conecte-se conosco


Polícia

Homem investigado por estupro de enteada tem prisão preventiva cumprida em Cuiabá

Publicado


.

Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT

Equipe da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Cuiabá (Dedm) cumpriu nesta quinta-feira (06.08) um mandado de prisão preventiva contra um homem investigado pela unidade policial por estupro de vulnerável praticado contra sua enteada.

A delegada Nubya Beatriz Gomes dos Reis representou pelo pedido de prisão do suspeito, que é professor, após reunir em inquérito policial elementos probatórios que comprovaram o crime praticado reiteradas vezes contra a vítima que era sua enteada.  

De acordo com a investigação, o suspeito praticava abuso contra a vítima desde que ela tinha sete anos, quando ele ainda era conhecido da família. O investigado aproveitava momentos ou criava situações para ficar a sós com a vítima desde que ela era menor de idade e praticar os abusos, inclusive, fazendo a criança se sentir culpada pela situação. Ele a presenteava com roupas, doces e brinquedos para que a vítima ficasse calada. Neste ano, ele voltou a assediar a vítima por várias vezes.

Além da enteada, o suspeito também é investigado pelo estupro praticado contra outra criança da mesma família.

O mandado de prisão foi expedido pelo juiz Jurandir Florêncio de Castilho Jr, da 14ª Vara Criminal de Cuiabá.

Após o cumprimento do mandado, o investigado foi encaminhado à delegacia e posteriormente irá para a unidade prisional do Capão Grande, em Várzea Grande.

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook

Polícia

Novo comandante assume 2º Comando Regional da PM em Várzea Grande

Publicado

por


.

O 2º Comando Regional da Polícia Militar está sob novo comando. A mudança foi oficializada em uma solenidade de passagem de função, na noite desta última quarta – feira (05), no pátio da sede do CR, em Várzea Grande. Coronel Marcos Roberto Sovinski transferiu o cargo de comandante da unidade para o coronel José Nildo Silva de Oliveira.

A troca de comandante do 2º CR ocorreu depois que o coronel Marcos Roberto Sovinski ingressou para a reserva remunerada, o militar comandou por dois anos a PM na cidade industrial e região, e deixou a função após 27 anos de serviços prestados à corporação.

O evento contou com a presença do comandante geral da PM, coronel Jonildo José de Assis, do secretário de estado de segurança pública, Alexandre Bustamante e de algumas autoridades militares e civis, pois a cerimônia foi realizada com um público reduzido, por causa do coronavírus.

O comandante Geral da Polícia Militar presenteou coronel Marcos Sovinski com uma lembrança da instituição e agradeceu ao policial  pelos bons serviços prestados.  Em tom  de despedida da tropa, Sovinski destacou os anos de esforço e total dedicação a Polícia Militar e ressaltou o resultado do trabalho árduo da equipe para reduzir os índices de criminalidade em Várzea Grande e região. 

“No 2º CR promovemos ações importantes de desarticulação do tráfico de drogas e de combate à criminalidade que resultaram em grandes apreensões de entorpecentes e prisões de pessoas de alta periculosidade. O sentimento de dever cumprido prova que valeu a pena a essa etapa que agora termina”, afirmou o coronel.

Ao novo comandante, coronel Assis deu as boas-vindas ao coronel José Nildo Silva de Oliveira e destacou a experiência profissional do militar à frente de outras unidades da PM, como o Batalhão Rotam, Bope, Grupo Especial de Segurança de Fronteira (Gefron) e recentemente o 6º Comando Regional em Cáceres.

“Ao novo comandante quero desejar não sorte, porque sorte é apenas o resultado de preparo e oportunidade. Coronel José Nildo, sabemos da sua competência e confiamos no seu trabalho, ocupar a função de comandante desta importante unidade da PM só comprova a confiança que temos no seu trabalho. Seja muito bem-vindo!”, declarou coronel Assis.

O secretário de estado de segurança pública, Alexandre Bustamante que prestigiou o ato solene falou sobre a importância de ações de segurança integradas e desejo uma boa missão ao novo comandante do CR.

“Coronel José Nildo está mais que preparado para assumir essa nova missão aqui em Várzea Grande deixada pelo competente coronel Marcos Sovinski que agora terá o merecido descanso ao lado de seus familiares. José Nildo que atuou em diferentes frentes da corporação, como unidades especializadas e inclusive na região de fronteira, continuará seu legado agora mais próximo, junto com toda a nossa equipe combatendo a criminalidade”, afirmou Bustamante.

Motivado, coronel José Nildo destaca que o Comando Regional que ficará a seu comando é o segundo maior do estado e fala do privilégio de comandar um policiamento que atende aproximadamente uma população de 400 mil habitantes e de receber a função das mãos do coronel Marcos Sovinski.

“É uma satisfação assumir um Comando Regional de peso como este CR que é o segundo maior da PM. Agradeço ao Comando Geral pela oportunidade. A frente desta unidade pretendo dar continuidade ao excelente trabalho que estava sendo desenvolvido pelo Coronel Sovinski, e pretendo implementar um pouco das atividades de operações especiais que adquiri ao passar pelas unidades especializadas e pelo Gefron. A região de fronteira, entre Mato Grosso e Bolívia, no Pantanal terá uma grande atenção, vamos atuar ainda mais firmes no combate ao tráfico de drogas nesta localidade, vamos trazer para o CR2”, ressaltou o coronel.

O militar José Nildo é oficial da PM no posto de coronel desde setembro de 2019. Agora comandante do CR de Várzea Grande, ele passa a comandar 605 policiais militares, distribuídos em cinco unidades sendo três Batalhões e duas Companhias Independentes que atuam no policiamento preventivo e ostensivo atendendo Várzea Grande e mais seis municípios adjacentes.

O coronel José Nildo é formado em direito, bacharel em Ciências Jurídicas pela Universidade de Cuiabá(Unic) e em políticas de direitos humanos pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT); José Nildo concluiu cursos operacionais especializados de alto nível, como de Operacional de Rotam(COR) da PMMT, o curso de Operações Especiais – COEsp pela Polícia Militar do Distrito Federal; oportunidade em que conquistou o posto de ‘Caveira 03’. O policial passou por capacitações como gerenciador de crises pela Polícia Militar do Estado do Paraná, de segurança diplomática e patrimonial em Salvador, dentre outras experiências profissionais militares.

Todos as pessoas presentes na solenidade promovida em um espaço aberto passaram por um rigoroso procedimento de higienização, como aferição de temperatura, esterilização das mãos com álcool em gel. Os participantes fizeram o uso obrigatório de máscara facial.

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Bope identifica suspeitos com droga e armas de fogo; durante confronto, dupla veio a óbito

Publicado

por


.

Equipes do Bope identificaram na noite desta quarta-feira (05.08), os dois homens que atiraram nos policiais que realizavam ronda, no bairro Altos da Serra, na capital. Devido à represália, a atitude foi revidada e os suspeitos atingidos e vieram a óbito.

Por ser uma região já conhecida pela incidência do tráfico de droga, a equipe patrulhava, quando numa certa rua foi recebida por disparos de armas de fogo. Foi iniciado o procedimento tático com cerco estratégico pelo local e as equipes divididas em duas.

Em uma das ruas, um grupo percebeu uma casa abandonada e quando se aproximava, um dos suspeitos atirou na direção dos militares e no revide, ele atingido.

Em outro ponto, a segunda equipe também foi recebida por disparos de arma de fogo, sendo o homem também atingido.

Com os dois homens foram encontrados um revólver calibre 38 e uma pistola 380. Na vistoria no local, os militares localizaram dois tabletes de maconha.

Foi prestado socorro a ambos e encaminhados à Upa do Planalto, mas constatado a morte pela equipe médica.

Devido à situação terminar em confronto com morte de suspeitos, a Corregedoria da PM irá instaurar um procedimento interno para apurar os fatos.

Via sistema, constou no nome de um dos suspeitos passagens criminais por roubo, sequestro, ameaça e um furto a agência bancaria. Os crimes foram nos anos de 2015, 2018 e 2020 – respectivamente.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana