conecte-se conosco


Cidades

CREA terá sede própria em Tangará da Serra

Publicado

A Prefeitura de Tangará da Serra se comprometeu a doar um lote, no bairro Jardim América, destinado à construção de uma sede própria para a inspetoria do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso (Crea-MT), no município.

O presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso (CREA-MT), João Pedro Valente, destacou o apoio do prefeito e da Câmara de Vereadores para que o terreno pudesse ser doado à instituição. “Agradecemos pela sensibilidade que tiveram em relação ao pleito do CREA no sentido de conceder um terreno para que possamos construir a sede própria da inspetoria no município de Tangará da Serra, uma cidade importante, que é polo regional e possui um número significativo de profissionais e empresas registrados no Conselho”.

No encontro entre o prefeito de Tangará da Serra, Fábio Junqueira e o presidente do CREA-MT, João Pedro Valente, ficou estabelecida a doação de um lote.

O projeto ainda precisa ser aprovado em segundo turno de votação, na próxima semana, para só então ser encaminhado à sanção. A área, avaliava em R$ 270 mil, tem 902 metros quadrados e de acordo com representantes do CREA-MT e da Associação dos Engenheiros Agrônomos de Tangará da Serra (AEATGA), será utilizada para a construção da sede da inspetoria da autarquia no município. “O CREA é uma instituição que faz o controle profissional da engenharia, não apenas do profissional, mas também a fiscalização de todas as obras referentes a construções tanto públicas, quanto privadas. Há algum tempo temos a presença física e efetiva do Conselho no município, uma cidade que adquiriu um porte significativo em construção civil e temos a necessidade dessa instituição em Tangará. É gratificante poder contribuir. Entendo que isso provoca uma revolução no Município”, enfatizou Fábio Junqueira.

O CREA unidade Tangará da Serra, de acordo com o projeto de interiorização prevê espaço para funcionamento administrativo, setor de fiscalização, salas para entidades de classe e sistemas tecnológicos, além de atender as normas brasileiras de acessibilidade, com investimento previsto de R$ 640 mil para a construção. A sede, em Tangará da Serra, deverá atender algumas cidades do entorno, como Santo Afonso, Nova Olímpia e Barra do Bugres.

Atualmente, em Mato Grosso são 24 inspetorias, nas cidades de Água Boa, Alta Floresta, Barra do Garças, Cáceres, Campo Novo dos Parecis,  Campo Verde, Canarana, Diamantino, Guarantã do Norte, Jaciara, Juara, Juína, Lucas do Rio Verde, Mirassol D´Oeste, Nova Mutum, Pontes e Lacerda, Primavera do Leste, Rondonópolis, Sapezal, Sinop, sorriso, Tangará da Serra, Várzea Grande e Vila Rica.

 

Comentários Facebook

Cidades

Nasf cria projeto para cuidar dos servidores da saúde

Publicado

por


.

Os servidores da saúde municipal de Sinop estão sendo assistidos pela equipe do Núcleo Ampliado da Saúde da Família e Atenção Básica (NASF/AB) – gerido pelo Instituto Social Saúde Resgate à Vida (ISSRV) – por meio do projeto Cuidando de quem Cuida. Os profissionais estão recebendo atendimento individual psicológico e participam de grupos de pilates, auriculoterapia, arteterapia, roda de terapia integrativa e, ainda, desenvolvem trabalhos com hortaliças e jardinagem.

Conforme a assistente social Lidionete Pedrina Borges de Sales, o intuito do projeto é fortalecer o emocional e ampliar o bem estar dos servidores que atuam na linha de frente do combate à Covid-19. “Todo o trabalho iniciou após ouvir os anseios deles e assim estamos dando sequência neste projeto, sempre abrindo espaço para que todos os envolvidos possam participar trazendo sugestões e somando no crescimento desta ação”, explica Lidionete.

Os atendimentos são realizados na Academia da Saúde. O local também é aberto para que os grupos realizem atividades físicas, obedecendo todas as medidas de prevenção ao contágio por coronavírus.

As Unidades Básicas de Saúde também são parceiras do projeto. No posto Primaveiras está sendo desenvolvida uma horta de ervas medicinais. “O trabalho com a terra tem muitos benefícios à saúde, relaxa, é uma fonte de energia e alegria”, acredita a assistente.

O primeiro encontro de roda terapia foi realizado para os Agentes Comunitários de Saúde (ACS) da unidade Violetas. Além da assistência social, a equipe multidisciplinar é formada por profissionais de educação física, fisioterapia, psicologia, nutrição, educação social e física.

Fonte: AMM

Comentários Facebook
Continue lendo

Cidades

Saúde vacina caminhoneiros contra H1N1 nesta quinta (28)

Publicado

por


.

Pela quinta vez durante a Campanha de Vacinação contra Influenza deste ano, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Rondonópolis vai realizar a distribuição das doses para os caminhoneiros. A partir das 8 horas desta quinta-feira (28), a Pasta vai estar no posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF), na BR-364, saída para Cuiabá. A aplicação da vacina vai ocorrer até acabarem as doses.

“Este ano, promovemos várias ações para vacinação contra H1N1 voltadas aos caminhoneiros em virtude deles fazerem parte de um público-alvo itinerante. Então, repetindo o evento em datas diferentes damos a oportunidade deles se vacinarem, já que, se em uma dessas ocasiões o profissional não estiver na cidade, pode estar em outra”, esclarece a gerente do Departamento de Saúde Coletiva da SMS, Gilceny Machado.

Está prevista para amanhã a distribuição de 150 doses. Além da imunização, a Pasta também estará realizando testes rápidos de sífilis, HIV e hepatite.

“Já temos vários casos de motoristas com coronavírus”, lembra Gilceny, que explica: “Essa vacina não combate a Covid-19. Porém, como os sintomas das duas doenças são semelhantes, ao se vacinar, o indivíduo se protege contra o vírus Influenza e, com isso, elimina o diagnóstico de H1N1 caso apresente os sinais dessas doenças”.

Trabalhando com esse esquema de exclusão da Influenza e como a imunização acontece após duas semanas de tomada a vacina, com essa mobilização, a Saúde, além de facilitar a identificação da Covid-19 no paciente, também ajuda a reduzir a aglomeração nos postos de saúde.

Fonte: AMM

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana