conecte-se conosco



Tecnologia

Feed do Instagram na horizontal como os stories? É possível! Entenda

Publicado


Feed do Instagram pode se tornar mais parecido com os Stories, passando a ser visto na horizontal
shutterstock

Feed do Instagram pode se tornar mais parecido com os Stories, passando a ser visto na horizontal

O Instagram está em momento de testes para a implantação de um novo design para a linha do tempo da rede social de fotos. Com a mudança, as informações do feed do Instagram passariam a ser mostradas na horizontal, assim como já acontece com os stories.

Leia também: Em resposta ao YouTube Stories, Instagram lança novidade em sua plataforma

De acordo com o site especializado WABetaInfo , está sendo preparado um modo de visualização do feed do Instagram chamado de Cards, baseado em gestos. Nele, cartões substituiriam a lista de publicações, com fotos e vídeos exibidos lado a lado, em uma fileira horizontal que revela mais conteúdo ao deslizar o dedo sobre a tela para os lados.

As informações do site dão conta que o novo visual estaria sendo desenvolvido para os aplicativos para Android e iOS. Ainda não há, no entanto, previsão de lançamento do recurso. O Instagram não se pronunciou sobre a novidade de forma oficial.

Na última sexta-feira (30), o Instagram lançou a novidade ” Close Friends ” ou “Amigos Próximos” que permite enviar os Stories a um grupo selecionado de amigos, que veem o círculo que indica uma nova atualização na coloração verde, mostrando que seu amigo o incluiu em sua lista de melhores amigos que podem ver aquele conteúdo específico.

Leia mais:  Versão censurada do Google deve ser lançada na China, revela site The Intercept

Leia também: Instagram é o aplicativo que mais cresceu em uso diário entre brasileiros

O Instagram é a rede social que mais cresce em uso diário entre os brasileiros e, no Brasil e no mundo, busca aproveitar o momento de sucesso dos Stories e da rede social como um todo para lançar novidades e seguir crescendo como uma das redes mais usadas mundialmente. Segundo a própria empresa, mais de 50 milhões usavam a rede no Brasil em 2017.

As novidades podem refletir mudanças recentemente implementadas por Google e Apple nos respectivos sistemas operacionais. iOS 11 (a partir do iPhone X) e Android P, que passaram a adotar mais gestos de interação. Dessa forma, o Instagram pode renovar seu feed para seguir a tendência e aproveitar o momento de crescimento e popularidade dos Stories, que já são baseados em gestos.

Leia também: Promotoria move ação contra ‘game do Bolsomito’ por incitação ao ódio a minorias

No entanto, o feed do Instagram não terá muitas similaridades com os Stories além do visual na horizontal baseado por gestos. As publicações manterão as mesmas características atuais, como legenda, comentários públicos, curtidas e a ausência de stickers e outras ferramentas de edição.

Leia mais:  Pela 1ª vez, população com acesso à internet supera os não conectados, diz ONU

Comentários Facebook
publicidade

Tecnologia

Instagram libera recurso de troca de mensagens por áudio; veja como mandar

Publicado

por


Áudio do Instagram poderá ser enviado por meio das mensagens diretas
Reprodução

Áudio do Instagram poderá ser enviado por meio das mensagens diretas

O Instagram passou a permitir, nesta segunda-feira (10), o envio de mensagens por áudio por meio das mensagens diretas, as ‘Directs’. O recurso já está disponível para usuários de Android e iOS no Brasil e chega aos poucos para usuários em todo mundo.

Leia também: Lembra dele? Google+ será encerrado após vazar dados de 52,5 milhões de usuários

Para enviar o áudio no Instagram , basta segurar o ícone do microfone que aparece no campo de texto dentro da conversa. Ao soltá-lo, a gravação que aparece em um balão azul com uma espécie de onda sonora será enviada. 

Ao contrário das fotos, que podem se autodestruir, os áudios ficam visíveis para sempre, mas só poderão ter até um minuto de duração, diferentemente do que acontece no WhatsApp , onde é possível enviar áudios de maior duração. 

O Instagram e o WhatsApp são empresas do Facebook , e nos últimos meses o grupo tem compartilhado mecanismos entre os programas, como adicionar o Stories tanto no Messenger quanto no WhatsApp. Logo, a adição dos sistemas de voz no Instagram pode ser uma contrapartida aos outros dois aplicativos, que já permitem envio de mensagens por áudio.

Leia mais:  Algum conhecido pediu dinheiro pelo WhatsApp? Cuidado: pode ser um clone

Leia também: Nokia, Iphone, Android: o WhatsApp vai parar de funcionar no seu celular?

Outra novidade estudada para os próximos meses, segundo o site WABetaInfo , é a transformação do feed em algo similar aos stories do próprio Instagram; as informações passariam a ser mostradas na horizontal e seriam baseadas em gestos, com cartões substituindo a tradicional lista de publicações, adotando fotos e vídeos sendo exibidos lado a lado, em uma fileira horizontal que revela mais conteúdo ao deslizar o dedo sobre a tela para os lados.

Recentemente, foi lançado também o “Close Friends ” ou “Amigos Próximos”, que permite enviar os Stories a um grupo selecionado de amigos, que veem o círculo que indica uma nova atualização na coloração verde, mostrando que seu amigo o incluiu em sua lista de melhores amigos, que podem ver aquele conteúdo específico.

Leia também: Em resposta ao YouTube Stories, Instagram lança novidade em sua plataforma

Para enviar áudio no Instagram e usar as novas ferramentas de modo geral, é preciso atualizar o aplicativo, seja na versão para Android ou iOS.

Comentários Facebook
Continue lendo

Tecnologia

Nokia, Iphone, Android: o WhatsApp vai parar de funcionar no seu celular?

Publicado

por


WhatsApp deixará de funcionar em alguns aparelhos telefônicos a partir de 1º de janeiro de 2019
shutterstock

WhatsApp deixará de funcionar em alguns aparelhos telefônicos a partir de 1º de janeiro de 2019

O aplicativo de mensagens WhatsApp divulgou, nesta segunda-feira (10), a lista de celulares em que seu serviço não estará mais disponível nos próximos anos. Aparelhos com sistema operacional S40, da Nokia, 2.3.7 do Android e Iphone 4, da Apple, estão inclusos. 

Leia também: Algum conhecido pediu dinheiro pelo WhatsApp? Cuidado: pode ser um clone

A partir de 2020, apenas telefones Android com sistema operacional 4.0 ou superior; iPhone com iOS a partir do 8; Windows Phone 8.1 ou superior e JioPhone ou JioPhone 2 poderão utilizar o WhatsApp

De acordo com a empresa, que reúne, atualmente, mais de 1,5 bilhão de usuários, a prioridade é ficar com as “plataformas de telefonia móvel usadas pela grande maioria das pessoas”.

O desligamento do serviço começa já no ano que vem. O aplicativo informou que os usuários que utilizam o sistema operacional Nokia S40 só vão conseguir acessar o WhatsApp até 31 de dezembro de 2018.  Entre os celulares que ainda utilizam essa tecnologia, estão o Nokia 206 e 208, Nokia 301, Nokia 515 e grande parte da série Nokia Asha C3, X2 e X3. 

A partir de 2020, WhatsApp sai de algumas versões dos sistemas Android e IOS


Iphone 4 e Android 2.3.7 não terão mais serviço de WhatsApp
Creative Commons

Iphone 4 e Android 2.3.7 não terão mais serviço de WhatsApp

O aplicativo também adiantou algumas mudanças para 2020. Segundo o WhatsApp, a partir de 1º de fevereiro de 2020, o serviço não vai mais funcionar para usuários do Iphone 4, da Apple.

Leia mais:  Sem Terra Plana! Google Maps agora mostra Terra esférica no zoom out

Leia também: Feed do Instagram na horizontal como os stories? É possível! Entenda

Até lá, ainda será possível usar, contanto que a conta já esteja criada. Atualmente, o aplicativo não permite mais a inicialização de novas contas neste modelo de aparelho ou para usuários que usem o iOS 7 ou qualquer outra versão anterior do sistema operacional da Apple.

“O WhatsApp para iPhone requer [um sistema operacional] iOS 8 ou posterior. No iOS 7.1.2, não é mais possível criar novas contas ou verificar contas existentes. Se o WhatsApp já estiver ativo no seu dispositivo, você poderá usá-lo até 1º de fevereiro de 2020. O iOS 6 ou anteriores não são mais compatíveis”, diz a publicação no site da empresa.

Leia também: Lembra dele? Google+ será encerrado após vazar dados de 52,5 milhões de usuários

A mesma coisa vai acontecer para usuários do software Android 2.3.7, conhecido como “Gingerbread”, ou suas versões anteriores – que, de acordo com o Google, ainda são utilizados por cerca de 6 bilhões de pessoas no mundo. Aqui, o WhatsApp também só funcionará  até 31 de janeiro de 2020.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana