conecte-se conosco

  • banner_Lorenzetti_1250x250

Mato Grosso

Governo de Mato Grosso é premiado em três categorias do maior evento de compras públicas do Brasil

Publicado


O Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), foi premiado em três categorias do “Prêmio 19 de Março”, durante o 17º Congresso Brasileiro de Pregoeiros, o maior evento de compras públicas no país.

Na edição deste ano, em Foz do Iguaçu, no Paraná, a Sesp venceu em três categorias: Pregoeiro com maior número de pregões/lotes realizados em 2021; Pregoeiro com maior número de pregões/lotes realizados sem interposição de recursos; e Negociação Maior vantagem econômica (ou economia) entre o menor lance e a adjudicação. 

A equipe atual da Secretaria já acumula 11 prêmios ou “martelinhos de ouro” (como o troféu é chamado), foram cinco deles para a pregoeira Celiane Faria Borges Domingues, três da pregoeira Mariele Laura Quevedo Gomes Ferreira e três da Cássia Marques Souza da Matta, sendo esta última a vitoriosa na noite desta terça-feira (29.03). 

Para a superintendente de Aquisições e Contratos da Sesp, Nadya, essa premiação encerra um ano desafiador, que foi 2021, em que a secretaria teve um volume de recursos jamais visto e, com isso, precisou licitar o dobro do que foi licitado em anos anteriores. “Isso mostra que estamos no caminho certo, fizemos um trabalho bem feito e isso gerou frutos, já que a Sesp é considerada referência na área de licitações e requisições no âmbito do Estado e do Brasil”. 

Cássia Motta, que é servidora efetiva e atua como pregoeira oficial desde 2015, disse que não pode estar presencialmente no evento este ano, mas se sente realizada com o resultado. “É importante destacar que é o reconhecimento do trabalho realizado por toda a equipe de aquisições da Sesp, sempre em busca da maior eficiência nas aquisições públicas para melhor atender às necessidades da sociedade, com mais qualidade e economia na utilização dos recursos públicos”. 

Sobre o evento

A premiação ocorreu no 17° Congresso Brasileiro de Pregoeiros, que está sendo realizado nesta semana, entre o dia 29 de março e 1º de abril, em Foz do Iguaçu, no Paraná, e reúne cerca de 4 mil participantes da área de licitações de todo o Brasil. 

Ao todo, foram cinco categorias e 16 subcategorias para premiar tanto os pregoeiros quanto os órgãos públicos e os profissionais que buscam dinamizar o fenômeno das compras governamentais. A proposta é destacar a função do pregoeiro e sua responsabilidade diária em atender as necessidades do cidadão. 

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook

Cidades

Com ferro em brasa: Jovem marca nas costas nº 22 do partido de Bolsonaro

Publicado

Um jovem morador de Mirassol D’Oeste (204 km de Tangará da Serra) marcou com ferro em brasa o número 22 nas costas para “homenagear” o PL, partido do presidente Jair Bolsonaro.

A atitude do jovem dividiu opiniões nas redes sociais e gerou várias críticas e piadas. Internautas de posicionamento político contra a gestão do atual presidente não economizaram em usar a palavra “gado” e outros sinônimos para reagir na foto do jovem.

Uma delas soltou “o gado já tá marcado”; outro usou “esse não some no meio da boiada”. Na lista de compartilhamentos da imagem há pessoas que moram no mesmo assentamento do jovem, o Roseli Nunes. A maioria delas vão contra a atitude do morador.

Segundo a imprensa local, o adolescente se marcou após um desafio entre amigos. Ele estaria em um leilão, ajudando na marcação dos gados, quando foi desafiado.

Mídia News

Continue lendo

Cidades

Mato Grosso tem a 4ª gasolina mais barata do país

Publicado

Mato Grosso tem o 4° preço mais barato do litro da gasolina no país, com R$ 6,99. Os dados são da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) divulgados nesta terça-feira, 21.

O estado ficou em 16° lugar no ranking comparativo de maiores valores registrados do preço do combustível.

O valor em Mato Grosso está abaixo do preço médio do litro da gasolina no país, que ficou em R$ 7,232 na última semana. Os dados são referentes aos dias 12 a 18 de junho.

O preço médio mais alto foi verificado na Bahia (R$ 8,037). O maior valor cobrado foi encontrado foi no Rio de Janeiro (R$ 8,990). Já o menor foi registrado em um posto de São Paulo (R$ 6,170).

Em Mato Grosso, o preço mínimo registrado foi R$ 6,30 o litro. Como foi feita entre os dias 12 e 18 de junho, a pesquisa da ANP ainda não reflete totalmente o último reajuste anunciado pela Petrobras nas suas refinarias.

G1/MT

Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana