conecte-se conosco


Tangará da Serra

Motorista de caminhão faz conversão proibida e motociclista fica em estado grave após colisão na Av. Tancredo Neves

Publicado

Um homem ficou em estado grave após acidente na manhã deste sábado (10), por volta das 08h30, na Avenida Tancredo Neves.

Segundo testemunhas, o motorista do caminhão seguia pela avenida sentindo Bairro/Tarumã e ao realizar a conversão nas proximidades da Clínica da Família, não avistou o motociclista que trafegava com destino Bairro/Centro, provocando a colisão lateral entre os veículos. Socorrido pelo Corpo de Bombeiros, a vítima apresentou escoriações, diversas fraturas e suspeita de traumatismo craniano, sendo encaminhado pelo SAMU,em estado grave à Unidade de Pronto Atendimento (UPA), para novos exames e avaliações médicas.


O condutor da carreta, Luciano Felipe Antunes, não se feriu e dispensou atendimento. O local onde ocorreu o acidente não permite a manobra conduzida.

Comentários Facebook
Leia mais:  Sefaz apreende veículo com carga irregular em Tangará da Serra

Saúde

Auditoria em contrato da saúde de Tangará resulta em restituição ao erário e multas

Publicado

Restituição de R$ 11.857,50 aos cofres públicos municipais, aplicação de multas que totalizam 52 UPFs, além de diversas determinações e recomendações à atual gestão. Esse foi o resultado do julgamento, nesta semana, pelo Pleno do Tribunal de Contas de Mato Grosso, da Auditoria de Conformidade (Processo nº 139580/2016) realizada pela Secex de Saúde e Meio Ambiente na Prefeitura de Tangará da Serra.

A auditoria teve por finalidade analisar os atos de gestão da Prefeitura de Tangará da Serra, sob a gestão de Fábio Martins Junqueira, no que diz respeito aos serviços médicos oferecidos à sociedade local. O objeto do trabalho foi a execução financeira do contrato nº 147/ADM/2014 e os pagamentos realizados a médicos plantonistas do Hospital Municipal de Tangará e SAMU, no período de janeiro a junho de 2016. O contrato foi celebrado entre o Município de Tangará e a empresa Sociedade Médica Vida & Saúde com a finalidade de oferecer prestação de serviços médicos hospitalares.

Pelo pagamento de remuneração acima do teto constitucional aos médicos intervencionistas/plantonistas, foi determinada restituição ao erário de R$ 11.857,50, em valores atualizados, pela então chefe do Departamento Pessoal da Prefeitura, Miriam de Oliveira. A data do fato gerador foi estabelecida em 30/6/2016.

Acompanhando o relator do processo, conselheiro interino João Batista Camargo, o Tribunal Pleno decidiu excluir a responsabilidade imputada à Sociedade Médica Vida & Saúde, em razão da reparação do dano por ela realizada. A auditoria apontou superfaturamento nos procedimentos, com prejuízos ao município avaliados em R$ 19.034,04. No entanto, em 19/01/2017, a empresa se antecipou ao julgamento da auditoria e ressarciu os cofres públicos.


 

Leia mais:  Tangará da Serra reuniu associações comerciais em Encontro Regional

 

Fonte:Tribunal de Contas MT

Comentários Facebook
Continue lendo

BemRural

Tangará da Serra ocupa a 7º posição em ranking de municípios com maior PIB de MT

Publicado

Um levantamento divulgado nesta sexta-feira (13) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostra que 41,13% de toda a economia mato-grossense em 2017, foi gerada por Cuiabá, Rondonópolis, Várzea Grande, Sorriso e Sinop.

O PIB de Mato Grosso chegou a R$ 126,8 bilhões, o que corresponde a uma alta de 2,42% na comparação com 2016, que foi de R$ 123,83 bilhões. Segundo o portal Enfoque Business em Tangará da Serra, o PIB apurado foi de R$ 3.014.931.040, representando um crescimento de apenas 1,5% em relação ao PIB do ano anterior, que foi de R$ 2,969 bilhões.

Foto:RS Imagens

O PIB de 2017 de Tangará da Serra está setorizado no Comércio e Serviços (R$ 1,364 bi, sendo este o principal setor da economia local, com 45% de participação), Administração e Setor Público (R$ 558,9 milhões), Indústria (R$ 423,4 mi), Agropecuária (R$ 298,7 mi) e Impostos e Subsídios (R$ 369,3 mi). Abaixo, tabela e gráfico elaborado pelo Enfoque Business desta divisão por setor.

Pela ordem, os 10 municípios com maiores PIBs em 2017 foram:

  • Cuiabá: R$ 23,3 bilhões
  • Rondonópolis: R$ 9,5 bilhões
  • Várzea Grande: R$ 7,8 bilhões
  • Sorriso: R$ 5,7 bilhões
  • Sinop: R$ 5,6 bilhões
  • Lucas do Rio Verde: R$ 3,7 bilhões
  • Primavera do Leste: R$ 3,4 bilhões
  • Tangará da Serra: R$ 3 bilhões
  • Campo Novo do Parecis: R$ 2,9 bilhões
  • Nova Mutum: R$ 2,7 bilhões
Leia mais:  Sefaz apreende veículo com carga irregular em Tangará da Serra

 

 

 

***Com informações G1/EnfoqueBusiness

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana