conecte-se conosco


Carros e Motos

Flagra! BMW X1 renovado é visto antes da estreia, no segundo semestre

Publicado


 BMW X1 renovado é visto em estacionamento com placas de testes de Araquari (SC), onde fica a fábrica da marca
Kalled Adib/iG
BMW X1 renovado é visto em estacionamento com placas de testes de Araquari (SC), onde fica a fábrica da marca

A versão renovada do BMW X1 está a caminho do Brasil. O carro foi flagrado pelo leitor de iG Carros, Kalled Adib, ainda com camuflagem, com placas de testes, de Araquari (SC), onde fica a fábrica da marca alemã no Brasil. Apesar dos disfarces, as imagens mostram que a frente reestilizada passa a ter grade frontal bipartida mais larga, para-choques com novos detalhes, além de faróis e lanternas de estilo esportivo.

LEIA MAIS: BMW X1 2019 ganha novos itens de série e mantém o preço

Todas as mudanças serão adotadas para que o desenho do BMW X1
fique alinhado com a nova geração de utilitários esportivos da BMW. Entretanto, as laterais do carro, bem como uma série de outros detalhes, deverão continuar sem alterações, exceto pelos novos conjuntos de rodas.


Na traseira da versão renovada do BMW X1 haverá apenas retoques nas lanternas e no para-choque
Kalled Adib/iG
Na traseira da versão renovada do BMW X1 haverá apenas retoques nas lanternas e no para-choque

 Por dentro, uma das principais novidades ficará por conta do quadro de instrumentos totalmente digital e configurável, outra característica que faz parte dos novos SUVs da BMW
e está se tornando cada vez mais comum no segmento. Além disso, também é provável que a central multimídua tenha sido atualizada.

Leia mais:  Novo Toyota Corolla leva nota máxima em crash test

LEIA MAIS: BMW X1 Sdrive 20i: melhor de dois mundos. Confira a avaliação do SUV 


Grade frontal do BMW X1 renovado ficará um pouco maior que a da versão atual
Kalled Adib/iG
Grade frontal do BMW X1 renovado ficará um pouco maior que a da versão atual

É possível que a BMW dote algum novo ajuste no conjunto mecânico, mas apenas discreto. Dentro do que pode ser alterado, espera-se apenas novo mapeamento do módulo de controle eletrônico do motor para se adequar às normas de emissões.

Em alguns mercados, entre os quais o da China, o utilitário esportivo renovado deverá estar disponível uma versão híbrida plug-in com motor 1.5, turbo, de três cilindros. No Brasil, o conjunto mecânico será o mesmo do X1 atualmente encontrado nas lojas, com motor 2.0 turbo flex, de 231 cavalos e 35,7 kgfm de torque a 1.250 rpm, que funciona com tração integral e câmbio automático de oito marchas. 

BMW X1 e companhia


O BMW X1 é o menor SUV da marca alemã, ao contrário do X7, o maior, que tem chances de vir ao Brasil
Divulgação
O BMW X1 é o menor SUV da marca alemã, ao contrário do X7, o maior, que tem chances de vir ao Brasil

 A BMW não perde tempo e trabalha no lançamento da sua linha de SUVs no Brasil. Depois do X2 e do X4, além das novas gerações de X3 e X5, chegará a versão renovada X1. Mas isso não deve ser tudo. O maior integrante da família de SUVs da BMW, o X7, também pode ser vendido no Brasil. O carro será mostrado para parte da imprensa brasileira no Estados Unidos, mais exatamente onde é fabricado, em Spartanburg, na Carolina do Sul.

Leia mais:  Brasil x Chile: 5 gols a favor do país vizinho quando o assunto é carro

O BMW X7
tem 5,15 metros de comprimento por 2.0 metros de largura e entre-eixos generoso de 3,11 metros, o que garante mais espaço interno que os princippais concorrentes, entre os quais Audi Q7 e Mercedes-Benz GLS. O novo SUV topo de linha da BMW será encontrado apenas com sete lugares e com uma lista de equipamentos sofisticados para ninguém achar defeito.

LEIA MAIS: BMW X7 é revelado por completo. Veja fotos e detalhes do SUV grande de luxo

Entre outros itens, haverá ar-condicionado automático digital de quatro zonas, sistema de som premium Bowers & Wilkins, teto de vidro panorâmico, faróis de LED, suspensão adaptativa a ar e um pacote de auxílios ao motorista que inclui piloto automático adaptativo, assistente de manutenção em faixa e duas opções de painel de instrumentos digital.


Serão quatro opções de motorização disponíveis: duas a diesel (3.0 seis cilindros, de 265 e 400 cv) e duas a gasolina (3.0 seis cilindros de 340 cv e 4.4 V8 de 462 cv). Em todas as versões o câmbio é automático, de oito marchas, com tração integral, assim como no BMW X1

Fonte: IG Carros
Comentários Facebook
publicidade

Carros e Motos

Veja 5 maneiras de gastar menos com a manutenção e o seguro do seu carro

Publicado

por

source

O dinheiro continua curto neste País em crise. Num cenário em que o emprego informal está cada vez mais em alta, muitas pessoas acabam recorrendo aos aplicativos de corrida para complementar a renda do mês. Gastar pouco se torna uma estratégia, tanto para profissionais quanto quem usa o carro apenas para passear ou ir ao trabalho. A reportagem do iG carros sugere como gastar menos com seguro e serviços de manutenção do seu carro.  

LEIA MAIS: Veja 5 surpresas que vão te dar prejuízo na manutenção do seu veículo

1 – Funilaria e pintura express

Reparos arrow-options
Divulgação
Algumas empresas já oferecem os novos “reparos express”, que podem ser acionados em qualquer lugar

Batidas e arranhões podem acontecer até mesmo com os motoristas mais experientes. Mas ficar sem o carro por um dia apenas para arrumar esses detalhes está fora de cogitação, principalmente se você dirige para aplicativos de corrida. Deixar o veículo na oficina requer tempo, por isso, muitas empresas se especializam no reparo rápido .

A DiskReparo tem um “box móvel” e faz serviços rápidos em domicílio. Basta contratar por telefone ou site, receber o orçamento na hora e aguardar a chegada do especialista. O serviço conta com ajuste de cores (são mais de 50 mil tonalidades), e fica pronto em poucos instantes.

2 – Pneus de marcas secundárias

Troca de pneus arrow-options
Divulgação
Acha que Michelin e Pirelli são marcas caras? Aposte nas fabricantes secundárias de boa qualidade

Pneus remoldados e sem procedência representam perigo para o motorista, passageiros e pedestres. Por isso, recomendamos que você fique longe dos modelos mais baratos e de menor qualidade. Em uma busca rápida, foi possível encontrar unidades remoldadas (185/55R 15) de até R$ 178,56, mas o barato pode sair – muito – caro.

Leia mais:  Chery lança Tiggo 7, em duas versões, para brigar com JeepCompass e companhia

Se quer economizar, aposte na “segunda linha” das grandes marcas de pneus. Fabricantes como Firestone, Goodyear, Pirelli, Michelin e Continental já contam com linhas secundárias que podem caber no orçamento de qualquer um. Recomendamos marcas como Tigar (da Michelin), Formula (da Pirelli), Seiberling (da Bridgestone) e Kelly (Goodyear), que são confiáveis e mais em conta.  No caso da medida 175/64R 14, um modelo da Pirelli sai por R$ 250 e o Formula por R$ 190, ou seja, 25% mais em conta.

3 – Seguro mais em conta

Seguro de carro arrow-options
Divulgação
Seguradoras oferecem condições para quem pretende economizar. Busque pelo melhor pacote

Se a grana estiver muito curta, recomendamos os planos de seguro de baixo custo. A Ituran oferece cobertura de roubo, furto e assistência 24 horas. O cliente também poderá adicionar outros serviços, como prevenção de alagamento, colisão e vidros. 

LEIA MAIS: Conheça os 5 compactos mais baratos e fáceis de consertar, conforme o CESVI

A Suhai trabalha com os veículos mais roubados, oferecendo plano de proteção contra sinistralidade mais em conta. Enfim, basta pesquisar e contratar o serviço que corresponda ao seu perfil. A diferença entre as seguradoras mais em conta fica por conta da retirada de algumas coberturas extras e serviços, como carro reserva. 

Para citar um exemplo, o seguro de um VW Gol 1.0 2017, de acordo com a SUSEP (Superintendência de Seguros Privados), pela Azul Seguros, sai por R$ 1.266 enquanto que pela Porto Seguros, o mesmo carro fica por R$ 1.816, ou cerca de 30% a menos. Vale lembrar que o perfil utilizado é de um homem de 30 anos, casado, sem filhos. 

Leia mais:  Novo Toyota Corolla leva nota máxima em crash test

4 – Peças paralelas

Carro batido arrow-options
Divulgação
Bateu? Saiba que peças paralelas são mais baratas que as originais vendidas nas concessionárias

Encomendar peças na concessionária exige tempo e dinheiro. Se a sua cidade conta com um grande distribuidor como o MercadoCar, vale apostar em componentes paralelos que são praticamente idênticos aos que são oferecidos nas lojas oficiais. As coisas ficam ainda mais fáceis se o seu carro teve um bom volume de vendas ao longo dos anos. 

Um farol de Chevrolet Prisma/Onix original sai por volta de R$ 300 e um do mercado paralelo em torno de R$ 180, segundo pesquisamos, ou seja uma diferença de aproximadamente 40%. A diferença é que a peça original tem aval da fabricante do veículo, o que implica em todas as condições para manter a garantia do carro. 

5 – Manutenção preventiva

Mecânicos arrow-options
Divulgação
Deixar o carro em ordem pode te livrar de gastar uma boa quantidade de dinheiro no futuro

Pode parecer obviedade, mas fazer a manutenção preventiva do seu veículo reduz as chances de abrir a carteira no futuro. Trocar o óleo, conferir se o reservatório de água está cheio e se atentar ao estado das pastilhas de freio são gastos pequenos quando comparados a danos maiores que podem ocorrer com a má conservação.

LEIA MAIS: Veja os sedãs médios com o valor de seguro mais em conta do Brasil


Neste tópico, vale lembrar que a manutenção em oficina secundária é muito mais barata que na concessionária, mas você corre o risco de perder a garantia. Mas se o prazo já tiver esgotado e você conhecer um mecânico de confiança, não há motivos para retornar à loja.

Fonte: IG Carros
Comentários Facebook
Continue lendo

Carros e Motos

Nova Audi RS6 chega com visual feito do zero e motor do Lamborghini Urus

Publicado

por

source
Audi RS6 cinza arrow-options
Divulgação
Nova Audi RS6 passa a ser híbrida e a ter visual ainda mais arrojado e indiscreto na linha 2020. Potência salta para 600 cv

A nova geração da perua esportiva Audi RS6 acaba de ser revelada. Com design que segue a linha adotada pelo Q8 e mecânica do Lamborghini Urus, traz, respectivamente, fortes vincos no capô, contornos robustos dos pára-choques, duas enormes saídas de escape e entradas de ar dianteiras, novas assinaturas de LED. 

LEIA MAIS: Audi RS4 Avant: foguete para a família. Confira a avaliação

Equipada com motor V8 4.0 biturbo, de de 600 cv e brutais 81 kgfm de torque, a nova RS6 é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 3,6 segundos e atingir 305 km/h, conforme a fabricante.  Sem preços divulgados, o perua superesportiva estará no Salão de Frankfurt (Alemanha), entre 12 e 22 se setembro.  Na Europa, as vendas começam em março de 2020, ano em que o carro também deverá chegar ao Brasil, mas sem data definida. 

Entre os detalhes da  Audi RS6 que mais chamam atenção estão as rodas de 21 polegadas montadas em pneus 275/35. Como opcional, o carro pode vir com rodas de 22 polegadas e pneus 285/30. Enquanto isso, os freios trazem discos ventilados de 420 mm na dianteira e 370 mm na traseira, com pinças pintadas de preto. E opcionais de carbono-cerâmica (440 mm na dianteira e 370 mm na traseira). As pinças, que segundo a fabricante economizam 34 kg, podem ser pintadas de cinza, azul ou vermelho.

A suspensão também merece atenção especial. Além do sistema de tração integral Quattro que destina até 70% da força para o eixo traseiro, conta com amortecedores pneumáticos ajustáveis em altura. Além disso, o RS Sports Suspension Plus ajusta as respostas das novas molas de aço e o curso dos amortecedores ajustáveis em até três estágios. São eles a altura padrão, 10 mm a menos em velocidades acima dos 120 km/h e 20 mm a mais ao transpor lombadas ou valetas maiores.

Leia mais:  Veja os principais golpes aplicados na hora de comprar um veículo seminovo

LEIA MAIS: Nova geração do Audi Q3 chegará ao Brasil no início de 2020

Outro item que pode ser adquirido à parte é o eixo traseiro esterçante. Em baixas velocidades, as rodas traseiras inclinam até 5º em direção oposta às dianteiras para ajudar nas manobras. Em médias e altas velocidades, são 2º no mesmo sentido para melhorar o contorno de curvas.

Sistema híbrido e novos equipamentos

Assim como a nova linha dos carros de topo da Audi, tem o sistema elétrico primário de 48V. O carro esportivo ainda pode desativar quatro dos oito cilindros para economizar combustível em velocidades de cruzeiro. Tamanha tecnologia agregada aumentará a sua popularidade ante os rivais Mercedes E 63 AMG Station Wagon e Porsche Panamera Sport Turismo Turbo.

LEIA MAIS: Veja 5 carrões de YouTubers brasileiros


O interior da perua Audi RS6 também segue o padrão dos modelos mais recentes da marca alemã. Entre os principais equipamentos, destaca-se o  painel de instrumentos digital com tela de 12,3 polegadas e com mostradores de pressão do turbo, força G, potência e torque. No console central, o carro dispõe da central multimídia de 10,1 polegadas e, logo abaixo, mais um display de 8,6” para outros controles, como o ar-condicionado.

Fonte: IG Carros
Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana