conecte-se conosco


Tangará da Serra

Movimento ‘Vem Pra Rua’ acontece amanhã em Tangará

Publicado

Foto: reprodução/ilustrativa

Tangará da Serra realizará neste sábado, 9, o manifesto ‘Vem Pra Rua’ em favor da prisão em segunda instância e do ‘pacote anticrimes’ do Ministro da Justiça, Sergio Moro. A ação faz parte de um movimento que acontece simultaneamente em 80 cidades brasileiras.

A saída ocorrerá a partir das 16h em frente ao supermercado Big Master da Avenida Brasil. Depois, os manifestantes seguirão em passeata até à Praça da Bíblia, carregando faixas e cartazes ressaltando a importância da defesa dos temas abordados.

O movimento vai ocorrer mesmo após decisão  do Supremo Tribunal Federal (STF) que derrubou na noite desta quinta-feira, 7, por 6 votos a 5, a possibilidade de prisão de condenados em segunda instância. Na 5ª sessão de julgamento sobre o assunto, a maioria dos ministros entendeu que, segundo a Constituição, ninguém pode ser considerado culpado até o trânsito em julgado (fase em que não cabe mais recurso) e que a execução provisória da pena fere o princípio da presunção de inocência, conforme relatado pelo G1/MT.

Segundo o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), cerca de 5 mil presos podem ser beneficiados pela mudança de entendimento, se não estiverem presos preventivamente por outro motivo. Levantamento do Ministério Público Federal aponta que  a decisão do STF pode beneficiar 38 condenados na Operação Lava Jato.

Para a líder do movimento  ‘Vem Pra Rua ‘ em Tangará da Serra, Leani Ruppel, é importante que toda população participe desse manifesto, principalmente nesse momento. “ (…) é somente com a pressão e participação da população é que acontece alguma mudança em qualquer lugar do mundo, não só no Brasil”, disse  a líder orientando que as pessoas estejam vestidas de camisetas ou roupas verde amarelo. “De nada adianta votar no dia da eleições, colocar os políticos  lá e nós não participarmos mais da política e do que acontece no nosso país. Precisamos estar atentos a tudo o que acontece (…) estamos realmente a beira de um abismo e temos que ter cuidado para não cair nele como aconteceu com a Venezuela”, frisou Leani.

Comentários Facebook

Tangará da Serra

Criança fica triste após sumiço de cachorro e família pede ajuda em Tangará da Serra

Publicado

Um cachorro de 8 anos, da raça vira lata, sumiu há 2 semanas de uma residência na rua Gerânio, bairro Parque do Bosque em Tangará da Serra.

Família faz apelo por notícias do animal . Foto: Arquivo Pessoal

Um dos proprietário é uma menina de 5 anos, que está muito triste a família faz apelo por notícias do animal. “O Bob era um membro da família, estava com a gente desde de bebê. Minha filha, Ana Clara, tem deficiência auditiva e está muito triste. Todos os dias nos pergunta sobre o Bob, ela sente muita falta dele.Nós temos outros dois cachorros e a nossa fêmea, nem come, por saudades do Bob, não sabemos mais o que fazer. Já procuramos por toda parte, mas até agora, não tivemos pistas”, destaca Eliani Quadri.

O cachorro sumiu no dia 22 de março. Segundo a família, ao abrir o portão da casa, ele escapou e correu atrás de umas cadelas que estavam na rua, e desapareceu. Naquela noite, chovia muito e eles acreditam que Bob, tenha perdido a sensibilidade do faro e não encontrou mais o caminho de casa.  Quem tiver informações pode entrar em contato pelos telefones: (65) 9.9617-3835 ou (65)9.9663-8370.

Comentários Facebook
Continue lendo

Tangará da Serra

IPVA de março e abril foram prorrogados para maio e junho em MT

Publicado

A Secretaria de Fazenda (Sefaz) prorrogou as datas de vencimento do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) dos veículos com finais de placa 4, 5, 6 e 7,  já foram alteradas no Sistema IPVA em Mato Grosso.

Com a medida, o IPVA dos veículos com placas finais 4 e 5, com vencimento em 31 de março, foi transferido para o mês de maio. Já o IPVA dos veículos com finais 6 e 7, que teria que ser pago até 30 de abril, foi postergado para o mês de junho.

Os parcelamentos já realizados nos meses anteriores e pendentes de pagamento, incluindo aqueles realizados no âmbito da Procuradoria Geral do Estado (PGE), também foram prorrogados. Dessa forma, as parcelas referente aos meses março e abril serão cobradas em maio e junho, respectivamente, e as demais nos meses subsequentes.

Para imprimir o documento de arrecadação (boletos) com as novas datas de vencimento, o contribuinte precisa acessar o Sistema IPVA , informar o chassi ou renavan do veículo e escolher a forma de pagamento, à vista ou parcelado em até 6 vezes. Nos casos dos parcelamentos já realizados e impressos, será necessário acessar novamente o sistema para fazer a reimpressão dos boletos.

Caso o contribuinte tenha dificuldade ou encontre alguma inconsistência na hora de gerar e imprimir os boletos, a Sefaz orienta que entre em contato pelos canais de atendimento virtuais informando todos os dados necessários como placa do veículo, chassi ou renavan. O contato deve ser feito pelo Sefaz para Você , disponível no site da secretaria, ou pelo e-mail da Agência Fazendária do domicilio tributário do contribuinte (confira a lista).

A prorrogação do vencimento do IPVA é uma das medidas adotas pelo Governo de Mato Grosso em atenção aos cidadãos mato-grossenses e como forma de contribuir neste momento de dificuldade pela qual o Estado, país e mundo passam, por conta da pandemia do coronavírus. A determinação foi publicada no Diário Oficial desta sexta-feira (20), por meio do decreto 415/2020.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana