conecte-se conosco

  • banner_Lorenzetti_1250x250

Tangará da Serra

Dr. João apresenta PL que torna obrigatório diretor técnico nas instituições de saúde

Publicado

O deputado estadual Dr. João (MDB) apresentou em sessão ordinária o Projeto de lei nº 86/2021, que dispõe sobre a obrigatoriedade nos estabelecimentos de hospitalização ou de assistência médica pública ou privada da presença de um Diretor Técnico, habilitado para o exercício da medicina nos termos do regulamento sanitário vigente.

O parlamentar ressaltou que o presente projeto de lei atende uma reivindicação do Conselho Regional de Medicina. O Diretor Técnico é um médico contratado pela direção geral de um estabelecimentos de hospitalização ou de assistência médica pública ou privada, e por ela remunerado, para assessorá-la em assuntos técnicos. Ele é o principal responsável pelo exercício ético da Medicina no estabelecimento médico/instituição, não somente perante o Conselho, como também perante a Lei.

O Diretor Técnico, tem como incumbência, além de assegurar condições adequadas de trabalho e os meios imprescindíveis a uma boa prática médica, supervisionar e coordenar todos os serviços técnicos desenvolvidos no estabelecimento de saúde, além de observar o cumprimento das normas em vigor, devendo, ainda, assegurar o funcionamento pleno e autônomo das Comissões de Ética Médica da instituição.

Também cabe ao diretor técnico certificar-se da regular habilitação dos médicos perante o Conselho de Medicina, e não realizar a contratação de médicos formados no exterior sem o devido registro. Caso o estabelecimento assistencial sob sua direção não esteja apresentando condições funcionais adequadas, o diretor técnico possui o direito de suspender integral ou parcialmente as atividades.

“Trata-se de importante prerrogativa, tendo tem vista que falhas assistenciais podem ensejar responsabilidade ética-profissional do diretor técnico. Assim, é possível que o então profissional sofra penalidades disciplinares que vão desde à advertência confidencial até a suspensão ou cassação do registro, por conta da ausência de médicos plantonistas na instituição pela qual é responsável” destacou o deputado Dr.João.

Apesar da obrigatoriedade, a maioria dos estabelecimentos de hospitalização ou de assistência médica pública ou privada no Estado de Mato Grosso não possuem Diretor Técnico. A presente propositura pretende reforçar a obrigatoriedade da presença do Diretor Técnico nesses estabelecimentos.

Comentários Facebook

Tangará da Serra

Dono de restaurante denuncia golpe com notas falsas em Tangará da Serra

Publicado

O dono de um restaurante tradicional de Tangará da Serra divulgou nesta terça-feira, 07, um áudio em grupos de whatsapp denunciando um golpe do qual sua empresa foi vítima. Um indivíduo se passou por cliente do restaurante e ao efetuar o pagamento daquilo que consumiu, utilizou uma nota falsa de R$ 200.

“Peguei uma nota de R$ 200 falsa, mas uma falsificação muito bem feita, até passei a canetinha nela e na hora a canetinha não escureceu. Percebi uma pequena diferença no papel, mas não é muita coisa diferente. Realmente é uma cópia muito bem feita”, disse o empresário.

Ainda segundo ele, o falso cliente se tratava de uma pessoa de idade. “Não é jovem e estava com um bolo de dinheiro na mão. Aparentemente já veio para fazer isso”, disse.

Ao final do áudio o empresário pede que a sociedade fique atenta para não cair nesse mesmo golpe. “Fiquem atentos. É uma nota falsa, mas muito bem feita. Fiquem espertos, avisem seus entregadores, funcionários, porque se eles estão na cidade agindo, pode ser que estamos lidando com uma quadrilha que utiliza notas falsas”, concluiu.

Continue lendo

Tangará da Serra

Tangará: Comércio espera aumento de 10% a 15% nas vendas em dezembro

Publicado

O recebimento do 13º salário, aliado ao controle da pandemia e o retorno dos eventos são alguns dos fatores que contribuem para o aumento das vendas no Natal de 2021. Uma pesquisa realizada pela Associação Comercial e Empresarial de Tangará da Serra (ACITS), aponta uma expectativa de crescimento entre 10% e 15%, no município.

Empresários do segmento de vestuário, calçados, relojoaria, eletrônicos e perfumaria, já enxergam o Natal de 2021 com mais otimismo, e veem a oportunidade de recuperação da economia, abalada pelo período de pandemia. É o que ressalta a empresária, Fernanda Aparecida Godoy. “É um momento de aquecer as vendas, nós já sentimos uma procura maior dos clientes para presentear neste Natal. Estamos esperando um aumento de até 15%”.

De acordo com o Administrador da ACITS, Jorge Nazzari, é um período em que os clientes aproveitam o melhor do comércio tangaraense. “As datas comemorativas são muito importantes para o comércio e para a Associação, é o momento de o empresário recuperar o fôlego e onde a população pode aproveitar as campanhas e promoções para comprar os melhores produtos”.

Em 2021, a ACITS está realizando a tradicional Campanha de Natal que irá sortear mais de R$ 80 mil reais em vales-compras. O comércio de Tangará da Serra conta também com o horário especial de funcionamento, possibilitando mais tranquilidade aos consumidores na hora de realizar suas compras.

Pedro Miranda / Assessoria de Comunicação

Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana