conecte-se conosco



Carros e Motos

Ford Ka FreeStyle tem visual próximo de um SUV compacto

Publicado


Ford Ka FreeStyle 2019  tem bom vão livre do solo e detalhes como grade frontal exclusiva e rodas cinza grafite
Divulgação

Ford Ka FreeStyle 2019 tem bom vão livre do solo e detalhes como grade frontal exclusiva e rodas cinza grafite

Com apelo aventureiro, o Novo Ford Ka FreeStyle chama a atenção pelo novo conceito de design próximo de um utilitário esportivo compacto. E isso pode ser notado não apenas pela aparência, mas também pelo aspecto funcional, uma vez que a suspensão do carro é reforçada e garante maior vão livre do solo na comparação com as demais versões.

LEIA MAIS: O que faz um bom motor? O Ford Ka Freestyle tem a resposta

 Logo de cara também percebe-se que o desenho do Novo Ford Ka FreeStyle  está alinhado com o DNA global da marca por detalhes como a frente com grade em formato de colmeia pintada de cinza perolizado, bem como os faróis com lentes escurecidas e moldura cromada.  Entre outros itens que se destacam está o para-choque que traz um elemento gráfico em formato de C nas laterais, com os faróis de neblina do tipo canhão integrados.

 Ainda para compor o visual que lembra o que de um  SUV compacto , o carro vem com uma moldura preta em torno da carroceria que realça sua posição mais elevada, facilitando superar obstáculos urbanos, como valetas de lombadas.

Outros dois detalhes importantes ao observar o Novo Ford Ka FreeStyle por fora é que os retrovisores trazem piscas integrados e rack de teto com design aerodinâmico, que suporta até 50 kg para transportar equipamentos. Para completar, as rodas de liga-leve têm aro 15 e pintura cinza perolizada.

Leia mais:  Dupla Polo e Virtus recupera imagemda VW e projeta busca pela liderança

LEIA MAIS: Ford Ka Freestyle traz modernidade e sofisticação aos compactos

 No interior, o Novo Ford Ka FreeStyle agrada pela combinação exclusiva de cores, que incluem itens como teto preto e marrom escuro aplicado no painel, moldura do console e frisos das portas.  Bom também é que os bancos são revestidos de couro e tecido, com duas faixas em tom mais claro no centro e pespontos do mesmo tom.

 A central multimídia do novo modelo da Ford vem com tela de 6,5 polegadas e acabamento em preto perolizado que não deixa marcas das mãos. O console que incorpora duas entradas USB iluminadas de carregamento rápido e bandeja para celular.

 Mais detalhes do Novo Ford Ka FreeStyle 


No interior caprichado do Ford Ka FreeStyle 2019 estão itens como partida por botão e volante multufuncional
Divulgação

No interior caprichado do Ford Ka FreeStyle 2019 estão itens como partida por botão e volante multufuncional

 Da lista de equipamentos de série do Novo Ford Ka FreeStyle, vale a pena explicar algumas das principais funcionalidades que o cliente terá no dia a dia. Um exemplo fica por conta do rack de teto funcional, que por poder levar até 50 kg de peso garante mais flexibilidade para você aproveitar melhor o espaço interno do carro, já que torna possível levar prancha para uma viagem para praia ou bicicleta para enfrentar uma trilha.

 No caso da maior distância do solo, ganha-se em conforto pela maior suavidade oferecida para absorver as imperfeições do piso mal conservado da maioria das vias no Brasil. Com isso, você pode viajar despreocupado, também, em passar por ruas de paralelepípedo, entre outros tipos de pisos irregulares.

Leia mais:  Ford Ka FreeStyle traz design de uma versão aventureira

LEIA MAIS: Ford Ka Freestyle com câmbio automático parte de R$ 67.990

 Com a reestilização do Ford Ka FreeStyle da linha 2019, o carro ficou com desenho mais atual. Isso significa que você passa a ter um carro mais moderno. Por dentro, o acabamento ficou ainda mais caprichado, com um nível de qualidade que você não esperaria encontrar em um modelo compacto, o que sempre causa boa impressão.


No Ford Ka FreeStyle 2019 a central multimídia Sync 3, com tela sensível do toque, é um dos destaques do carro
Divulgação

No Ford Ka FreeStyle 2019 a central multimídia Sync 3, com tela sensível do toque, é um dos destaques do carro

 Por meio do novo sistema multimídia SYNC 3, que funciona com Apple Car Play e Android Auto, tudo que você tem no seu celular agora fica disponível na tela do painel do carro. Assim, é possível acessar e controlar todos os seus aplicativos sem nem precisar encostar no seu celular, o que é uma grande vantagem e contribui com sua segurança ao dirigir.

 Bastante usado no dia a dia para facilitar a vida de quem precisa encarar o trânsito caótico das grandes cidades no Brasil, o aplicativo Waze também pode ser usado com ajuda do AppLink exclusivo da Ford, tanto no Android, quanto o iOS. Ou seja, é mais praticidade para você chegar em qualquer lugar com seu Novo  Ford Ka FreeStyle .

Comentários Facebook
publicidade

Carros e Motos

Jaguar E-Pace ganha duas versões equipadas com motor flex no Brasil

Publicado

por


Jaguar E-Pace com motor flex promete mais conveniência e durabilidade com a gasolina impura do Brasil
Divulgação

Jaguar E-Pace com motor flex promete mais conveniência e durabilidade com a gasolina impura do Brasil

Após Land Rover Discovery Sport e Range Rover Evoque, agora o Jaguar E-Pace adota a motorização flex como opção. Com base nos seus “primos”, o SUV britânico teve o motor 2.0 turbo, da família Ingenium, calibrado para rodar com gasolina ou etanol em qualquer proporção. Entretanto, diferente dos dois primeiros modelos, o E-Pace continua sendo importado. Com isso, posiciona-se logo abaixo da versão P300, com 300 cv. Chamado de P250, está disponível nas versões Base, por R$ 233.800, e R-Dynamic S, de R$ 251.300, sem considerar opcionais ou personalização de cores.

LEIA MAIS: Jaguar E-Pace 2.0: utilitário para quem curte acelerar

Um detalhe que vale ressaltar está em sua ficha técnica. Sem alteração de quando utilizava apenas gasolina, o Jaguar E-Pace flex rende 249 cv e 37,2 kgfm — ante 240 cv e 34,6 kgfm dos seus “primos” Evoque e Land Rover Discovery Sport . O câmbio é sempre automático de nove marchas com tração integral inteligente. Segundo a Jaguar, com este motor o SUV chega aos 100 km/h em 7 segundos. Outra novidade é o fim da variante P200, com o motor 2.0 turbo com 200 cv.

LEIA MAIS: Jaguar I-Pace SVR bate recorde e vai de 0 a 100 km/h em mero 1,8 segundo

Leia mais:  Ford Galaxie Caltabiano: o requinte de um exemplar único

Com detalhes que lembram de propósito o cupê F-Type, o novo SUV E-Pace mede 4,40 metros de comprimento por 1,60 m de altura e 1,85 de largura. Com entre-eixos de 2,68 m, o carro leva cinco ocupantes sem aperto e suas bagagens no espaçoso porta-malas de 484 litros. Na lista de equipamentos estão incluídos itens como câmera de ré, monitor de fadiga, sensores nos para-choques, bancos dianteiros com ajustes elétricos e rodas de aro 19, na versão mais em conta. Em seguida, na R-Dynamic, os retrovisores têm rebatimento automático, o revestimento do couro é granulado, o GPS é mais complete e as rodas de aro 20.

LEIA MAIS: Jaguar revela o SUV elétrico I-Pace, e põe o Tesla Model X para correr, em vídeo

Mais equipamentos do Jaguar E-Pace


Jaguar E-Pace traz central multimídia sensível ao toque que garante conectividade com smartphones
Divulgação

Jaguar E-Pace traz central multimídia sensível ao toque que garante conectividade com smartphones

É equipado com sistema multimídia, de 10 polegadas, sensível ao toque, e que pode se conectar com vários aplicativos, inclusive Spotify. Além disso, há até quatro pontos de carga de 12 Volts e cinco saídas USB. Outro atrativo é o som de alta-fidelidade, com 15 alto-falantes e 825 watts de potência na versão topo de linha, bem como o cluster de TFT em todas as versões, o que ajuda no aspecto sofisticado do carro e permite configurar os mostradores de acordo com o gosto do freguês.

Leia mais:  Saiba quais são oscarros que menos perdem valor depois de um ano

LEIA MAIS: Grupo Land Rover vai eletrificar a linha Jaguar a partir de 2022

E no topo de linha do Jaguar E-Pace há piloto automático adaptativo com assistente de estacionamento e sistema de frenagem de emergência, mesmo em velocidades mais altas. Aos que conseguiram colocar as mãos na edição de lançamento First Edition, contam ainda com o teto solar panorâmico, rodas com detalhes acinzentados, entre outros equipamentos exclusivos, como acionamento da tampa do porta-malas por gesto.

Comentários Facebook
Continue lendo

Carros e Motos

Ford vai lançar Ranger Raptor na Argentina em meados de 2019

Publicado

por


Ford Ranger Raptor: versão esportiva da picape, feita apenas na Tailândia, com motor de 213 cv e câmbio de 10 marchas
Divulgação

Ford Ranger Raptor: versão esportiva da picape, feita apenas na Tailândia, com motor de 213 cv e câmbio de 10 marchas

Depois de algum mistério, eis que a Ford confirma a chegada da Ranger Raptor ao mercado argentino em meados de 2019. E isso aumenta ainda mais as chances do utilitário ser vendido no Brasil. Ao contrário do que se possa pensar, a nova versão da picape não será feita no país vizinho, mas na Tailândia, único país do mundo que a fabrica nessa configuração.

LEIA MAIS: Aceleramos o Ford Raptor, veloz como o Mustang e bruto como um fuzileiro

Com a versão Raptor, a Ranger volta a ficar em evidência no terreno das picapes médias. Portanto, a novidade também acaba sendo uma jogada de marketing. De qualquer forma, o carro é interessante. Recebeu uma série de aperfeiçoamentos tanto na parte estrutural quanto na mecânica, exclusiva da Ford Ranger Raptor.

Toda suspensão recebeu novos componentes, bem como freios, direção e até pneus. O motor é um 2.0, turbodiesel, sobrealimentado por duas turbinas, preparado pela Ford Performance, que rende 213 cv e brutais 51 kgfm de torque. Se chegar ao Brasil, vai rivalizar com a VW Amarok V6 (224 cv) e com a Mercedes X350d (258 cv).

LEIA MAIS: VW Amarok V6 satisfaz no desempenho e no conforto.Veja vídeo

Entre outras mudanças, as dimensões da Ranger Raptor também são diferentes das demais versões. São 5,40 metros de comprimento  (+4 cm), 2,18 de largura (+17cm) e 1,87 m de altura (+6cm) e 28,3 cm de distância do solo (+5,1 cm). Além disso, o sistema de tração também é novo, o que inclui o “Baja Mode”, próprio para direção off-road.

Leia mais:  Ford Galaxie Caltabiano: o requinte de um exemplar único

Da F-150 Raptor americana, a Ranger feita na Tailândia herdou apenas a caixa de câmbio automático, de dez marchas e com opção de trocas sequenciais. Ainda não informaram o preço, o que será divulgado numa data mais próxima do lançamento.

Mais que a Ranger Raptor


A gigantesca F-150 Raptor tem apenas o câmbio da Ford Ranger Raptor, versão mais potente da picape média
Guilherme Menezes/iG

A gigantesca F-150 Raptor tem apenas o câmbio da Ford Ranger Raptor, versão mais potente da picape média

A Ford Ranger Raptor é uma versão mais simples da F-150 Raptor , vendida nos EUA, entre outros mercados. No caso da picape americna as proporções da carroceria são gigantescas e visual que desbanca qualquer  rival. São 2.582 kg, quase seis metros de comprimento, tem dois metros de altura, 2,2 metros de largura, seu câmbio automático tem 10 marchas e o motor V6 biturbo, entrega 456 cv e brutais 70,5 kgfm.

A Special Vehicle Team (SVT), divisão esportiva da Ford, se inspirou nos Baja usados em competição para criar sua versão. É por isso que, em vez de ser rebaixada e usar pneus de perfil menor, a F-150 Raptor utiliza enormes BFGoodrich All Terrain que fazem as rodas de 17 polegadas parecerem 14 (que por sinal é o diâmetro dos discos dianteiros). Além disso, seus amortecedores de competição da Fox Racing, duplos na traseira, garantem 33 cm de curso na frente e 35 cm atrás.

Leia mais:  Ford Ka FreeStyle traz design de uma versão aventureira

LEIA MAIS: Mercedes-Benz Classe X também chegará ao Brasil na versão Brabus

Nesta segunda geração da Raptor, o V8 6.2 de 411 cv deu lugar ao 3.5 V6 biturbo do supercarro Ford GT, que neste chega a entregar 655 cv e 76 kgfm. Já o câmbio automático de dez marchas é compartilhado com o Mustang e é todo feito de alumínio, assim como a sua carroceria . Isso representou uma redução de 220 kg no peso, que para se ter uma ideia, apesar dos 2.582 kg, aproxima-se muito dos 2.261 kg de um Ranger Limited, mesmo medindo 53 centímetros a mais. De acordo com a Ford, acelera de 0 a 100 km/h em 5 segundos. Assista ao vídeo abaixo com a Ford Ranger Raptor .

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana