conecte-se conosco

  • banner_Lorenzetti_1250x250

Polícia

Delegado-geral de MT, Mário Dermeval assume presidência do Conselho Nacional de Chefes de Polícia

Publicado


O delegado-geral de Mato Grosso, Mário Dermeval Aravechia de Resende, é o novo presidente do Conselho Nacional dos Chefes de Polícia (CONCPC), desde sábado (02.04), após a então presidente, Nadine Tagliari Farias Anflor, deixar o cargo.

Mário Dermeval ocupava a posição de vice-presidente da administração do CONCPC, no biênio 2021/2023, e assume o cargo após o pedido de licença da delegada Nadine Anflor da função de chefe de polícia do estado do Rio Grande do Sul e consequente pedido de exoneração do cargo de presidente do CONCPC.

O chefe da Polícia Civil de Mato Grosso destacou a grande responsabilidade do cargo evidenciando a oportunidade de trabalhar no ano de 2022 uma gestão focada em aspectos que tragam o fortalecimento das Polícias Civis em todo Brasil, por meio de reuniões e troca de informações entre os chefes de cada uma das instituições no país.

“Vamos buscar soluções, melhorias e mecanismos eficientes de gestão para as Polícias Civis em nível de Brasil, focando na implementação da tecnologia no cotidiano da investigação policial e de gestão, principalmente na área do inquérito policial que é o início do processo criminal. A ideia é implantar uma filosofia de modernidade junto aos chefes de polícia, trabalhando frentes de legislação que permitam uma Polícia Civil cada vez mais eficiente e moderna”

Atuação CONCPC

Criado em 1998, o Conselho Nacional de Chefes de Polícia Civil (CONCPC) é composto pelos Chefes de Polícia, Delegados-Gerais e Diretores-Gerais das Polícias Civis de todos os Estados do Brasil e do Distrito Federal.

O CONCPC se reúne periodicamente para tratar de temas atinentes à atuação das Polícias Civis, visando ao intercâmbio de práticas e experiências para qualificar a investigação criminal.

Além dos Conselheiros, participam como convidados das reuniões Ministros de Estado, Ministros de Tribunais Superiores, Governadores, Secretários de Estado, Deputados Federais e Estaduais, dentre outras autoridades, sempre discutindo formas de combater a criminalidade.

As decisões do CONCPC são consubstanciadas em resoluções e tem caráter orientativo para as Polícias Civis dos Estados e do Distrito Federal, que têm a atribuição de investigação criminal e função de Polícia Judiciária civil.

Além disso, o CONCPC coordena operações nacionais para combater os mais diversos crimes em que a atribuição para investigação é das Polícias Civis dos Estados e do Distrito Federal.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook

Cidades

Quatro morrem carbonizados e um fica ferido em acidente na BR-364

Publicado

Quatro pessoas morreram carbonizadas nesta segunda-feira, 04, após uma grave colisão entre uma Toyota Hilux e uma carreta, na BR-364, entre Comodoro e Campos de Júlio (389 e 313 km de Tangará da Serra, respectivamente). Além dos mortos, uma pessoa ficou gravemente ferida.

Veja abaixo o vídeo do acidente

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, os dois veículos bateram de frente. O trecho na região está interditado para o atendimento da ocorrência.

Vídeo do local do acidente mostra o estrago. A caminhonete partiu ao meio com a batida. A carroceria ficou “para trás” e a cabine foi arrastada alguns metros. Veja vídeo no fim da matéria.

Nas imagens é possível ver bastante fumaça no local e alguns focos de incêndio às margens da pista.

O vídeo também mostra o corpo de um homem carbonizado no meio da pista e outros dois dentro da Hilux. “Gente queimando vivo aqui, gente, que acidente horrível. Você está doido”, narra.

O homem que gravou as imagens ainda conta que o motorista da carreta estava vivo dentro do veículo.

ATENÇÃO: IMAGENS SÃO FORTES

Com Repórter MT

Continue lendo

Barra do Bugres

Pai e filhos são presos na Barra por matar homem com tiro e golpes de facão em Alagoas

Publicado

O Núcleo de Inteligência da Delegacia Regional de Tangará da Serra, coordenado pelo Delegado Adil Pinheiro de Paula, com apoio da Delegacia de Barra do Bugres e atendendo a uma solicitação do Núcleo de Inteligência da SSP de Alagoas, cumpriu nesta manhã de quinta-feira, 30, três mandados de prisão pelo crime de homícidio.

Os três indivíduos presos são pai e filhos. O crime aconteceu no Assentamento São Luiz, Povoado de Ouricuri, zona rural da cidade de Atalaia no Estado de Alagoas.

Segundo o Delegado Adil Pinheiro, os suspeitos em dezembro de 2012 assassinaram a vítima Jakson Batista da Silva com disparo de arma de fogo e golpes de facão. Os criminosos estavam escondidos em Barra do Bugres.

De acordo com a PJC, os presos passaram por exame de corpo delito e foram encaminhados para a Cadeia Pública de Barra do Bugres, onde ficam a disposição da justiça.

Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana