conecte-se conosco


Entretenimento

Criar filhos no anonimato é escolha que muitas famosas fazem e outras resistem

Publicado

Como figuras públicas, a vida das celebridades é sempre motivo de interesse da mídia. A maternidade das famosas não é diferente, afinal, o assunto gravidez das personalidades sempre ganha o mundo do entretenimento de forma rápida.


Leia também: De bem com a balança! Famosas que recuperaram o shape pouco tempo após parto


Sabrina Sato quando mostrou pela primeira vez o rosto da filha Zoe
Reprodução/Instagram
Sabrina Sato quando mostrou pela primeira vez o rosto da filha Zoe

Toda a idealização pública da maternidade
dessas figuras, no entanto, vem muita das vezes abastecida pelas próprias famosas. Geralmente elas enchem esse interesse com pequenos detalhes capazes de gerar barulho, começando pela forma como anunciam a gravidez. Sabrina Sato
, por exemplo, fez quase uma cerimônia para dizer que a primogênita estava a caminho, com direito a vídeo publicitário caprichado, que lhe rendeu cerca de R$ 150 mil.

Leia também: Anônimos, filhos de famosos viram sucesso nas redes sociais pela beleza

Para tirar proveito da idealização pública e da fase dita como uma das mais bonitas na vida das mulheres, muitas mamães famosas lidam com a gravidez como uma forma de fazer render ainda mais o orçamento e a popularidade. Mayra Cardi, por exemplo, aproveitou a gestação de Sophia para dar dicas sobre hábitos saudáveis na gravidez, o que lhe rendeu muito mais seguidores e visualizações. Esperta, a life coach também passou a divulgar a filha no Instagram em um perfil próprio, antes mesmo dela nascer, e já coleciona mais de 500 mil seguidores.


Mayra Cardi com Sophia
Reprodução/ Instagram
Mayra Cardi com Sophia

Durante a gestação as personalidades normalmente recheiam as redes sociais com imagens romantizadas da barriga e capricham nas publicações patrocinadas. Gerando a todo momento o interesse alheio, algumas passam a “vender a gestação”, como Sabrina Sato, que fez um quadro especial no seu programa para compartilhar publicamente cada etapa do barrigão. 

Leia mais:  Acontece o tão esperado reencontrode Laila e Jamil em “Órfãos da Terra”

Quando a criança vem ao mundo é escolha dos pais a forma com que vai introduzi-la (ou não) na mídia. Ainda usando Sato como exemplo, ela passou cerca de 20 dias instigando a curiosidade de todos para mostrar o rosto da pequena, e decidiu exibi-lá foi em uma imagem produzida por uma equipe de peso.

Mostrar a criança publicamente eleva ainda mais o bolso das  celebridades
 e, consequentemente, a fama. Brad Pitt e Angelina Jolie, por exemplo, embolsaram cerca de US$ 20 milhões em vendas exclusivas das primeiras fotos dos filhos para revistas internacionais, e a exposição das crianças fez com que o nome deles rendessem ainda mais mundialmente.

É fácil destacar que essa prática parece ter ganhado ainda mais força nos últimos anos por conta da alta da internet. Entretanto, esse fato não é novidade. Em 1998, por exemplo, a gravidez de Xuxa ganhou momentos especiais em noticiários importantes do Brasil, além de muitas capas de revistas. Apesar de toda a aposta da apresentadora em introduzir a filha na mídia desde o seu nascimento, Sasha passou anos preservando a sua imagem e se dedicando no crescimento pessoal e intelectual com estudo e viagens, e somente agora, aos 20 anos, ela passou a tentar chamar atenção e conquistar uma popularidade própria carregando o título de it girl.

Maternidade (quase) anônima


Sandy e Isis Valverde optaram pelo anonimato dos filhos
Reprodução/ Instagram
Sandy e Isis Valverde optaram pelo anonimato dos filhos

Na contramão das que exploram a gestação e a imagem dos filhos, há aquelas que se preocupam somente no trabalho árduo de evitar os holofotes, e passam a investir em formas discretas de agir.

Um dos grandes exemplos de atitudes como essa no Brasil é Sandy. A cantora manteve a gravidez quase em off, e desde que Theo nasceu ele só apareceu uma única vez na mídia, em agosto de 2018 quando “invadiu” um ensaio dos pais durante um vídeo no Youtube. Entretanto, o rosto do pequeno não entrou em cena, pois ele só foi filmado de costa e de lado.

Leia mais:  Pré-estreias exclusivas, Aladdin e Toy Story são atrações da Disney na CCXP 2018

Quem provavelmente deve seguir a mesma linha da cantora é Isis Valverde, que deu à luz em novembro de 2018 e desde então tem protegido a imagem de Rael. Até agora a atriz compartilhou apenas dois cliques do pequeno, em ambos a imagem mostra somente os pés cobertos da criança. Apesar de a gravidez da global ter recebido muitos flashes em seu feed, e muita expectativa dos seguidores, ela se manteve longe da mídia durante esse tempo.

A cantora Adele também é adepta ao anonimato do herdeiro, que tem seis anos de idade e nunca teve um clique compartilhado pela mãe. Quando está sendo fotografada por paparazzi, a artista sempre esconde o rosto de Angelo, mas o flagra já aconteceu algumas vezes. Em entrevista para revista Vogue
, ela falou sobre sua atitude: “Eu acho muito difícil ser filho de uma pessoa famosa. E se ele quiser fumar maconha ou beber quando for menor de idade, ou se ele for gay e não quiser me contar? Ele será fotografado e é assim que eu vou descobrir”.

Leia também: Sem flash! Famosos que escolheram deixar seus filhos no anonimato

A forma com que cada estrela lida com a maternidade
são fatores particulares e devem ser respeitados. Entretanto, ao que tudo indica, por conta do avanço das redes sociais provavelmente a exposição da gestação seja o negócio mais lucrativo e com maior tendência de crescimento entre as personalidades públicas. 

Fonte: IG Gente
Comentários Facebook
publicidade

Entretenimento

Kim Kardashian, Flávia Alessandra e os famosos que podem te salvar da prisão

Publicado

por

Já se perguntou de onde vem a fortuna de Kim Kardashian? Atualmente, os rendimentos da celebrity star são derivados de um império cosmético, de seu programa na televisão e campanhas publicitárias, mas tudo começou com o pai da influencer, Robert Kardashian.


Leia também: Retrospectiva 2018! O ano de Kim Kardashian em selfies sensuais


Kim Kardashian com um terninho
Reprodução Twitter
Kim Kardashian resolveu aceitar sua hereditariedade e começou a estudar direito

Robert fez fortuna ao defender casos famosos. A defesa de maior destaque do mediador foi de O. J. Simpson, acusado de assassinar a própria esposa. Seguindo o legado de seu pai, Kim Kardashian
começou a estudar direito. “Tive que pensar muito sobre isso”, disse ela em entrevista à Vogue
americana.

Leia também: Kim Kardashian sensualiza de calcinha e top com mamilos marcados

A influencer pretende concluir o curso em breve para que em 2022 já possa prestar o exame para exercer o ofício. Apesar de parecer um movimento impulsivo, no verão de 2018 Kim passou algum tempo em uma advocacia aprendendo sobre a profissão.

Além da herdeira de Robert Kardashian
, inúmeros famosos também se formaram em direito. Com base na nova empreitada de Kim, selecionamos personalidades, que também são advogadxs.

  • Carlos Alberto de Nóbrega

Carlos Alberto de Nóbrega no site da OAB
Divulgação / Site da OAB
Kim Kardashian e os famosos que já estudaram direito

Antes de ingressar na televisão, o apresentador do “A Praça é Nossa”, Carlos Alberto de Nóbrega formou-se em direito pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Por mais que nunca tenha trabalhado na área, recentemente, ele reativou sua inscrição na Ordem dos Advogados do Brasil, o que lhe permite atuar como advogado, se quiser.

  • Alceu Valença
Leia mais:  Marvel anuncia vinda de Brie Larson para promover “Capitã Marvel” na CCXP 2018

Alceu Valença no site da OAB
Divulgação / Site da OAB
Kim Kardashian e os famosos que já estudaram direito

Conhecido por suas canções, Valença se formou em direito 1969, porém, desistiu das carreiras de advogado e jornalista para dedicar-se às artes. Apesar de ser formado há mais de quatro décadas, o cantor apenas passou no exame da OAB em 2017.

  • Renato Aragão

Renato Aragão no site da OAB
Divulgação / Site da OAB
Kim Kardashian e os famosos que já estudaram direito

Boa parte da vida de Didi, como é conhecido, foi dedicada à televisão, mas poucos sabem que o comediante também é formado em direito. O artista se formou em 1961, no Ceará, e apenas reativou sua inscrição na OAB em 2010.

  • Flávia Alessandra

Flávia Alessandra no site da OAB
Divulgação / Site da OAB
Kim Kardashian e os famosos que já estudaram direito

Leia também: Quarto filho de Kim Kardashian e Kanye West será gerado por barriga de aluguel

Finalizando a lista que começou com Kim Kardashian
está Flávia Alessandra. A loira também se formou pela UERJ. Insegura de não fazer sucesso na carreira artística, ela concluiu o curso e passou na prova da OAB.  Até a publicação desta matéria, o registro de Flávia Alessandra
no banco nacional de dados dos advogados consta como “cancelado”.

Fonte: IG Gente
Comentários Facebook
Continue lendo

Entretenimento

Assassino em série não consegue salvar “O Sétimo Guardião”

Publicado

por

O recurso do “quem matou?” é usado a exaustão pelas novelas hoje em dia. “O Sétimo Guardião” também decidiu apostar no recurso para dinamizar a trama, mas foi mais eficiente ao colocar um serial killer atrás de personagens específicos.


Leia também: “Preconceito é Incluir Uma Negra só Para Ter na Conta” Mila Carmo


atriz ana beatriz nogueira em cena de o setimo guardiao
Divulgação / Rede Globo
Com mais destaque nas últimas semanas, Ondina (Ana Beatriz Nogueira) vai morrer em “O Sétimo Guardião”

A ideia reascende o clima de suspense do começo da novela e tem, inclusive, gerado resultado nos números. No começo de abril “ O Sétimo Guardião
” teve sua melhor audiência, 34 pontos, e ao longo do mês tem conseguido se manter acima dos 30 de média.

Ainda assim, a curiosidade por descobrir quem está por trás dos assassinatos não supera um problema: ninguém se importa muito com quem morreu. Isso porque os guardiães foram mal explorados desde o começo e, com exceção do delegado Machado (Milhem Cortaz), nenhum teve uma história bem desenvolvida.

O que é uma pena, já que os personagens e sua relação misteriosa é um dos  pontos altos
do folhetim. Na última semana, que recebeu a sentença do assassino
foi Milu
(Zezé Polessa), que antes disso teve poucos momentos de destaque. Junto com seu corpo um recado dizia: “faltam quatro”.

Leia mais:  Laura Neiva posta clique de biquíni e Chay Suede comenta

Dos guardiães ainda ativos porém, apenas dois têm histórias: Ondina (Ana Beatriz Nogueira) que se revelará mãe de Luz (Marina Ruy Barbosa) e Gabriel (Bruno Gagliasso), protagonista da novela
. Tanto Aranha (Paulo Rocha) e Eurico (Dan Stulbach) podem partir que pouco mudarão na trama.


ator paulo rocha em cena de o setimo guardiao
Reprodução
Aranha (Paulo Rocha) está na mira do assassino, mas personagem pouco faz diferença na trama

A escolha das mortes, inclusive, não faz muito sentido. Depois de Milu, Ondina deve ser a próxima vítima
do assassino, bem quando sua história fica mais interessante e ganha mais destaque na trama.

Com previsão para terminar em cerca de um mês, esses assassinatos devem ocupar a história principal daqui em diante, junto com a fonte, que é de interesse de Olavo (Tony Ramos). Confusa, a novela vive mudando a motivação dos personagens, e isso também atrapalha a determinação do público em torcer por eles ou contra.

O Sétimo Gaurdião
” pode até ter evoluído com a história do serial killer, mas não o suficiente para fazer com que o público se importe com esses personagens a essa altura do campeonato.

Fonte: IG Gente
Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana