram

Gêmeas mais idênticas do mundo compartilham tudo, até o mesmo namorado


Na última quarta-feira, 29, as duas anunciaram ao programa matinal americana “Morning Show” que planejam engravidar ao mesmo tempo do parceiro das duas, Ben Byrne.


As “gêmeas mais idênticas do mundo” Anna e Lucy DeCinque revelaram que planejam engravidar ao mesmo tempo com o namorado em comum.

 “Queremos experimentar a gravidez juntos, queremos tudo na vida juntos, morreremos juntos, envelheceremos juntos”, contou Lucy para o programa matinal, ela também revelou que ela é sua irmã congelaram os óvulos para tentarem engravidar por meio da fertilização in vitro.

Elas disseram que não se importam de ter filhos que não sejam iguais, ambas querem que os filhos “sejam felizes e saudáveis”.

Tudo em dobro

As gêmeas já tiveram namorados diferentes, mas contaram que estão mais felizes agora que ambas namoram Ben. E que, no primeiro encontro das australianas com o namorado, os três se beijaram e que parecia certo.


“No passado, tínhamos namorados separados, mas eles não entendiam nosso vínculo. Ben nos entende e nos aceita como somos, ele nos trata da mesma forma e tem sido igual desde o primeiro dia. Não há ciúmes. Ele recebe o dobro do amor, o dobro da atenção para nunca se queixar”, conta Anna.

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Continue lendo

Mulher

Aprenda a como ter um guarda roupa versátil e com estas 3 peças clássicas!

Publicado

por


source

O guarda roupa é uma das armas mais poderosas de uma mulher, pois lá estão o seu estilo e sua personalidade. Porém muitas brasileiras têm dificuldades em conseguir um closet versátil e funcional, onde as peças combinam entre si. Hoje vamos te mostrar que compeças clássicas e certeiras podemos elaborar inúmeros looks para diversas ocasiões. 

As peças tradicionais são atemporais, ou seja, não saem de moda e trazem um toque sofisticado e podem e devem ser combinadas com as últimas tendências. Conhecer o seu estilo é muito importante para conseguir um guarda roupa onde as peças te representam, sem precisar de milhares de roupas que você nunca usou. 

Hoje o novo luxo é o simples, o slowfashion e peças que possuem responsabilidade social e ambiental, por que a moda vai muito além das roupas. Separamos 3 peças clássicas que podem passar anos e continuam sendo usadas e amadas por muitas. 

Leia também: aprenda a usar o conjunto moletom de maneira estilosa e moderna!

Blazer

Representando o empoderamento feminino, o blazer é a peça fundamental no closet de qualquer estilo. Conferindo um toque de austeridade, perfeito para o trabalho ou para deixar o look casual mais arrumadinho.

O blazer clássico e em cores neutras, são perfeitos para o trabalho e ocasiões mais formais. Já os modelos coloridos e estampados trazem um ar alegre e divertido para a peça, criando um mix entre o clássico e o moderno. 

Leia também: descubra quais as cores indispensáveis do inverno!

Camisa Branca

A camisa branca é a peça básica e clássica mais importante do seu armário, já que ela combina com literalmente tudo além de ser extremamente versátil, podendo se usada no escritório, passeios casuais ou até mesmo como saída de praia. 

Seja combinada com jeans, alfaiataria e até mesmo como sobreposições por vestidos, a camisa branca transforma qualquer visual básico, principalmente aliada a acessórios modernos.

Leia também: o charme e a versatilidade dos tricots nos looks de inverno!

Trench Coat

O item utilitário criado para proteger os soldados do frio e da chuva extrapolou as bases militares e foi repaginado. Mas foi na maision Burberry que ele se tornou uma das peças mais sofisticadas e desejadas do mundo da fashion. 

Hoje existem diversos modelos e estilos do trench coat, seja os clássicos feitos em lã e botões frontais, até os de couro ou sarja com amarração na cintura. Encontre o modelo que mais se enquadra no seu estilo e terá uma peça invernal para esbanjar elegância durante o inverno. 

Ter  peças clássicas  e atemporais no guarda roupa é essencial para combinar com itens modernas, garantindo um closet funcional e cheio de estilo, sem contar que contribui no impacto ambiente, evitando a sobrecarga de peças descartadas na natureza, ajudando a criar um mundo mais sustentável. Gostou da matéria? Deixe a sua opinião nos comentários! 

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana