conecte-se conosco


Tangará da Serra

Cadeia Feminina será fechada em Tangará da Serra

Publicado

Foto: reprodução/ilustrativa

A Cadeia Feminina que atualmente abriga 60 reeducandas será fechada em Tangará da Serra. A informação foi confirmada ao Bem Notícias  pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp- MT) por meio da adjunta de Administração Penitenciária (Saap).

O prédio que hoje abriga as reeducandas, que é público, será desativado e vendido e o recurso investido na ampliação de novas vagas no Sistema Penitenciário. Com isso, as detentas serão remanejadas para as demais unidades femininas localizadas em cidades de Mato Grosso. Porém conforme nota encaminhada pela Sesp, ainda não há data para que as transferências sejam feitas.

Contudo, uma fonte revelou ao Bem Notícias que a Cadeia Feminina não está sendo fechada por uma ação que acontece no Estado,  tendo em vista que há previsão de fechamento de algumas unidades, porém todas elas são masculinas. “ (…) se não me engano, são cinco ou seis que serão fechadas (…) possuem de 30 a 40 presos e por isso não é viável ficarem abertas”, disse.

No caso da Cadeia Feminina, ainda de acordo com a fonte, além de ser regional e a terceira maior do estado nunca apresentou problemas.  “Não tem histórico de fugas, motim e rebelião (…) não se tem um motivo para o fechamento. É muito estranho”, afirmou a   fonte frisando ainda que o entendimento diante da situação é que o fechamento estava sendo encabeçado apenas por uma única pessoa. “Não sei por qual motivo, nem qual o interesse nisso ”, pontuou.


Informações levantadas pela reportagem dão conta ainda  que quando familiares das reeducandas foram informados de um possível fechamento, eles se mobilizaram e até fizeram um abaixo assinado, mas não adiantou. Com a transferência, eles  terão que se deslocar para outras unidades, para visitar as reeducandas.

Leia mais:  Derrotado e citado em delação, Wagner Ramos diz que lutará pela inocência

Comentários Facebook

Economia

Black Friday Jeliel: peças elegantes e sofisticadas a partir de R$19,99 e com descontos de até 70%

Publicado

Se você ama complementar os looks com acessórios da moda, não pode perder a promoção Black Friday da Jeliel Semijoias em Tangará da Serra.

Usar acessórios de luxo é o sonho de consumo de muitas mulheres, seja pela reputação da marca ou pelo design da peça. Com a Jeliel, você pode realizar este desejo e encontrar todas as tendências a preços promocionais.

Momentos especiais merecem ser marcados, e a Jeliel entrou no clima do fim de ano, inspirado pela Black Friday que segue no mês de novembro em campanha promocional, com peças a partir de R$19,99 e estoque, com descontos de até 70%.  Ofertas exclusivas, que permitem comprar um presente legal para si ou presentear alguém especial, e ainda economizar, podendo pagar os produtos parcelados no cartão.


Na Black Friday Jeliel além de promoções incríveis, você leva a elegância e a sofisticação da marca e garante aquela peça para marcar um grande momento. Invista em assessórios da moda e crie looks estilosos e atuais, com a Black Friday Jeliel Semijoias.

Comentários Facebook
Leia mais:  Banca da UFMT, idealizadora do concurso público em Tangará da Serra, nega vazamento de informações
Continue lendo

Água

Com retorno das chuvas, SAMAE confirma fim do racionamento

Publicado

Após cerca de 70 dias de racionamento e o fim da estiagem severa que assolou a região, o Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (SAMAE) confirmou na manhã desta quinta-feira (21) a volta da normalidade no abastecimento em Tangará da Serra.

Foto: Sérgio Roberto

Por outro lado, Wesley Lopes Torres destacou que a crise no abastecimento foi amenizado pelo sistema de reservação da Estação de Captação, Tratamento e Distribuição de Água, que além das lagoas na área da ETA Queima Pé, incluem duas represas à montante, em propriedades particulares, porém com operacionalização do SAMAE.

Ainda segundo o diretor da autarquia, o município licitará ainda este ano as obras de captação e adução de água do rio Sepotuba, com investimento inicial viabilizado com recursos próprios já no início de 2020.


 

 

 

 

Fonte:EnfoqueBusiness

Comentários Facebook
Leia mais:  Temporal causa estragos, Vila Esmeralda foi a área mais atingida, aponta balanço do Corpo de Bombeiros
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana