conecte-se conosco


Mato Grosso

Com parcerias, unidade prisional leva qualificação profissional a reeducandos

Publicado

Uma parceria entre a cadeia pública de Jaciara, Secretaria de Assistência Social do município, Sine e Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai-MT) possibilitou a qualificação profissional em pintura de obras a 18 reeducandos. Os certificados foram entregues nesta semana na unidade prisional.

Lizeu Dutra é um dos beneficiados com a qualificação e agradece a oportunidade recebida. “Todos estão sempre aqui dando oportunidade para nós. Foi muito bom aprender uma profissão a mais. A gente só tem a agradecer por tudo que vocês têm feito, estão acreditando na mudança do reeducando”.

O diretor da unidade prisional, Ricardo Simplício, afirma que sempre busca parcerias para ofertar qualificação e capacitação, proporcionando ensino e trabalho aliados à disciplina, e a Prefeitura Municipal apoia as ações na cadeia, com demais parceiros como o Senai, que oferta gratuitamente os cursos de qualificação. “Cobramos bom comportamento e respeito às regras e em contrapartida vamos atrás de cursos, de oportunidades de aprendizagem para que ao sair daqui eles possam seguir um novo rumo em suas vidas, buscar uma segunda chance. Para alguns deles acaba sendo a primeira chance, alguns nunca tiveram a oportunidade, nem uma chance de emprego”, explica o agente penitenciário, acrescentando que um dos reeducandos que fez os cursos de pintura e de marcenaria e saiu da unidade, hoje está empregado.

O reeducando Hermes Ferreira destaca a importância da qualificação diante da perspectiva de sair da unidade prisional após cumprir a pena. “Durante o curso de pintura nós aprendemos muitas coisas. E é um meio de vida para quem está aqui dentro saber que vai sair com uma profissão. Uma nova vida para quem quer renovar a vida para o lado de fora”.

Leia mais:  Terremoto de 3.2 graus assusta moradores em Cuiabá

A secretária de Assistência Social de Jaciara, Luciana Cristina dos Santos, falou da necessidade do município em trabalhar pela inclusão social dos reeducandos. “”É uma junção da Assistência Social, Sine e Senai, para fazer a inclusão social. Agradeço ao Simplício que nos atende muito bem, sempre que possível estaremos viabilizando esses cursos na Cadeia Pública de Jaciara”, ressaltou.

Como parte das aulas do curso profissionalizante, os reeducandos fizeram a pintura do prédio da unidade prisional. 

Oficinas laborais

A cadeia pública de Jaciara abriga aproximadamente 74 presos da região. No local, a direção e servidores penitenciários coordenam atividades educativas e laborais com os reeducandos, como oficina de marcenaria e horta. A venda dos móveis fabricados no local é revertida na compra de insumos para a marcenaria e também em melhorias na unidade.

Neste ano, os reeducandos já receberam três cursos profissionalizantes de marcenaria, pintor de obras e aproveitamento de resíduos de madeira.


Com informações da Prefeitura de Jaciara

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Governo lança edital para credenciar médicos legistas para atender população do interior

Publicado

por

O Governo de Mato Grosso lançou o edital para credenciamento de perito oficial médico legista, que irá atender em 17 municípios do interior do Estado, em que não existe unidade da Politec (Perícia Oficial e Identificação Técnica).

Com essa medida, o governo leva a essas localidades o serviço público, garantindo que a população possa ter mais comodidade e que o atendimento seja realizado mais próximo da sua residência.

Os profissionais que serão credenciados irão receber por modalidade de pagamento, ou seja, por serviço realizado.

Para se ter uma ideia, atualmente, a cidade de Juara não conta com os serviços da Politec. Se uma mulher, por exemplo, for vítima de estupro, e fizer a denúncia, ela terá que se deslocar até a cidade de Juína para proceder com o exame de corpo de delito.

Com o credenciamento, a vítima poderá ser dirigida para um profissional da própria cidade, com maior comodidade e contando com um atendimento mais humanizado.

De acordo com o governador Mauro Mendes, a forma encontrada para oferecer esse serviço pela Secretaria de Segurança Pública, por meio da Politec, foi “inteligente” e irá “beneficiar a população dessas regiões que padeciam sem o serviço público”.

“Nós temos casos que talvez muitos desconheçam de pessoas que tenham óbito na cidade, por exemplo, de Colniza. Uma pessoa que morre na cidade de Colniza tem que ser deslocada até a cidade de Juína para fazer o exame de autópsia. Tem que percorrer oito horas, até que possa retornar para o devido sepultamento. Temos muitas cidades que não tem esse serviço hoje”, disse.

Leia mais:  Em MT, mil reeducandos fazem as provas do Enem nesta terça e quarta-feira

Mauro Mendes acrescentou que um dos fatores que o levou a tomar essa medida do credenciamento foi o fato de que o Estado estar impedido de realizar o concurso público, uma vez que está estourado no limite da Lei de Responsabilidade Fiscal.

O governador explicou que todos os profissionais habilitados irão participar de um treinamento para atuar.

“Eles irão prestar de maneira avulsa esse atendimento e serão pagos por isso”, destacou, lembrando que a não realização de exames, como de corpo de delito, pode prejudicar diretamente a condução de uma ação criminal e até, mesmo, a não condenação do autor de um crime.

O diretor geral da Politec, Rubens Okada, informou que os municípios nos quais haverá o credenciamento serão: Rosário Oeste, Vila Rica, Querência, Canarana, Paranatinga, Campo Verde, Guiratinga, Mirassol D’Oeste, Barra do Bugres, Sapezal, Brasnorte, Juara, Cotriguaçu, Colniza, Colíder, Nova Bandeirantes e Nova Mutum.

Ainda de acordo com ele, a escolha levou em consideração o deslocamento da população. Em média, a cidade que ainda não tiver um médico credenciado, ou uma unidade da Politec, ficará distante apenas 70km.

“São horas de viagens para ir, chegar a uma unidade, fazer o exame e retornar. Muitas vezes a vítima até desiste de fazer esse tipo de exame, o que prejudica a persecução penal”, explicou.


O edital será publicado no Diário Oficial do Estado. Nele será possível conferir os valores que serão pagos por procedimento e quem poderá participar.

Leia mais:  Termo de Cooperação Técnica fortalece Rede de Enfrentamento em VG

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Avião cai e explode com pai e filho em Guarantã do Norte

Publicado

Um avião de pequeno porte caiu no fim da tarde desta segunda-feira (16) em Guarantã do Norte.

Ainda não há informações sobre as causas do acidente. As vítimas,  são o empresário Jair Demski e seu filho, João Demski. Eles são proprietários da Jade Engenharia, que atua no ramo da construção civil em Mato Grosso e outros Estados.

Existe a suspeita de que o dono da construtora pilotava a areonave. Uma das possibilidades é de que a falta de balizamento noturno tenha causado o acidente seguido de explosão. O Corpo de Bombeiros foi acionado para conter as chamas e fazer a retirada dos corpos. A Polícia Civil e a Militar também prestam apoio à ocorrência.

A morte do empresário chocou a cidade. Jair Demski, que comemorou aniversário neste domingo (15), era conhecido no município e “querido” pela população. Com informações de Folha Max.

Comentários Facebook
Leia mais:  Termo de Cooperação Técnica fortalece Rede de Enfrentamento em VG
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana