conecte-se conosco


Mato Grosso

Escolas Militares Tiradentes oferecem 490 vagas para novos alunos

Publicado

As Escolas Estaduais Militares Tiradentes de Cuiabá, Nova Mutum, Sorriso, Rondonópolis e Confresa estão com as inscrições abertas para o processo seletivo 2020. As cinco escolas juntas oferecem 490 vagas para novos alunos em séries do ensino fundamental e ensino médio.

O processo seletivo com provas objetivas de caráter eliminatório e classificatório, foi elaborado com fundamento nos programas oficiais de ensino referente a cada série/ciclos cursados. As provas terão 20 questões de múltipla escolha, sendo 10 de Língua Portuguesa e 10 de Matemática.

A inscrição para o teste seletivo será feito na própria escola pelos pais ou responsável legal do candidato. É necessário apresentar: cópia do RG ou certidão de nascimento do candidato, duas fotos 3×4 recentes, atestado de escolaridade, cópia do RG do pai/mãe, se dependente de militar deverá comprovar a dependência e pagar o valor de R$ 30 ou 50, de acordo com a escola.

Cuiabá

As inscrições para a Escola Estadual da Policia Militar Tiradentes, em Cuiabá, vão até o dia 18 deste mês de outubro. O horário de atendimento na escola é das 12h30 às 17h30, de segunda a sexta-feira, na Avenida Osasco, 765, Bairro CPA I. As provas serão realizadas no dia 25. O resultado final do concurso de admissão será divulgado no dia 21 de novembro.

Nova Mutum

Já para a Escola Estadual Tiradentes Cel PM Celso Henrique Souza Barbosa, em Nova Mutum (242 km de Cuiabá) os candidatos podem se inscrever até o dia 25, também deste mês, das 7h30 as 17h30, de segunda a sexta-feira. As provas serão realizadas no dia 14 de novembro, das 8h às 10 horas para o ensino fundamental e das 14h às 16h para o ensino médio. O resultado final será divulgado no dia 29 do mesmo mês.

Leia mais:  Santa Casa deve realizar mais de 300 consultas em prevenção ao câncer de mama

Sorriso

Na Tiradentes Cabo PM Antônio Dilceu da Silva Amaral, em Sorriso (398 km de Cuiabá), as inscrições vão até o dia 30 deste mês, das 7h às 13 horas, de segunda a sexta-feira. As provas serão aplicadas no dia 17 de novembro, das 8h às 10 horas. O resultado final do teste seletivo será divulgado no dia três de dezembro.

Rondonópolis

Na Escola Estadual Tiradentes Major PM Ernestino Veríssimo da Silva, em Rondonópolis (214 km de Cuiabá) as inscrições poderão ser feita até o dia 24 deste mês, em horário comercial, de segunda a sexta feira. A prova será realizada no dia 27 de outubro, das 8h às 10 horas. O resultado final será divulgado em 18 de novembro.

Confresa

Na Tiradentes Cabo PM José Martins de Moura, em Confresa (a 738 km Cuiabá), as inscrições foram abertas na última sexta-feira (11) e seguem até 14 de novembro, das 8hs às 11hs, de segunda a sexta-feira. A prova será realizada no dia 25 de novembro, das 8h às 10 horas. O resultado final será divulgado no dia 9.


Mais informações poderão ser obtidas diretamente nas unidades escolares.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook

Mato Grosso

Fim de Ano: operação vai reforçar em 30% o policiamento preventivo e a repressão à criminalidade

Publicado

A Polícia Militar lançou nesta sexta-feira (22) a Operação Final de Ano em Tangará da Serra.

Foto:José Aparecido Vieira

Em solenidade realizada na manhã desta sexta-feira (22) no Centro da cidade, foi apresentado o plano operacional,  que vai reforçar em 30% o policiamento preventivo e a repressão à criminalidade até o dia 1º de janeiro de 2020. Mais policiais e mais viaturas entre carros e motocicletas, estarão nas ruas diariamente, principalmente, em áreas comerciais, como o Centro e pontos com maior concentração de consumidores.

O trabalho prevê o acompanhamento diário dos índices criminais pela Superintendência de Planejamento e Estatísticas(Spoe), para avaliar o policiamento e fazer mudanças ou adequações de acordo com as necessidades apontadas. O Serviço de Inteligência no monitoramento de locais e situações relacionadas a práticas criminosas, também estará em atuação.


As ações de policiamento específicas de final de ano estão incorporadas à Operação Guardião III, desenvolvida pelo Comando Especializado da PMMT, que reúne os Batalhões Bope, Rotam, Ambiental, Trânsito e Cavalaria, em parceria com a Polícia Civil, Corpo de Bombeiros e Guarda Municipal.

Comentários Facebook
Leia mais:  Estado inaugura novo prédio e auditório da CGE em alusão ao Dia de Combate à Corrupção
Continue lendo

Mato Grosso

Ministro do Meio Ambiente garante reforço e recursos para combater incêndios florestais

Publicado

por

Os comandantes dos Corpos de Bombeiros e das Polícias Militares da Amazônia Legal estiveram reunidos em Cuiabá nesta quinta (21.11) para apresentar um plano de ações visando à redução dos incêndios florestais. A apresentação do documento foi feita para o governador Mauro Mendes e o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, que, antes, sobrevoaram o entorno de Cuiabá e Chapada dos Guimarães.

A integração já era discutida entre os Corpos de Bombeiros dos nove Estados amazônicos, mas foi compilada num planejamento que será executado a partir de janeiro, segundo a apresentação do comandante da corporação de Mato Grosso, coronel Alessandro Borges.

O plano visa potencializar as atividades de prevenção e repressão a ilícitos ambientais que geram desmatamento, com atenção especial aos incêndios florestais. O plano inclui a criação de uma inteligência ambiental, acordo de cooperação técnica com os Estados, dar aptidão para o ciclo completo ambiental para a PM e CBM, educação ambiental e integração com a Defesa Civil.

Para isso, os militares pediram ao ministro investimentos em equipamentos (viaturas, coletes balísticos, armas de fogo, aeronaves, equipamentos de combate a incêndio florestal) para combate e repressão aos incêndios florestais. Também é necessário capacitar militares para as questões ambientais (fiscalização e educação ambiental), visando reduzir os indicadores de degradação ambiental.

De acordo com Salles, R$ 430 milhões, advindos da Petrobrás e de recursos recuperados da Operação Lava Jato, deverão ser compartilhados com as PMs e CBMs dos nove Estados da Amazônia Legal. O ministro afirmou que “a descentralização desse recurso para questões ambientais visa um pacto de ambientalismo de resultado”.

Leia mais:  SES realiza encontro de profissionais da Saúde para debater prevenção de transtornos psicológicos

Ainda em dezembro uma nova reunião estabelecerá os detalhes jurídicos da cooperação entre as forças de segurança e órgãos ambientais.

O governador Mauro Mendes lembrou que durante a reunião com governadores da Amazônia Legal, na quarta-feira (20.11), a integração entre os entes federativos foi apontada como uma das formas mais preponderantes para que se alcancem as metas de cooperação.

“Existem agendas comuns dos Estados da Amazônia Legal, como a preservação da floresta e a questão agrária. Essa articulação é decisiva para alcançarmos resultados positivos”, afirmou o governador.


Já o comandante destacou ser necessário iniciar, desde o início do ano, as quatro fases do enfrentamento (preparação, prevenção, atuação e responsabilização). “Esse investimento será específico para a área ambiental”, ressaltou.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana