conecte-se conosco

  • banner_Lorenzetti_1250x250

Mato Grosso

Hospital Regional de Rondonópolis retoma as cirurgias ortopédicas

Publicado

Com os médicos trabalhando normalmente, o Hospital Regional de Rondonópolis retoma nesta terça-feira (13.11) as cirurgias ortopédicas de urgência e emergência e também os procedimentos para os pacientes que estão aguardando. Esta e outras medidas foram anunciadas durante reunião na sede da Secretaria de Estado de Saúde (SES), em Cuiabá, entre o secretário Luiz Soares e prefeitos da Região Sul, secretários municipais de saúde e parlamentares.

Na reunião, da qual participou o deputado estadual Dr. Leonardo, foi descartada a intervenção do Estado no hospital, de acordo com proposta apresentada por representantes do Consórcio Regional de Saúde da Região Sul de Mato Grosso. O secretário Luiz Soares ponderou que não há viabilidade jurídica e o que a SES irá fazer é prestar um apoio mais efetivo por meio de uma equipe técnica ao Instituto Gerir, que administra o hospital. “O Estado vai observar mais de perto as ações tomadas no hospital”, disse o secretário.

Conforme ficou definido, nesta terça-feira o secretário adjunto de Gestão Hospitalar, Cassiano Falleiros, já segue para Rondonópolis para trabalhar junto à direção do hospital e na próxima segunda-feira também começa a atuar no regional uma equipe especializada formada por técnicos, incluindo um farmacêutico e um enfermeiro.

“A equipe vai dar apoio, trabalhar para fazer uma análise mais completa da situação, vai observar de maneira mais efetiva as ações para normalizar os atendimentos”, explicou Cassiano, lembrando que existe por parte do Instituto Gerir uma responsabilidade contratual na administração do hospital. “O que o Estado vai promover é um apoio mais efetivo”, complementou Falleiros.

Sobre os repasses ao Hospital Regional de Rondonópolis, a SES já realizou o pagamento de R$ 5.025.480,50 referentes à competência de setembro de 2018 restando ainda um saldo R$ 374.519,40 que está sendo liquidado e o valor referente a outubro que já está sendo programado para pagamento.

Quanto ao abastecimento, Cassiano Falleiros disse que o Gerir já fez a compra de insumos e medicamentos garantindo a continuidade dos trabalhos. “Trabalhamos para que o hospital volte à normalidade, estreitando essa parceira como Gerir, dando sustentabilidade ao hospital para que mantenha as atividades, retomando a totalidade dos serviços”, concluiu.

Também participaram da reunião os prefeitos Claudinei Singolano, de Alto Garças; Arivaldo Medeiros de Santana, de São José do Povo; Nelson Antônio Paim, de Poxoréu (também presidente do Consórcio de Saúde da Região Sul de Mato Grosso); os secretários municipais de Saúde de Jaciara, Fabrício Fabian; Araguainha, Valdivino Rodrigues; Alto Garças, Renata Martins de Oliveira do Carmo; Juscimeira, Nassin Farah; São Pedro da Cipa, Wilson Virgínio de Lima; Campo Verde, Altair de Araújo; Primavera do Leste, Laura Queiroz; o vereador Reginaldo Santos (Rondonópolis) e o deputado estadual eleito Thiago Silva (Rondonópolis).

Comentários Facebook

Cidades

Com ferro em brasa: Jovem marca nas costas nº 22 do partido de Bolsonaro

Publicado

Um jovem morador de Mirassol D’Oeste (204 km de Tangará da Serra) marcou com ferro em brasa o número 22 nas costas para “homenagear” o PL, partido do presidente Jair Bolsonaro.

A atitude do jovem dividiu opiniões nas redes sociais e gerou várias críticas e piadas. Internautas de posicionamento político contra a gestão do atual presidente não economizaram em usar a palavra “gado” e outros sinônimos para reagir na foto do jovem.

Uma delas soltou “o gado já tá marcado”; outro usou “esse não some no meio da boiada”. Na lista de compartilhamentos da imagem há pessoas que moram no mesmo assentamento do jovem, o Roseli Nunes. A maioria delas vão contra a atitude do morador.

Segundo a imprensa local, o adolescente se marcou após um desafio entre amigos. Ele estaria em um leilão, ajudando na marcação dos gados, quando foi desafiado.

Mídia News

Continue lendo

Cidades

Mato Grosso tem a 4ª gasolina mais barata do país

Publicado

Mato Grosso tem o 4° preço mais barato do litro da gasolina no país, com R$ 6,99. Os dados são da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) divulgados nesta terça-feira, 21.

O estado ficou em 16° lugar no ranking comparativo de maiores valores registrados do preço do combustível.

O valor em Mato Grosso está abaixo do preço médio do litro da gasolina no país, que ficou em R$ 7,232 na última semana. Os dados são referentes aos dias 12 a 18 de junho.

O preço médio mais alto foi verificado na Bahia (R$ 8,037). O maior valor cobrado foi encontrado foi no Rio de Janeiro (R$ 8,990). Já o menor foi registrado em um posto de São Paulo (R$ 6,170).

Em Mato Grosso, o preço mínimo registrado foi R$ 6,30 o litro. Como foi feita entre os dias 12 e 18 de junho, a pesquisa da ANP ainda não reflete totalmente o último reajuste anunciado pela Petrobras nas suas refinarias.

G1/MT

Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana