conecte-se conosco


Mato Grosso

Filho de produtor rural é preso por apresentar autorização para desmatamento falsa

Publicado

Os fiscais da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), em parceria com o Batalhão da Polícia Militar de Proteção Ambiental (BPMPA) e Forca Tática de Mato Grosso, atuaram no flagrante do desmatamento de uma área de floresta amazônica em União do Sul (719 km ao Norte de Cuiabá). O proprietário da área foi autuado em R$ 250 mil pelo desmate ilegal de 256 hectares. Já o filho do produtor apresentou uma autorização de desmatamento falsa e foi conduzido para Polícia Judiciária Civil de Marcelândia, onde foi preso por falsificar documento público e liberado no dia seguinte após o pagamento da fiança de R$ 80 mil.

“Todas as propriedades inclusas na programação de fiscalização são previamente estudadas e consultadas quanto a existência ou não de autorização de desmatamento na base de dados da Sema, não sendo observado para a área em questão a existência de tal documento”, esclareceu o superintendente de Fiscalização da Sema, Bruno Saturnino. O filho do proprietário também foi autuado em R$ 725 mil por apresentar documento falso.

A partir de monitoramento de imagens por satélite, a Coordenadoria de Fiscalização de Flora da Sema visualizou o desmatamento em andamento na Fazenda Esperança II no município de União do Sul e agiu para cessar a infração. Além dos autos de infração aplicados, a Sema também apreendeu o maquinário, avaliado em R$ 500 mil, e encaminhou os dois tratores retirados do local para a prefeitura de União do Sul. A operação foi realizada entre os dias 12 e 13 de fevereiro.


De acordo com os fiscais da Sema, a atuação do órgão ambiental em tempo real evitou o desmatamento ilegal de uma área de floresta amazônica de 1.194,56 ha ou 11.945,600 m², o equivalente a 1.194 campo de futebol.

Leia mais:  CSMP divulga Edital 121/2019

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Governo entrega 17,5 km de pavimentação entre Campo Verde e Nova Brasilândia

Publicado

por

Em parceria com a Associação Agrologística, o Governo do Estado entregou nesta sexta-feira (19.07) 17,5 km da rodovia MT-244, no trecho entre o KM 38, em Campo Verde, e o Rio Roncador. No total, foram investidos R$ 10,79 milhões, dos quais R$ 10,041 milhões da Secretaria de Infraestrutura e Logística (Sinfra), via recursos do Fundo Estadual de Transporte e Habitação (Fethab), com a contrapartida de R$ 758 mil da associação.

A obra beneficiará uma população de mais de 50 mil habitantes entre Campo Verde e Nova Brasilândia, além de melhorar o escoamento de grãos e de outros produtos do agronegócio da região.

O governador Mauro Mendes, que esteve em Campo Verde pela manhã em companhia do secretário Marcelo Oliveira, da Sinfra, também vistoriou um conjunto de obras em andamento no trecho entre os municípios de Nova Brasilândia e Planalto da Serra, entre elas, a pavimentação do trecho de 53 km da rodovia MT-140, no entroncamento com a MT-244.

“São obras estruturantes, que irão permitir o melhor escoamento da nossa safra agrícola, dando mais competitividade à economia agrícola mato-grossense. Também coloca Campo Verde no centro do desenvolvimento, porque por aqui passarão milhões de toneladas produzidas no grande planalto da região de Paranatinga e Planalto da Serra”, afirmou o governador em Campo Verde.

Mauro Mendes ressaltou a importância da parceria público-privada, que permitiu a concretização da obra. “As PPPs sociais, como as chamamos aqui em Mato Grosso, são fundamentais, porque o Estado não tem capacidade de fazer tudo sozinho. Por isso, agradecemos aos nossos empreendedores do campo, que estão colaborando com o governo, não apenas colocando recursos financeiros como ajudando com equipamentos e combustível”.

Leia mais:  PM prende em flagrante suspeito de latrocínio de sargento e recupera veículo

Crédito da foto: Marcos Vergueiro 

Ele informou ainda que estas parcerias já aprovaram 10 lotes, num total de 500 km de novas rodovias a serem asfaltadas. “Depois de pavimentadas, ficarão sob a concessão dos consórcios parceiros, cobrando um pequeno pedágio para garantir que estejam sempre em excelentes condições de trafegabilidade”.

Segundo o titular da Sinfra, Marcelo Oliveira, a pavimentação destes 17,5 km é a realização de um sonho iniciado há muitos anos, ainda na gestão de Blairo Maggi, com a ajuda dos produtores da região. “Além desse trecho, entregue hoje, já está depositado na conta o dinheiro para a complementação até a Serra de Brasilândia, incluindo o anel viário do município”.

Ele informou ainda que também estão sendo pavimentados mais de 60 km na MT em direção a Santa Rita do Trivelato. “Vamos fazer nossa entrada em Planalto da Serra, onde prometemos 5 km até o final deste ano”, disse Marcelo Oliveira, ressaltando a importância do trabalho desenvolvido pelo vice-governador Otaviano Pivetta.

“Ele tem um papel fundamental dentro da Sinfra. É o grande fomentador dessas parcerias. Por ser produtor e por sua credibilidade no setor, foi fundamental para que estas parcerias se concretizassem”.  

O vice-prefeito de Campo Verde, Milton Garbúgio, recebeu o governador Mauro Mendes e sua comitiva pela manhã e os acompanhou ao Residencial Cuiabá, onde foram entregues 78 títulos de propriedade, de um total de 86. “Governador, obrigado pela disponibilidade, por olhar para Campo Verde e contribuir para o crescimento desta cidade”.

Leia mais:  Mais de 127 mil atendimentos foram realizados pela Setas

Para o gestor administrativo da Associação Agrologística, Milton Ferreira Junior, a pavimentação da MT-244 é de suma importância, em função do potencial econômico da região de Campo Verde e Nova Brasilândia. “Esta é uma região de grãos, gado, peixe e indústria. Temos três algodoeiras neste entorno”, afirmou.

Ele revelou ainda que outros 38 km da rodovia já estão asfaltados, fruto do trabalho da associação e com a parceria com o Governo do Estado será possível avançar mais 22 km. “Neste trabalho conjunto, fornecemos equipamentos colo rolo compactador, caminhões, combustível, cascalho e outros produtos”.    


Também acompanharam a comitiva o ex-governador Blairo Maggi; os deputados estaduais Xuxu Dal Molin, Thiago Silva e Carlos Avalone; o deputado federal Neri Geller; os prefeitos de Alto Araguaia, Gustavo Melo; de Nova Brasilândia, Marilza Oliveira, e de Santa Rita do Trivelato, Egon Hoepers; vereadores dos municípios da região; representantes da Sinfra e da Sedec; além do produtor rural Eraí Maggi, 

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Militares do Batalhão de Trânsito prendem passageiro de carro por aplicativo em Cuiabá

Publicado

por

Um passageiro de um aplicativo de transporte foi preso por policiais militares do Batalhão Estadual de Trânsito em uma barreira de fiscalização nesta quinta-feira (18.07), em Cuiabá.

Os militares realizavam uma barreira de fiscalização, na Avenida Beira Rio, quando, ao abordarem um motorista e passageiro de aplicativo de transporte, identificaram que o passageiro, com iniciais L.N.O., de 33 anos, tinha mandado de prisão em aberto por crime de tráfico de drogas e corrupção de menores.


O motorista de aplicativo foi liberado pelos policiais e o passageiro do veículo foi preso e encaminhado para Central de Flagrantes. 

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Leia mais:  CSMP divulga Edital 121/2019
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana