conecte-se conosco


Nacional

Incêndio no Hospital Badim começou em gerador, afirma polícia

Publicado

source
Pacientes foram atendidos nas ruas e calçadas próximas ao hospital arrow-options
Celso Pupo/Fotoarena/Agência O Globo
Macas foram montadas no meio da rua após incêndio atingir o Hospital Badim, na Tijuca

Policiais civis confirmaram à Rede Globo que imagens do circuito interno levam a crer que o incêndio na noite de quinta-feira (12) no H ospital Badim, no Rio de Janeiro, teria começado no gerador da unidade hospitalar.

Leia também: Incêndio de grandes proporções atinge hospital na Tijuca; uma pessoa morre

O gerador estava no subsolo do Badim quando pegou fogo levando à morte 11 pacientes internados no Centro de Tratamento Intensivo (CTI). Os peritos analisaram o cenário da tragédia até o início da tarde desta sexta-feira (13).

Os peritos, no entanto, voltam ao Badim neste sábado (14) para continuar os trabalhos que vão gerar um relatório técnico sobre causas e consequências do incêndio. Eles esperam a retirada, por um tubo, da água usada para tentar amenizar os efeitos das chamas no subsolo. 

Leia também: Veja quem são os mortos do incêndio no Hospital Badim


A retirada da água teve início às 18h10, conforme informado pela Rede Globo no Rio. 

Fonte: IG Nacional
Comentários Facebook
Leia mais:  Portugal: Partido Socialista, do primeiro-ministro António Costa, vence eleição
publicidade

Nacional

Prédio de sete andares desaba em Fortaleza

Publicado

por

source
prédio que caiu em fortaleza arrow-options
WhatsApp/Divulgação
Prédio desabou pouco antes das 11 da manhã

Um edifício residencial de sete andares desabou pouco antes das 11h da manhã desta terça-feira (15) no bairro de Dionísio Torres, em área nobre da cidade de Fortaleza, no Ceará.

Uma viatura do Corpo de Bombeiros está no local e ainda não tem informações sobre possíveis pessoas soterradas. Moradores da região relataram que ouviram barulho forte na hora em que o edifício caiu.

Leia também: Menino de 12 anos morre ao cair do 9º andar de hotel em Salvador

Vídeos que circulam nas redes sociais mostram policiais e bombeiros tentando isolar a área na qual ocorreu o desabamento. Pessoas que passavam pelo local ficaram feridas por destroços do edifício.

O trânsito foi bloqueado em um trecho da Avenida Antônio Sales, de  grande movimentação na região. A Defesa Civil está na área e isola o local por risco de explosões.


Mais informações em instantes

Fonte: IG Nacional
Comentários Facebook
Leia mais:  Governadores discutem pacto federativo com Bolsonaro para ter socorro financeiro
Continue lendo

Nacional

Militantes do Escola Sem Partido são agredidos após debate na USP

Publicado

por

source
militante do Escola Sem Partido arrow-options
Reprodução/Facebook
Militante foi agredido na saída da USP

Um homem e uma mulher dizem ter sido agredidos após sair de um debate sobre o Escola Sem Partido na faculdade de direito da USP, no Largo São Francisco, em São Paulo, na noite desta segunda-feira (14).  Integrantes do movimento conservador, os dois afirmam ter levado socos e chutes de um grupo de pessoas. 

Leia também: Motorista de aplicativo ‘fura’ sinal, é atingido por ônibus e passageiras morrem

De acordo com a coluna da jornalista Mônica Bergamo, da Folha de S.Paulo , André Almeida e uma mulher que não foi identificada saíram da universidade durante o debate do Escola Sem Partido para ir a uma lanchonete, quando um grupo de 4 ou 5 pessoas começou a agredi-los. 

“Eu estava com a camiseta do movimento que eu faço parte e acredito [Movimento Conservador]. A gente saiu, ela veio fumar, eu queria comer alguma coisa. E fomos emboscados de repente”,  afirma André. “Eram cinco homens batendo nele e mais um homem e uma mulher batendo em mim”, contou a mulher ao jornal. 

Para falar a favor do Escola Sem Partido, estavam presentes Miguel Nagib, criador do projeto, e o deputado estadual Douglas Garcia (PSL-SP). Para falar contra, Gustavo Bambini e Nina Ranieri, ambos professores da USP .

O deputado publicou um relato nas redes sociais e afirma que acompanhou os dois até o hospital após a agressão. “A mulher foi agredida a socos e o homem foi agredido com um objeto contundente em sua cabeça, precisando tomar pontos. Além disso, ele teve a sua roupa rasgada pelos agressores”, relatou. 

Leia mais:  Sob risco de forte chuva, prefeitura do Rio de Janeiro muda protocolode ações

Leia também: Menino de 4 anos morre ao ser esfaqueado 13 vezes pelo padrasto


Douglas Garcia afirmou ainda que a agressão foi cometida por “esquerdistas”. “Até quando grupos homicidas de esquerda contarão com o beneplácito da impunidade?”, questionou. André diz acreditar que um dos suspeitos seja estudante da universidade. “Eu vi aqui. Reconheço ele se eu vir.” No entanto, os agressores ainda não foram identificados. 


Fonte: IG Nacional
Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana