conecte-se conosco


Entretenimento

Globo desclassifica lutador do “BBB 19” e participante não será substituído

Publicado

A Rede Globo , em nota enviada a imprensa, anunciou a desclassificação do participante Fábio, atleta de MMA do Rio Grande do Sul, de 27 anos do “Big Brother Brasil”. Segundo comunicado, a emissora “tomou conhecimento de fatos relacionados ao participante, avaliados como inadequados ao perfil dos competidores conforme o regulamento do programa” – anunciado também que o participante não será substituído. Sendo assim, o “BBB 19” estreia no próximo dia 15, terça-feira, com 17 canditados, após “O Sétimo Guardião”. 

Leia também: Segunda leva do “BBB 19” tem engenheira agrônoma e lutador que curte semi-nudes


Fábio, participante do
Reprodução/GShow

Fábio, participante do “BBB 19” desclassificado

Leia também: Motorista e youtuber! Um ano depois, como estão os participantes do “BBB 18”

Comentários Facebook
Leia mais:  Falência cardíaca e insuficiência respiratória motivaram morte de Stan Lee
publicidade

Entretenimento

Acusado de estupro, Chris Brown é liberado e responderá processo em liberdade

Publicado

por

O rapper americano Chris Brown, ex-namorado da cantora Rihanna, foi libertado nesta terça-feira (22) pela Justiça francesa, um dia após ter sido preso em Paris devido a uma acusação de estupro.  Um amigo e um segurança de Brown que são suspeitos do mesmo crime também foram soltos. Todos eles poderão deixar a França durante as investigações.

Leia também: Chris Brown é preso em Paris após ser acusado de estupro


Chris Brown é solto na França após acusação de estupro
Reprodução/Instragram

Chris Brown é solto na França após acusação de estupro

Leia também: “Foi brutal e violento”, diz suposta vítima de Chris Brown; cantor nega acusação

O suposto abuso sexual envolvendo Chris Brown teria ocorrido na noite de 15 de janeiro, em um quarto de hotel em Paris, na França, onde uma jovem de 24 anos convidada pelo rapper teria sido violentada.

Relato sobre suposto estupro envolvendo Chris Brown

A jovem que acusou o artista de estupro deu mais detalhes sobre a noite em que teria diso violentada pelo cantor, seu amigo e segurança para a revista francesa  Closer . A entrevista traz alguns trechos da mulher idenficada como Karima, que retrata que o cantor a arrastou para um armário do hotel, a atacou brutalmente e violentamente por meia hora. 

De acordo com a publicação, a mulher contou que estava na suíte do hotel Mandarin Oriental Hotel, em Paris, no dia 16 de janeiro, com outros amigos e mais 15 meninas, usando maconha e cocaína, quando o artista agarrou seu braço enquanto ela ia ao banheiro e a fez entrar em uma espécie de closet. “Ele fechou a porta…durou de 25 a 30 minutos”, completando dizendo que ainda é difícil explicar em detalhes o que aconteceu. 

Leia mais:  Gracyanne Barbosa mostra “bumbum na nuca” em nova foto na web

Mulher que acusa o cantor Chris Brown de estupro fala comportamento agressivo do artista, revelando também que foi violentada por um amigo e segurança
Reprodução/Instagram

Mulher que acusa o cantor Chris Brown de estupro fala comportamento agressivo do artista, revelando também que foi violentada por um amigo e segurança

“Ainda é muito difícil explicar em detalhes o que ele fez comigo. Mas foi brutal e violento. Ele era agressivo e me ameaçava. Eu estava com muito medo. Após o estupro, a mulher disse que gostaria de ter seu celular de volta e ir embora.

No entato, segundo o relato, um dos amigos de Chris apareceu e ela pensou que ele estava ali para levá-la para caso, mas, o rapaz a levou para um quarto, tranvou a porta e a abusou sexualmente. O guarda-costa do cantor também foi citado e Karima também o acusa de estupro. 

“Tudo que eu queria era ir para casa. Eu estava com tanto medo”, disse Karima. “Eles eram três homens fortes, agressivos e ameaçadores. Não havia nada que eu pudesse fazer”, completa. 

A mulher disse que coseguiu explicar para o astro aos prantos que precisava ir embora porque tinha aula no dia seguinte. O cantor devolveu seu celular e logo após ela foi embora e fez a denúncia alguns dias depois do acontecimento. 

“Eu não queria que eles fizessem a mesma coisa com outras garotas”, explicou. “Chris Brown é o tipo de pessoa que acha que eles estão acima da lei, mas não. Eu vou até o final. Ser abusada três vezes na mesma noite por três homens diferentes. É insuportável viver”, completou a mulher.

Leia mais:  Bruno Gissoni se derrete por foto de Yanna Lavigne de biquíni

Leia também: Chris Brown dá detalhes de agressão à Rihanna: “Ela me batia, eu batia nela”

Através do perfil oficial do Instagram, a equipe de  Chris Brown  compartilhou a mensagem se defendendo das acusações: “Quero deixar bem claro que isso é falso e um monte de m*rda. Nunca! Isso é muito desrespeitoso à minha filha e família, e vai contra meu caráter e minha moral”. 

* Texto com informações agência ANSA

Comentários Facebook
Continue lendo

Entretenimento

“Foi brutal e violento”, diz suposta vítima de Chris Brown; cantor nega acusação

Publicado

por

A jovem que acusou Chris Brown de estupro deu mais detalhes sobre a noite em que teria diso violentada pelo cantor, seu amigo e segurança para a revista francesa Closer . A entrevista traz alguns trechos da mulher idenficada como Karima, que retrata que o cantor a arrastou para um armário do hotel, a atacou brutalmente e violentamente por meia hora. Chris foi preso nesta terça-feira (22) pela polícia francesa em Paris, na França, e está detido até o momento. 

Leia também: Chris Brown é preso em Paris após ser acusado de estupro


Mulher que acusa o cantor Chris Brown de estupro fala comportamento agressivo do artista, revelando também que foi violentada por um amigo e segurança
Reprodução/Instagram

Mulher que acusa o cantor Chris Brown de estupro fala comportamento agressivo do artista, revelando também que foi violentada por um amigo e segurança


De acordo com a publicação, a mulher contou que estava na suíte de Chris Brown no Mandarin Oriental Hotel, em Paris, no dia 16 de janeiro, com outros amigos e mais 15 meninas, usando maconha e cocaína, quando o artista agarrou seu braço enquanto ela ia ao banheiro e a fez entrar em uma espécie de closet. “Ele fechou a porta…durou de 25 a 30 minutos”, completando dizendo que ainda é difícil explicar em detalhes o que aconteceu. 

“Ainda é muito difícil explicar em detalhes o que ele fez comigo. Mas foi brutal e violento. Ele era agressivo e me ameaçava. Eu estava com muito medo. Após o estupro, a mulher disse que gostaria de ter seu celular de volta e ir embora. No entato, segundo o relato, um dos amigos de Chris apareceu e ela pensou que ele estava ali para levá-la para caso, mas, o rapaz a levou para um quarto, tranvou a porta e a abusou sexualmente. O guarda-costa do cantor também foi citado e Karima também o acusa de estupro. 

Leia mais:  Anitta se alia a Netflix por projeção global e se deixa observar em depressão

Leia também: Chris Brown dá detalhes de agressão à Rihanna: “Ela me batia, eu batia nela”

“Tudo que eu queria era ir para casa. Eu estava com tanto medo”, disse Karima. “Eles eram três homens fortes, agressivos e ameaçadores. Não havia nada que eu pudesse fazer”, completa. 

A mulher disse que coseguiu explicar para o astro aos prantos que precisava ir embora porque tinha aula no dia seguinte. O cantor devolveu seu celular e logo após ela foi embora e fez a denúncia alguns dias depois do acontecimento. 

“Eu não queria que eles fizessem a mesma coisa com outras garotas”, explicou. “Chris Brown é o tipo de pessoa que acha que eles estão acima da lei, mas não. Eu vou até o final. Ser abusada três vezes na mesma noite por três homens diferentes. É insuportável viver”, completou a mulher. 

Chris Brown nega caso de estupro

Detino nesta terça-feira (22) em Paris, na França, após ser acusado de estupro, uma fonte próxima ao astro disse ao TMZ que Chris não estava sozinho com a mulher, sua namorada, Ammika Harris, também estava presente entre as mais de 20 pessoas que estavam com o cantor enquanto ele tocava música. 

Leia também: Chris Brown é processado por facilitar prática de abuso sexual em sua casa

Através do perfil oficial do Instagram, a equipe de Chris Brown compartilhou a mensagem se defendendo das acusações: “Quero deixar bem claro que isso é falso e um monte de m*rda. Nunca! Isso é muito desrespeitoso à minha filha e família, e vai contra meu caráter e minha moral”. 

Leia mais:  Bruno Gissoni se derrete por foto de Yanna Lavigne de biquíni

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana