conecte-se conosco


Mulher

Grávida descobre traição de marido: “Ele ia ver os filhos, mas ficava com a ex”

Publicado

source

Tanya e Michael Holland, de Londres, Inglaterra, estavam juntos há cerca de sete anos antes dele cometer traição e engravidar a ex-esposa. Após o ocorrido, ela fez ele escolher: ficar com ela e os três filhos do casal, de cinco, dois e um ano, e cortar o contato com os outros três filhos que ele tem de outros relacionamento, além do bebê recém-nascido. 

Leia também: Traição tem a ver com amor? Veja o que mulheres que já traíram têm a dizer

grávida chorando arrow-options
shutterstock

Tanya estava esperando o terceiro filho do casal quando descobriu a traição do marido

Em entrevista ao The Sun , Tanya, de 42 anos, conta que a ausência de Michael foi uma questão que dificultou a relação desde a primeira gravidez, mas ela não esperava pela traição . Ela teve depressão pós-parto depois que os dois meninos nasceram. “Eu sabia que estava sofrento, mas era difícil ver Michael saindo tanto. Ele sempre estava com amigos ou visitando os outros filhos.” 

Apesar de sempre encorajar o parceiro a visitar os outros filhos, ela achava que ele passava mais tempo do que costumava com eles. “Eu comecei a ficar com ciúme. Ele sempre foi um bom pai para os filhos, mas eu também queria que ele ficasse em casa com os nosso meninos.” 

“Nós começamos a discutir mais e eu não sabia o que fazer. Comecei a me culpar por afastá-lo de nós, de não ser compreensiva. O nosso segundo filho tinha seis meses quando descobri que estava grávida de novo. Não sabia se ria ou chorava, porque estava muito difícil com dois bebês pequenos e a minha depressão. Eu amo ser mãe, mas não é fácil”, comenta. 

Descoberta da traição 

Ela conta que Michael ficou feliz com a novidade, mas que a chegada de mais um bebê não fez com que ele mudasse suas atitudes. “Durante o meu ultrasson na 12ª semana de gravidez, ele ainda estava visitando os filhos várias vezes na semana. Eu só queria que ele ficasse mais com a gente. Sentia que nunca o via, como iria lidar com uma terceira criança assim?”

Leia mais:  Amamentação prolongada: mãe é criticada por amamentar filha até quase10 anos

Então, Tanya leu em uma revista que a depressão pós-parto podia ser curada se o bebê fosse menina. “Eu olhei esperançosa para o Michael e ele só me disse ‘Você sabe que não vai ser uma menina. Iria ser ótimo, mas é meu sexto filho e vai ser outro menino’”. 

Ela acreditou que a possibilidade de ser outro menino era maior, mas ao fazer o ultrassom aos  cinco meses de gestação soube que é uma menina. “Michael não tinha ido comigo, ele precisava terminar a reforma da casa antes do bebê chegar. Eu estava muito animada. ‘Vamos ter uma menina!’, gritei no telefone.”

Leia também: Ao descobrir traição de uma década atrás, esposa enfrenta dilema

“Quando cheguei em casa, ele me chamou para conversar, estava chorando e muito animado, mas então ele parou de sorrir. ‘Eu tenho uma novidade também. Minha ex está esperando um filho meu. Me desculpe’. Tudo parou e eu não conseguia acreditar”, lembra.

Michael contou que havia dormido com a ex e que ela estava grávida de três meses – ou seja, dois meses de diferença para Tanya. “Eu fui de me sentir extasiada para devastada. ‘O que fez você me contar agora?’, perguntei. E ele me respondeu: ‘Ela contou para uma amiga que disse que te contaria se eu não fizesse isso antes. Não queria que você descobrisse de outra forma”. 

Leia mais:  Como consumir chocolate na Páscoa sem sair da dieta e trazer prejuízos à saúde?

Tanya relata que ele adimitiu que a traição estava acontecendo há alguns meses e que todas as vezes que Michael falou que quando ia ver os filhos, ficava com a ex. “Eu não conseguia ver mais um futuro com ele depois dessa mentira. Eu não sabia o que fazer. Estava grávida e ainda o amava, mas ele havia me traído.”

Tanya dá condição para continuar com Michael

“Eventuralmente, a gente acabou conversando e eu disse que para fazer nossa relação funcionar, ele teria que mudar seus hábitos. Sem desaparecer com os amigos e ignorar ligações, nem visitar mais os três filhos e o novo bebê. Não até que eu estivesse pronta para isso. Eu sabia que estava pedindo muito, mas era o que eu merecia depois do que ele fez e ele concordou”, conta. 


Depois do nascimento da filha do casal, Storm, há um ano, Tanya conta que sentiu a depressão pós-parto “se esvair”. “Eu me sentia meu velho eu e, desde então, Michael está mudado. Ele faz as tarefas em casa e eu sempre sei onde ele está. Ele está se esforçando e eu também.

Leia também: Mulher conta como descobriu traição do marido durante a lua de mel

“A ex dele teve um menino um mês depois que Storm nasceu e Michael ainda não foi conhecê-lo. Ainda não me sinto pronta, apesar de saber que não é culpa do bebê. Ele cometeu traição e mentiu pra mim, transformando o que deveria ser o dia mais feliz de todos, no pior de todos. Mas nós estamos superando isso, não está sendo fácil, mas vamos chegar lá”, finaliza.

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook

Mulher

Como aproveitar fantasia de carnaval do ano passado para o look da folia de 2020

Publicado

por

source

Você já está planejando a sua fantasia de carnaval? Pode até parecer um pouco cedo para pensar nisso, mas os blocos já começaram em muitas cidades do Brasil – o que pode significar que já é hora, sim, de se organizar. Mas em vez de comprar tudo do zero, que tal reutilizar o que você já tem? Além de facilitar a sua vida, já que você não precisa correr atrás de coisas novas, também é uma alternativa para economizar.

Leia também: 8 fantasias de carnaval fáceis para improvisar um look de última hora

bloco de carnaval arrow-options
Fernando Maia/FOTOPRESS

Fantasia de carnaval pode ser econômica e personalizada e ainda utilizar o que foi destaque no ano passado

Ao Delas , a consultora de estilo do Brechó Agora é Meu Danielle Kono afirma que é mais do que possível (e bem fácil) reaproveitar itens daquela fantasia de carnaval que você já tem para montar uma nova. Na realidade, isso é um conceito – não específico do carnaval – chamado “upcycling”, ou reutilização criativa. 

Leia também:  Hora de planejar a folia: 6 dicas para economizar no Carnaval 2020

Segundo ela, os acessórios, como tiaras, brinco e colares, são os itens mais fáceis de reaproveitar. “São peças que você não se desfaz e só usa no carnaval”, comenta. Porém, dá para “inventar moda” com qualquer coisa. Uma das ideias é, por exemplo, cortar itens da fantasia antiga – como flores.  Veja sugestões para reaproveitar a fantasia na galeria abaixo: 

Leia também: 6 ideias de fantasia de carnaval para fazer com o que você tem em casa

Leia mais:  Saiba como montar um quarto montessoriano e incentivar o aprendizado da criança

“O ‘upcycling’ é um jeito de você fazer isso sem gastar nada. Abuse de ideias criativas, pegue a tiara que usou no carnaval passado e acrescente algo como uma flor de tecido, pegue uma regata e aplique lantejoulas coloridas, um shorts jeans e cole um ‘patch’ bem colorido… O importante sempre é que sua roupa seja confortável e leve”, diz. 


Ou seja, você pode colar brilhos, paetês, lantejoulas ou qualquer outra decoração fácil em roupas que você já tem, recortar formas em papel EVA e até mesmo misturar roupas coloridas com biquínis. Brilho na maquiagem, muita purpurina e batom colorido também ajudam a dar um “up” no visual. 

Leia também: Carnaval: ideias de roupas e fantasias confortáveis para os blocos de rua

Segundo ela, é possível fazer isso mesmo que você não tenha nada de fantasia de carnaval no guarda-roupa. “Carnaval é democrático e nessa época você pode usar o que quiser. Use a abuse do brilho (paetês, lantejoulas, lurex), das cores (misture o vermelho com o pink, o amarelo com o laranja, o roxo com azul) – combinações inusitadas, porém complementares, que não estão no seu dia a dia”, finaliza. 

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
Continue lendo

Mulher

São Paulo é de Aquário e faz jus a todas as características do seu signo

Publicado

por

source

São Paulo completa 466 anos neste sábado (25), mas você sabe o que isso significa? Astrologicamente falando, quer dizer que a “terra da garoa” é de Aquário, claro! O signo da cidade – que também aparece em outros áreas nesse mapa astral – é bastante representativo, como explica Brendan Orin, astrólogo do Astrocentro, ao Delas

Leia também: Sol em Aquário é período favorável para romper velhos hábitos e se renovar

Avenida Paulista, em São Paulo arrow-options
shutterstock

São Paulo é do signo de Aquário e tem influência do número 5, o que a torna uma cidade cheia de diversidade e versatilidade

O astrólogo diz que não existem registros exatos da hora da fundação da cidade e, por isso, não é possível ter um mapa com todas as características, mas pela data dois aspectos são muito importantes: o Sol em Aquário e a Vênus em Capricórnio. 

“Quando prestamos atenção ao signo de Aquário, aquele que representa pessoas altruístas, autênticas e sedentas por liberdade, percebemos a grande semelhança com ‘Sampa’. Aquário, também é aquele que é diferente e original. Signo de grandes discussões filosóficas, do avanço científico, da solução dos problemas através do raciocínio e do intelecto”, comenta Brendan. 

Além disso, o “mapa astral” de São Paulo mostra não apenas o Sol, mas também Mercúrio e Marte em Aquário, o reforça essa questão da diversidade. “Isso significa que pessoas de todas as culturas podem se sentir ‘em casa’ quando estão em São Paulo, uma cidade repleta de pluralidade e que abraça todas as diferenças.”

Leia mais:  Esposa larga emprego para servir o marido: “Homens precisam ser mimados”

Já Vênus é o planeta que fala como alguém estabelece suas relações. “Estando em Capricórnio, é notável que a cidade gire em torno do trabalho e do crescimento financeiro. Além disso, as relações podem ser baseadas em interesses mútuos e os sentimentos tratados com certa distância e frieza”, completa.

Leia também: Horóscopo Chinês: o que traz o ano do Rato de Metal para amor, saúde e finanças

São Paulo na numerologia: uma cidade sociável e versátil

São Paulo foi fundada em 25 de janeiro de 1554, data que tem a influência do número 5. “O 5 é resultado da soma de 2 (que fala sobre sociedades, relações, do trato com o outro) e 3 (comunicação, velocidade de pensamento, curiosidade, o desejo de estar sempre na moda), reforçando o ar de sensualidade que paira por aqui”, diz o especialista. 

Pela numerologia, isso também significa que a cidade tem uma energia de liberdade, vida noturna e agitação. Além disso, viagens são favorecidas por esse número, o que torna a cidade muito atraente para os turistas, mas faz com que as pessoas se interessem em conhecer novos lugares. 

“São Paulo tem essa energia festiva, mas também atrai romances curtos e relacionamentos efêmeros, além de uma inquietação interior, que pode gerar um desejo inexplicável por mudanças (seja de casa, cidade, profissão, par romântico, área, enfim). O 5 é um número que atrai a versatilidade e um notável bom-humor, com gosto pelas artes e diversões noturnas de todos os tipos.”

Leia mais:  Como consumir chocolate na Páscoa sem sair da dieta e trazer prejuízos à saúde?

Leia também: Previsões para 2020: como será o próximo ano para cada signo do zodíaco?

O astrólogo explica que a análise do nome “São Paulo” também mostra questões interessantes sobre a cidade:


Alma:  a soma das vogais leva ao número 8, que prenuncia grandes feitos em negócios, capacidade administrativa e um desejo incessante de crescimento material e ascensão profissional. Infelizmente, também fala de defeitos como impaciência, injustiça e desigualdade.

Expressão: As pessoas de fora enxergam a cidade de São Paulo como um polo de originalidade, inovação, pioneirismo e empreendedorismo. Isso tudo se dá pela energia do número 1, através da soma das consoantes. A cidade também pode causar uma impressão de ser intolerante e grosseira, mas tem a ver com uma energia de pressa e impaciência.

Eu interior: Toda essa questão de trabalho, foco no mundo material e ambição escondem um fato importante: existe muito amor em SP. A soma de todas as letras leva ao número 9, que reflete generosidade, apoio para todas as pessoas, aceitação, carinho e arte. 

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana