conecte-se conosco


Política Nacional

“Frases de efeito não vão resolver o nosso problema”, diz Maia

Publicado

source
Rodrigo Maia arrow-options
Luis Macedo/Câmara dos Deputados

Rodrigo Maia defendeu medidas que protejam população mais vulnerável contra o coronavírus

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia , criticou nesta quarta-feira (25) a decisão do governo federal de criar um “isolamento vertical” para que apenas idosos e jovens doentes fiquem em isolamento por conta da crise do novo coronavírus . “Como a gente pode falar em isolamento vertical se o governo nunca apresentou nenhuma proposta para proteger os idosos? A gente não viu política para isolar idosos até agora. Frases de efeito não vão resolver o nosso problema”, disse.

Para Maia, o Planalto precisa criar medidas “sérias” para proteger pessoas que fazem parte dos grupos mais vulneráveis. “Você não pode tirar uma pessoa de casa para trabalhar e depois colocar ela de volta em um ambiente de 30 ou 40 metros quadrados”, afirmou o presidente da Câmara . “Pedir liberação vertical sem fazer uma operação de guerra para proteger o idoso me parece uma decisão focada em algo que não está sendo bem desenvolvido”, completou.

Leia também: “Temos que melhorar esse negócio de quarentena. Foi precipitado”, diz Mandetta

Questionado sobre as recentes declarações do presidente Jair Bolsonaro , Maia disse que o Executivo tem “falhado”, mas acredita que a área técnica do governo federal tem tido bom desempenho no combate ao novo coronavírus. “Nesse sentido a gente tem seguido as recomendações da decretação do estado de calamidade pública e as recomendações do Ministério da Saúde. Eu só espero que o presidente não tenha assinado o decreto para nada”, disse Maia.

“Equilibrar vidas e empregos”

Maia também comentou o pedido para que o isolamento social fosse cancelado e disse que isso ocorre por conta de uma “pressão” da Bolsa que ocorre há quatro ou cinco dias.

“A gente não pode ouvir investidores que estão perdendo dinheiro. Eles são assim, eles vivem de estatísticas e todos nós que fazemos política vivemos das vidas. E é isso que temos que saber equilibrar. As vidas e os empregos. Estamos aqui para ajudar”, afirmou.

Fonte: IG Política
Comentários Facebook

Política Nacional

Votação para comitê de combate ao tráfico de pessoas está aberta

Publicado

por

source

Agência Brasil

Tráfico de pessoas arrow-options
MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL

O resultado preliminar está previsto para o dia 17 de abril.

Está aberta até 15 de abril a votação para escolha das entidades que devem compor o Comitê Nacional de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas (Conatrap), colegiado ligado ao Ministério da Justiça e Segurança Pública.

Leia também: Mandetta diz ao povo que fica. Será que a crise política foi mesmo resolvida?

Qualquer pessoa maior de 16 anos pode votar em até três organizações da sociedade civil ou conselhos de políticas públicas para compor o Conatrap . Basta acessar o portal da eleição e fazer um cadastro.

O resultado preliminar das eleições virtuais está previsto para 17 de abril . Em seguida, será aberto período para recursos. Segundo o Ministério da Justiça , a previsão é de que a indicação dos representantes titulares e suplentes ocorra entre 7 e 15 de maio .

Cabe ao Conatrap desenvolver pesquisas e campanhas a respeito do tráfico de pessoas no Brasil , bem como propor estratégias de enfrentamento e políticas públicas sobre o assunto.

Fonte: IG Política
Comentários Facebook
Continue lendo

Política Nacional

Alcolumbre diz que Bolsonaro acelera em direção a muro e não freia

Publicado

por

source
Jair Bolsonaro e Davi Alcolumbre arrow-options
Marcos Corrêa/PR

Jair Bolsonaro e Davi Alcolumbre

O presidente do Senado Federal e do Congresso Nacional, Davi Alcolumbre (DEM-AP) afirmou, nesta segunda-feira (6) em conversa reservada com aliados, que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) age como se fosse um motorista de caminhão em alta velocidade na direção de um muro que, mesmo alertado de que bateria, não freia .

Leia também: Coronavírus no Brasil: acompanhe a situação no País em tempo real

A fala de Alcolumbre se refere aos conflitos de Bolsonaro com o ministro da Saúde , Luiz Henrique Mandetta (DEM) e foi divulgada nesta terça (7) pela coluna Painel, da Folha de S. Paulo .

Na tarde desta segunda (6), diversos jornais divulgaram que o presidente estava analisando demitir o ministro na própria segunda. Bolsonaro chegou a conversar com possíveis opções para substituir Mandetta. Mas devido à reação da população e de políticos contra a saída do ministro, Bolsonaro voltou atrás e manteve o democrata em seu cargo.

Leia também: De gripezinha a “não é tudo isso”: vezes em que Bolsonaro minimizou coronavírus

A ação de Bolsonaro, de ameaçar demitir ministros e depois desistir, no entanto, foi encarada por atores políticos, como Alcolumbre , como desgastante e passou a imagem de fraqueza do presidente, segundo a coluna.

Fonte: IG Política
Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana