conecte-se conosco


Polícia

Fiscalização integrada vistoria mais uma drogaria e checa preços de medicamentos e produtos

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Ação fiscalizatória da Polícia Civil, em conjunto com o Procon Estadual, vistoriou nesta quarta-feira (01.07) mais um estabelecimento de venda de medicamentos no varejo para apurar preços dos produtos mais procurados neste período da pandemia do coronavírus. A fiscalização desta quarta-feira foi realizada em uma unidade de uma rede nacional de drogarias, localizada na Avenida Coronel Escolástico, na Capital.

A fiscalização, que tem a coordenação da Equipe Especial de Pronta Resposta da Polícia Civil, Delegacia Especializada do Consumidor e fiscais do Procon, apura se ocorre aumento abusivo nos preços de produtos e medicamentos, como álcool em gel, máscaras de proteção, termômetros, vitaminas e medicamentos como a ivermectina e antibióticos.

Responsável pela Equipe Especial da Polícia Civil, o delegado Rodrigo Azem Buchdid destaca que a ação ampliou o foco de fiscalização dos produtos, passando a checar também os valores de venda de antibióticos e da ivermectina, medicamento utilizado para tratar infecções causadas por parasitas.   

“Desde o início da fiscalização, a equipe focou as ações para apurar se há a prática de preços abusivos em produtos da cesta básica de alimentos e também em itens de higiene e medicamentos. Com a grande procura por medicamentos como a ivermectina, passamos a checar também os preços desse produto, além de termômetros, vitaminas e antibióticos”, explica o delegado.  

Desde o início da fiscalização, no mês de maio, em torno de 15 estabelecimentos do comércio, entre farmácias, distribuidoras de produtos e equipamentos de saúde, supermercados e posto de combustível foram vistoriados pela equipe integrada.

A ação é realizada semanalmente em empresas da região metropolitana de Cuiabá.

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook

Polícia

Drogas são tiradas de circulação em bairros de Cuiabá e em Chapada dos Guimarães

Publicado

por


.

Policiais militares do 1º CR em Cuiabá e Chapada dos Guimarães prenderam nesta quarta-feira (29.07), dois homens e duas mulheres por tráfico de droga.

Em Chapada, a ocorrência foi atendida pelos agentes da 1ª Companhia que prenderam um homem com oito porções de maconha, uma porção de cocaína, uma porção de ácido bórico, duas balanças, além duas réplicas de pistola. A denúncia descrevia que o suspeito usava sua casa na área central para vender entorpecente. Ele teria ameaçado moradores com uma arma de fogo.

Na capital, as ocorrências foram em três bairros, sendo a primeira no Distrito Industrial. Policiais do 24º BPM renderam uma mulher já conhecida por ter sido detida em outras ocasiões pelo mesmo motivo. Na abordagem, ela carregava uma bolsa com 38 porções de cocaína, seis de maconha e uma de pasta base de cocaína.

No bairro Cidade Alta, a ocorrência foi atendida pela 10º BPM que prenderam dois homens, sendo um deles foragido da justiça por roubo. Uma denúncia auxiliou a identificação da dupla e com eles quatro porções de maconha foram apreendidas.

No bairro Dom Aquino, uma mulher foi detida pela equipe da 3ª Companhia Beira Rio. Com a suspeita foram apreendidas 13 porções de pasta base de cocaína, duas porções de maconha. Parte da droga estava nas partes intimas da mulher detida dentro de um bar.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Parceria possibilita aquisição de rádios comunicadores digitais para forças de segurança em Sapezal

Publicado

por


.

Assessoria | Polícia Civil-MT

A Polícia Civil de Sapezal (480 km a noroeste de Cuiabá) participou na manhã desta quinta-feira (30.07) da entrega do sistema de comunicação digital das forças de segurança, realizada na Câmara Municipal de Vereadores. O investimento possibilitará a cobertura por meio de rádio digital, de toda a extensão do município, inclusive da zona rural, entre as instituições de Segurança Pública da região.

O sistema compreende 16 equipamentos portáteis, três estações repetidoras, três equipamentos móveis e três equipamentos fixos que contemplaram a Polícia Civil, Polícia Militar e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

O material foi adquirido com recursos obtidos por meio da celebração de um Termo de Ajustamento de Conduta, proposto pela Promotoria de Justiça de Sapezal, e sem nenhum custo para o Estado.

Conforme o delegado de Sapezal, Gustavo Godoy Alevado, entre as vantagens na adoção do novo sistema está a rapidez na comunicação para o atendimento de ocorrências, além da possibilidade de integração na comunicação entre as Polícias Civil e Militar e o Samu

“Outro destaque é para a segurança na comunicação, visto não ser possível a interferência de terceiros. Além disso, o sistema é compatível com o utilizado pelo Centro Integrado de Operação de Segurança Pública (Ciosp) em Cuiabá, bem como pela Polícia Rodoviária Federal”, disse o delegado.

Participaram do evento o delegado Gustavo Godoy, o comandante da Polícia Militar de Sapezal, tenente Gabriel Dijan, o prefeito Valcir Casagrande, o presidente da Câmara dos Vereadores, Osmar Favini, e o comandante adjunto do 7º Comando Regional da PM, Tenente Coronel Leite, entre outras autoridades.

Durante toda a solenidade foram cumpridos os protocolos de prevenção ao Covid-19, como o distanciamento entre as pessoas presentes e a utilização de máscaras.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana