conecte-se conosco


Mato Grosso

Mato Grosso segue com 60 casos confirmados de Covid-19

Publicado

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou até a tarde deste domingo (05.04) um óbito em decorrência de coronavírus e 60 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso.

Os casos confirmados estão em Cuiabá (38), Rondonópolis (6), Nova Monte Verde (1), Tangará da Serra (4), Sinop (3), Lucas do Rio Verde (1), Nova Mutum (1), Campo Novo do Parecis (1), Alta Floresta (1) e Várzea Grande (4). O Boletim Informativo da SES explica que, apesar de ter sido noticiada anteriormente a notificação de um caso em Chapada dos Guimarães – com base em informações do Cartão do SUS do paciente –, a investigação epidemiológica apontou que o diagnosticado reside na capital mato-grossense.

Os pacientes são devidamente acompanhados pelas equipes de Vigilância Epidemiológica do Estado e dos municípios. Mais informações estão detalhadas na Nota Informativa divulgada pela SES (anexada a este texto).

Dos 60 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 47 estão em isolamento domiciliar (sendo 10 casos recuperados) e 13 estão hospitalizados, sendo 10 em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e três em enfermarias/isolamento.

A Nota Informativa com dados atualizados é divulgada diariamente a partir das 17h. A coletiva de imprensa virtual com o secretário de Saúde, Gilberto Figueiredo, transmitida pelo Instagram e Facebook do Governo do Estado, ocorre às segundas, quartas e sextas-feiras a partir das 8h30.

Cenário nacional

No último sábado (04.04), o Governo Federal confirmou 10.278 casos de Covid-19 no Brasil e 431 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, divulgado pelo Ministério da Saúde, na sexta-feira (03), o país contabilizava 359 mortes e 9.056 casos confirmados de pessoas infectadas pelo novo coronavírus. Neste domingo (05), não haverá a coletiva de imprensa que é transmitida para todo o país.

Recomendações

Atualmente, não existe vacina para prevenir a infecção pelo novo coronavírus. A melhor maneira de prevenir a infecção é evitar ser exposto ao vírus. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca do novo coronavírus. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo coronavírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;
– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;
– Evitar contato próximo com pessoas doentes. Ficar em casa quando estiver doente;
– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;
– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.
Profissionais de saúde devem utilizar medidas de precaução padrão, de contato e de gotículas (máscara cirúrgica, luvas, avental não estéril e óculos de proteção).

Comentários Facebook

Mato Grosso

Governo assina contrato e vai pavimentar 64 km de rodovia entre Porto dos Gaúchos e Tabaporã

Publicado

por


.

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra), assinou contrato para pavimentar 64,5 quilômetros da rodovia MT-220, em Porto dos Gaúchos (650 km de Cuiabá). A assinatura do contrato é resultado de um termo de cooperação firmado entre o Governo e a prefeitura.

A pavimentação será realizada no trecho que compreende o entroncamento da MT-338, no distrito de Novo Paraná, até o entroncamento da MT-328, sentido Tabaporã. A obra vai ligar toda a região do Vale do Arinos até a BR-163 e será executada pela empresa Fratello Engenharia, cujo contrato está publicado no Diário Oficial do Estado que circula nesta sexta-feira (22.05). 

Por meio da cooperação entre Estado e município, a Sinfra ficou responsável por licitar a execução das obras, com exceção de alguns serviços que serão realizados diretamente pela prefeitura, como obras complementares e sinalização. O investimento do Estado para execução da pavimentação será de R$ 33 milhões.

De acordo com o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Marcelo de Oliveira, o valor de investimento é quase R$ 10 milhões abaixo do que estava previsto quando foi formalizada a cooperação. Na ocasião, o valor de referência para a licitação era de R$ 44 milhões, mas em razão de um deságio, o valor reduziu.

“Essa economia é possível porque a Sinfra está pagando em dia os fornecedores, o que estimula a competição entre as empresas para apresentar menor valor. E como retiramos da nossa planilha de licitação os valores dos serviços que o município vai executar, a economia é ainda maior. Estamos sendo capazes de entregar obras de qualidade, com baixo custo”, disse.

Segundo o secretário, a cooperação é um importante instrumento para que o Governo do Estado consiga atender a todas as demandas, com a parceria dos municípios. “Com a cooperação, o município assume a responsabilidade, também, de fiscalizar, de cobrar e nos ajuda a entregar mais melhorias ao cidadão”, afirmou.

Obras são fruto de cooperação assinada entre o prefeito Moacir Piovesan (a esquerda) e o governador Mauro Mendes

Benefícios 

Para o prefeito de Porto dos Gaúchos, Moacir Piovesan, a pavimentação vai gerar mais desenvolvimento econômico no Estado, pois a rodovia é um corredor agrícola para toda a região do Vale do Arinos, composto pelos municípios de Juara, Novo horizonte do Norte, Tabaporã, além de Porto dos Gaúchos.

“Quero agradecer ao governador Mauro Mendes e ao vice-governador Otaviano Pivetta por estarem ajudando na luta por esse asfalto. Um sonho realizado para todo o Vale do Arinos. Esse asfalto é em Porto dos Gaúchos, mas todo o Vale do Arinos utiliza ele. É uma rota agrícola para ir até a BR-163 e necessitava desse asfalto, pois ainda era terra.  Sem dúvida nenhuma vai incentivar e ajudar ainda mais os produtores e toda a população”, disse o prefeito.

Ainda segundo o prefeito, o asfalto é “sem dúvida uma das obras mais importantes do Vale do Arinos”, que vai trazer dignidade a todo o cidadão da região, que aguarda por décadas a realização dessa obra. 

“Para nós é motivo de muita satisfação e agradecimento a esse governo que está trabalhando e tendo responsabilidade com o dinheiro público. E o mais importante, vendo as necessidades. Uma obra que o governo está fazendo porque ele sabe o tamanho da produção que vai passar nesse asfalto. No que o governo do Estado precisar, somos parceiros para fazer mais pelo Vale do Arinos”, encerrou o prefeito.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Detran-MT inicia reciclagem de mais de mil veículos na região de Rondonópolis

Publicado

por


.

O Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran-MT) dá início, nesta segunda-feira (25.05), às ações de descontaminação e reciclagem de 1.120 veículos que estão em 13 unidades da Autarquia do polo de Rondonópolis, como Jaciara, Dom Aquino, Juscimeira, Poxoréo, Rondonópolis, Pedra Preta, Guiratinga, Itiquira, Alto Araguaia, Alto Taquari, Alto Garças, Primavera do Leste e Campo Verde.

O objetivo da ação é a limpeza dos pátios e a preservação da saúde pública e do meio ambiente. Segundo o diretor de Veículos do Detran-MT, Augusto Cordeiro, a estimativa para este ano é reciclar até 12 mil veículos, um serviço continuado da Autarquia para a correta destinação dos materiais poluentes e manutenção da limpeza dos pátios.

No ano passado o Detran-MT reciclou 11.267 veículos em 61 municípios de Mato Grosso.

A reciclagem é realizada com os veículos inservíveis, aqueles que não estão aptos a voltar a trafegar pelas vias públicas e que estão há mais de um ano nos pátios do Detran, sem a solicitação de retirada pelo proprietário.

“Nessa situação, o Código de Trânsito Brasileiro autoriza os órgãos a fazerem a reciclagem, que é realizada por empresas especializadas”, explicou Augusto.

O processo de descontaminação e reciclagem dos veículos inicia com a retirada da bateria, óleo, combustível e pneus, dando a empresa responsável a devida destinação exigida para cada material. Após esse procedimento, é feita a compactação, pesagem e envio do material para reciclagem.

“A limpeza dos pátios é uma das ações prioritárias do Detran com vistas a colaborar para a preservação do meio ambiente e a saúde pública, além de eliminar prováveis criadouros de insetos”, destacou o presidente do Detran-MT, Gustavo Vasconcelos. 

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana