conecte-se conosco


Mato Grosso

Diretoria apresenta resultados e metas quadrimestrais da MTI

Publicado

A diretoria da Empresa Mato-grossense de Tecnologia da Informação (MTI) apresentou, durante reunião com todos os colaboradores da empresa na quarta-feira (19.02), um balanço dos resultados obtidos ao longo de 2019 e as metas previstas para o primeiro quadrimestre deste ano.

O objetivo foi, além de demonstrar a capacidade técnica da empresa para o desenvolvimento de importantes projetos de tecnologia,  alinhar o andamento das ações para se alcançar as cinco metas previstas de serem realizadas nestes quatro meses.

Em 2019 a MTI entregou aos seus clientes um total de 165 projetos e serviços de tecnologia de informação e comunicação (TIC), registrou quase 4 milhões de acessos aos seus serviços digitais e contabilizou uma economia de R$ 27 milhões em ações administrativas. Além disso, a empresa realizou 12.746 atendimentos na Central de Serviços, manteve 78 softwares e portais e atendeu 3.301 demandas de software. 

De acordo com o diretor-presidente da MTI, Kleber Geraldino, a MTI tem conseguido executar importantes projetos devido a necessidade de comprovação de viabilidade financeira e apesar da redução do número de profissionais, em razão do Plano de Demissão Voluntária (PDV).  

“Começamos o ano passado com muitos problemas e uma situação negativa. Mas, ao longo do ano e nesse início de 2020, todos nós estamos conseguindo mudar essa imagem negativa. Isso nós vemos no dia-a-dia”, disse.

Vice-presidente da MTI, Cleberson Gomes, apresenta painel de resultados

Segundo Kleber, foram estabelecidas as metas para o quadrimestre de forma a comprovar o potencial que a empresa tem para desenvolver projetos e dar maior celeridade, transparência e eficiência ao serviço público, seguindo uma determinação do governador Mauro Mendes. 

“No ano passado mostramos nossa capacidade e viabilidade, com trabalho e desenvolvimento de projetos.  Neste ano teremos ainda mais trabalho, muitas metas a serem cumpridas”, afirmou.

Dentre as metas estabelecidas estão o desenvolvimento do projeto MT Cidadão, em uma nova versão 2.0 com mais funcionalidade, agilidade e qualidade. O MT Cidadão foi desenvolvido em 2015 e proporciona transparência e acesso às informações governamentais de forma prática e rápida. Por meio do aplicativo o cidadão consegue acessar diversos serviços de 13 órgãos públicos.

Novos aplicativos

Outra importante meta é a formalização de parcerias para proporcionar solução de tecnologia para gestão de consignados, dados biométricos e links de comunicação, para interligar os municípios do Estado. Ainda está previsto o desenvolvimento de um aplicativo para a área social a fim de atender uma demanda da primeira-dama de Mato Grosso, Virginia Mendes.

“Até 30 de abril temos que ter entregado esses projetos. Tenho certeza que se entregarmos isso aqui, aumentamos a possibilidade de dar continuidade ao trabalho que a MTI vem desenvolvendo. Junto com o corpo gerencial estamos fazendo essas escolhas para que consigamos atingir essas metas”, disse Cleberson Gomes, vice-presidente da MTI.

Além das metas, segundo Cleberson, estão previstas a realização de outras ações e projetos nas áreas de software, infraestrutura tecnológica e a seleção de parceiros para formalização de parcerias estratégicas.  “Esses são alguns dos projetos nos quais teremos que colocar muito esforço, pois eles farão a MTI mudar de patamar. São projetos que vão possibilitar o pontapé inicial para a transformação digital”, encerrou.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook

Mato Grosso

Videochamadas diminuem falta de contato entre adolescentes e familiares

Publicado

por

Diante da prorrogação da suspensão de visitas nos Centros de Atendimento Socioeducativo (CASEs), como medida de prevenção à contaminação do coronavírus (Covid-19), as unidades estão recorrendo a videochamadas para manter o contato entre familiares e adolescentes. A Nota de Orientação n° 04/2020 da Secretaria Adjunta de Justiça (Saju), que suspendeu por mais 15 dias a visitação, foi publicada nesta sexta-feira (03.04).

O CASE de Lucas do Rio Verde já implementou a iniciativa junto aos 11 adolescentes do sexo masculino que, atualmente, cumprem medida socioeducativa. Segundo a gerente regional da unidade, Natielle Taís Santana Alves Kunh, eles ficaram emocionados ao verem os familiares por vídeo. “É uma maneira de aproximá-los da família neste momento em que as visitas estão suspensas, para minimizar o máximo possível os efeitos da falta de contato pessoal”.

As chamadas serão feitas semanalmente até que as visitas sejam retomadas. A gerente ressalta que com a ferramenta de vídeo, em apenas uma ligação é possível que o adolescente converse e veja mais de uma pessoa da família ao mesmo tempo. “É mais abrangente e um contato mais próximo também do que uma ligação comum”.

A Nota de Orientação da adjunta da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) também mantém as restrições de entrada de pessoas com sintomas de gripe (tosse, coriza, olhos avermelhados, entre outros) e de pessoas consideradas grupos de risco: mais de 60 anos, ou que tenha diabetes, hipertensão, insuficiência renal crônica, doença respiratória crônica, doença cardiovascular, câncer, doença autoimune ou outras afecções que deprimam o sistema imunológico, gestantes, lactantes ou criança.

Também estão mantidas as suspensões de transferências de adolescentes entre Centros de Atendimento Socioeducativo e interestaduais, salvo casos excepcionais, devidamente autorizados pelo Superintendente de Administração Socioeducativa; de atividades religiosas, assim como aquelas que requeiram acesso de pessoas externas que promovam a realização de projetos sociais, de assistência cultural, entre outras; e de realização de cursos e outras atividades coletivas que tenham aglomeração de pessoas, tanto para adolescentes quanto para servidores.

Continuam vedados o recebimento de adolescentes oriundos de outros estados e países, e o recebimento de guloseimas e a entrega aos adolescentes. Também foi deliberado que as unidades devem seguir a determinação de suspender as atividades escolares até o dia 30/04/2020 e decisões posteriores sobre eventual prorrogação; e suspender eventos comemorativos e celebrações extraordinárias a serem realizados dentro das unidades ou com a participação de adolescentes.

Mais medidas

A norma também especifica que os CASEs devem manter atividades físicas e lúdicas, de lazer e recreativas e incentivar a leitura, trabalhos manuais, filmes, jogos, entre outros, em menor número de adolescentes, obedecendo às recomendações do Ministério da Saúde quanto à prevenção do contágio por Covid-19.

Além disso, foi mantido o atendimento psicossocial individualizado a adolescentes privados de liberdade apenas em casos emergenciais ou urgentes, respeitando as recomendações do Ministério da Saúde quanto à prevenção do contágio por COVID-19, especialmente a distância mínima e o ambiente ventilado.

O atendimento presencial a familiares continua suspenso, e as equipes terão que adotar as ferramentas de tecnologia necessárias para este fim. As unidades devem fixar cartazes contendo informações quanto às formas de prevenção, contágio e sintomas do Covid-19 em locais estratégicos e de fácil visualização dos servidores.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Gefron apreende 42 kg de pasta base em Porto Esperidião

Publicado

por

O Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron) apreendeu mais de 42 quilos de pasta base de cocaína durante patrulhamento, na noite desta sexta-feira (03.04). A ação ocorreu na MT-265, no município de Porto Esperidião (322 km de Cuiabá), região de fronteira com a Bolívia.

Na ocasião, os policiais faziam o patrulhamento da área quando viram três pessoas caminhando em uma região de pasto perto da rodovia, no sentido Bolívia-Brasil. Ao ser dada a ordem de parada, os suspeitos atiraram contra a guarnição, que revidaram os disparos. 

Os três suspeitos conseguiram fugir e não foram localizados devido à falta de luminosidade e a dificuldade na locomoção do terreno onde foi registrada a ocorrência. Durante buscas, os policiais encontraram três sacos abandonados que continham os 42 tabletes de pasta base, totalizando 42,4 kg da droga.

O material foi encaminhado à Defron, que investigará a ocorrência. O prejuízo ao crime é estimado em pouco mais de R$ 550 mil.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana