conecte-se conosco

  • banner_Lorenzetti_1250x250

Nacional

CPI da Covid: Osmar Terra volta a citar dados falsos sobre pandemia

Publicado


source

BBC News Brasil

Osmar Terra (MDB-RS) na CPI da Covid
Divulgação/Agência Senado/Edilson Rodrigues

Osmar Terra (MDB-RS) na CPI da Covid


Em depoimento à CPI da Covid nesta terça (22/06), o  deputado federal Osmar Terra (MDB-RS) citou dados falsos sobre a pandemia, como vinha fazendo ao longo de 2020.

Médico e ex-ministro da Cidadania, Terra foi chamado a depor por fazer parte do suposto “gabinete paralelo” que assessorava o presidente sobre a pandemia. Documentos entregues à CPI pelo governo mostram que o deputado esteve em diversas reuniões no Planalto para tratar de assuntos relacionados à covid-19.

Em seu depoimento, o  deputado afirmou que a estratégia da Suécia de não fazer lockdown foi um sucesso e que o país foi um dos que menos tiveram mortes no mundo.

A informação não é verdadeira. Sem isolamento, Suécia sofria já no final de 2020 com covid-19 fora de controle, UTIs lotadas e debandada de profissionais de saúde, como mostrou a BBC.

O deputado foi rapidamente corrigido pelos senadores, que lembraram que o país teve mais mortes por milhão de habitantes que os outros países escandinavos – Noruega, Finlândia e Dinamarca.

Lembraram também que, após a estratégia fracassada de combate à covid-19, o primeiro-ministro do país, Stefan Löfven, sofreu uma moção de desconfiança na segunda (21) e tem uma semana para apresentar sua renúncia.

Previsões erradas e a China

Para justificar as as previsões erradas que fez sobre a pandemia , o deputado citou as curvas de contaminação da China e da Coreia do Sul.

Você viu?

“Eram os dados que a gente tinha na época”, afirmou à CPI. O deputado também afirmou que a diferença entre os dois países asiáticos e o Brasil foi o “surgimento de novas cepas”.

Mais uma vez, a informação não é correta. Embora o surgimento de novas cepas tenha de fato agravado a pandemia no Brasil no fim de 2020, a China e a Coreia do Sul conseguiram conter a pandemia no início do ano porque adotaram estratégias diferentes do Brasil, baseadas em evidências científicas.

A China – que tem dimensões continentais e a maior população do mundo – adotou um lockdown nacional, com cidades maiores do que São Paulo totalmente fechadas, circulação interrompida em rodovias e outras medidas de restrição de circulação.

A Coreia do Sul – que é um país menor – implementou um sistema de testagem em massa e rastreamento de contatos, com quarentena de todas as pessoas que tiveram contato com infectados e o incentivo ao distanciamento social voluntário e generalizado da população.

Comentários Facebook

Nacional

Homem é preso por esfaquear veterinário após animal não resistir à cirurgia

Publicado

por


source
Homem foi preso após esfaquear veterinário na Coréia do Sul
Reprodução

Homem foi preso após esfaquear veterinário na Coréia do Sul

Um homem de 52 anos foi preso nesta quarta-feira, dia 28, por esfaquear um veterinário que havia acabado de operar seu cachorro no dia anterior, na Coreia do Sul. O animal não resistiu à cirurgia, e seu dono, inconformado, atacou o profissional, ferindo-o em um dos braços.

Segundo a imprensa local, o agressor foi autuado por lesão corporal na delegacia de Yangcheon, em Seul. Os investigadores verificaram que o suspeito usou uma tesoura do equipamento da própria clínica para animais, onde o cão dele passou por um procedimento para castração, mas morreu.

Foi apurado ainda que o autor voltou ao estabelecimento embriagado e golpeou o diretor com uma garrafa de bebida alcoólica, atingindo-o na cabeça.

Ambas vítimas foram encaminhadas para um hospital, receberam atendimento e passam bem.

Continue lendo

Nacional

Frente fria histórica: 5 capitais têm mínimas abaixo de 5ºC

Publicado

por


source
Frio
Roberto Parizotti/FotosPublicas

Frio

A frente fria histórica, causada por uma massa de ar polar, avança pelo Brasil nesta quinta, 29, e sexta-feira, 30. De acordo com o Climatempo, hnovos recordes de temperatura mínima já começam a ser registradas no país, como na cidade de São Paulo, que registrou sua menor média de 2021 na madrugada de hoje .

Em outras capitais, também há previsão de muito frio. A previsão é que a temperatura fique abaixo de 5ºC em Porto Alegre, Florianópolis, Curitiba e Campo Grande.

O estado de Santa Catarina registrou o dia mais frio do ano no Brasil nesta quinta. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a menor temperatura foi em Bom Jardim da Serra: -8,6ºC, às 4h. No Mato Grosso do Sul, o dia começou com geada em ao menos 26 municípios.

No Rio Grande do Sul, mais de 30 cidades registraram queda de neve. Algumas delas amanheceram abaixo de 0ºC nesta quinta.

– Com informações do G1.

Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana