conecte-se conosco

  • banner_Lorenzetti_1250x250

Polícia

Delegacia Fazendária e de Combate à Corrupção serão desinfectadas preventivamente nesta terça-feira (19)

Publicado


Assessoria | Polícia Civil-MT

A Delegacia Especializada de Crimes Fazendários e a Delegacia Especializada de Combate à Corrupção, da Polícia Civil, comunica que na manhã desta terça-feira (19.01), o prédio onde funciona as duas delegacias passará por desinfecção, em ação preventiva de combate à Covid-19.

O serviço de higienização feito através da Secretaria de Estado de Fazenda, será realizado no período matutino, com retorno dos expedientes a partir das 13 horas.

 

 

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook

Polícia

Suspeito de tentar matar companheira em Tangará da Serra é preso pela Polícia Civil cinco dias após o crime

Publicado

por


Assessoria/Polícia Civil-MT

O autor de uma tentativa de feminicídio ocorrida na segunda-feira (01.03) no município de Tangará da Serra teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil, neste sábado em ação da Delegacia Especializada da Defesa da Mulher do município com apoio das equipes do Centro de Detenção Provisória (CDP) e da Delegacia de Campo Novo do Parecis.

 O suspeito de 28 anos teve o mandado de prisão expedido pela Justiça no final da tarde de sexta-feira (05), sendo a ordem judicial cumprida menos de 24 horas depois no município de Campo Novo do Parecis.

O crime ocorreu na noite de segunda-feira (01) quando o suspeito e a vítima tiveram uma discussão, momento em que ele pegou uma faca e desferiu dois golpes contra a companheira, a atingindo na região da cabeça e da barriga. A vítima também teve um corte no dedo enquanto tentava se defender dos golpes Logo após o crime o suspeito fugiu do local.

Uma vizinha que acionou a equipe do Samu e da Polícia, porém antes da chegada dos primeiros socorros, a vítima sofreu convulsões e desmaiou em decorrência dos ferimentos. Assim que foi acionada dos fatos, a equipe da Polícia Civil iniciou as diligências para localizar o suspeito, porém a vítima só teve condições de ser ouvida na quarta-feira (03).

O suspeito já era monitorado por tornozeleira eletrônica em razão de violência doméstica praticado contra outra mulher no município de Barra do Bugres.  

Com base na oitiva da vítima, a delegada Liliane Soares Diogo representou pela prisão preventiva pelo crime de feminicídio, a qual foi deferida pela Justiça no final da tarde de sexta-feira (05).

Imediatamente após a expedição do mandado, a equipe da DEDM de Tangará da Serra iniciou os trabalhos para prender o suspeito e na manhã deste sábado (06), com informações fornecidas pela Centro de Detenção Provisória conseguiu informações de que o procurado estava em Campo Novo do Parecis.

Foi solicitado o apoio da equipe da Polícia Civil do município que conseguiu dar o efetivo cumprimento ao mandado de prisão do suspeito. Ele foi conduzido à delegacia para as providências de praxe e posteriormente será encaminhado para a unidade prisional à disposição da Justiça.  

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Polícia

Batalhão Ambiental encontra homens com pescado proibido e aplica multa de R$ 10 mil

Publicado

por


Uma equipe do Batalhão de Proteção Ambiental em Porto Estrela (a 194 km de Cuiabá) encaminhou à delegacia, nesta sexta-feira (05.03), dois homens (40 e 58 anos), por pesca predatória.

Os policiais realizavam patrulhamento pela Estrada do Boi Morto, nas proximidades da MT-343 e deram ordem de parada ao motorista do Fiat Strada branco, na companhia de um passageiro. Na abordagem, os dois se identificaram como pescadores e na vistoria, os agentes encontraram dois exemplares de peixe Dourado.

Questionados, alegaram que tinham acabado de pescar e levavam para consumo em casa. Disseram terem conhecimento da proibição da pesca desse tipo de pescado.

Diante a situação, foram emitidos autos de inspeção, infração e apreensão, além da multa no valor de R$ 10 mil.  

Serviço

Conforme  a Lei 9.794/2012, que segue em vigor, fica vedada a captura, comercialização e transporte das espécies Dourado (Salminus brasiliensis) e Piraíba (Brachyplatystoma filamentosum), no Estado de Mato Grosso. O que significa que mesmo após o fim do período de defeso da Piracema, a pesca das duas espécies não é permitida em todo território estadual.

Fonte: PM MT

Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana